A diretora Chloe Zhao e cenas de Bela Vingança, A Voz Suprema do Blues e Minari

Créditos da imagem: Amanda Edwards/AFP, Divulgação

Filmes

Lista

Oscar 2021 | Conheça o lado pop dos indicados à premiação

Mesmo sem blockbusters na categoria principal, a lista está repleta de nomes envolvidos com obras queridinhas dos fãs da cultura pop

Mariana Canhisares
15.03.2021
13h33
Atualizada em
15.03.2021
13h51
Atualizada em 15.03.2021 às 13h51

A Academia de Artes e Ciências Cinematográficas revelou a lista de indicados para o Oscar 2021 nesta segunda-feira (15) e, embora a categoria principal não tenha nenhum blockbuster, é curioso notar como os atores e diretores de vários dos principais filmes indicados são responsáveis por algumas das obras mais adoradas da cultura pop. Duvida? Então, confira a seguir o lado pop dos indicados ao Oscar:

Bela Vingança

Bela Vingança
Divulgação

Bela Vingança (Promising Young Woman, no original) é talvez o indicado com mais cara da cultura pop. Por mais que misture cinismo e humor para narrar a história de Cassie (Carey Mulligan), uma mulher que teve seu futuro destruído por um evento misterioso do passado, o longa tem uma trilha sonora dominada justamente pelo pop, com músicas de Paris HiltonCharli XCX e até uma versão macabra de “Toxic”, da Britney Spears.

E não para por aí. A diretora e roteirista Emerald Fennell, por exemplo, também é atriz, tendo como grande destaque no seu currículo o papel de Camila Parker Bowles, em The Crown. O elenco coadjuvante também está repleto de queridinhos do público, como Adam Brody, o Seth Cohen de The O.C.; Jennifer Coolidge, a Paulette de Legalmente LoiraAlison Brie, a Annie de Community; e Christopher Mintz-Plasse, o McLovin de Superbad.

Nomadland

Nomadland
Divulgação

Nomadland tem marcado presença na temporada de premiações e, portanto, não seria uma surpresa se saísse vencedor em pelo menos uma das categorias principais da noite. Protagonizado por Frances McDormand, que já tem duas estatuetas em casa por Três Anúncios para um Crime e Fargo, o longa acompanha uma mulher que, drasticamente afetada pela recessão econômica dos Estados Unidos, passa a viver como uma espécie de nômade, fazendo trabalhos sazonais enquanto viaja pelo oeste americano.

O filme tem roteiro, direção, edição e produção de Chloé Zhao, um nome ainda não muito conhecido no mundo nerd, mas que em breve o será. Afinal, Zhao está a frente também de Os Eternos, um dos lançamentos mais aguardados do Marvel Studios, com nomes como Angelina Jolie, Kit HarringtonGemma Chan e Richard Madden. O filme tem estreia prevista para 5 de novembro de 2021.

Minari: Em Busca da Felicidade

Minari: Em Busca da Felicidade
Divulgação

Escrito e dirigido por Lee Isaac ChungMinari é um filme semi autobiográfico a respeito da infância do cineasta em uma fazenda humilde no Arkansas, nos Estados Unidos. Ao longo de quase duas horas, a produção acompanha os percalços de uma família de imigrantes sul-coreanos tentando sobreviver e conquistar seu sonho americano. A premissa do longa não soa exatamente como uma obra pop, é verdade. Mas o elenco de Minari tem ao menos um rosto conhecido do grande público: Steven Yeun.

Enquanto aqui ele vive o patriarca Jacob, Yeun é um rosto bastante familiar para os fãs de The Walking Dead. Durante seis anos ele interpretou Glenn, um personagem bastante carismático que definitivamente deixou saudades. Sua morte na série, inclusive, foi uma das mais gráficas, com o jovem morrendo pelas mãos do vilão Negan.

Mas a série baseada nas HQs de Robert Kirkman não é a única conexão de Minari com a cultura pop. Lee Isaac Chung está reescrevendo o roteiro e vai dirigir o live-action de Your Name, anime fantástico que conta a história de dois adolescentes que descobrem que são capazes de trocar de corpo.

Os 7 de Chicago

Os 7 de Chicago
Netflix/Divulgação

Inspirado em fatos reais, Os 7 de Chicago narra a história do que era para ser um protesto pacífico na Convenção Nacional do Partido Democrata de 1968, mas se transformou em um violento confronto com a polícia e a Guarda Nacional dos Estados Unidos. O segundo filme de Aaron Sorkin como diretor conta com um elenco espetacular: Sacha Baron CohenEddie RedmayneYahya Abdul-Mateen II e Joseph Gordon-Levitt são apenas alguns exemplos dos atores dessa produção.

Esses nomes, claro, são bastante familiares para os fãs da cultura pop. Baron Cohen voltou aos holofotes em 2020 com o lançamento de Borat 2: Fita de Cinema Seguinte, interpretando seu memorável personagem de 2006. Além dele, Yahya Abdul-Mateen II também foi muito reconhecido por sua performance na minissérie da HBO Watchmen.

Já Redmayne é o rosto da franquia mágica Animais Fantásticos, enquanto Gordon-Levitt foi o Robin da trilogia do Cavaleiro das Trevas de Christopher Nolan, e protagonizou a comédia romântica (500) Dias com Ela.

O Som do Silêncio

O Som do Silêncio
Divulgação

Protagonizado por Riz AhmedO Som do Silêncio conta a história de um jovem baterista que vê sua vida mudar completamente depois que começa a perceber que está perdendo a audição. Além das muitas camisetas de banda usadas pelo protagonista, a cultura pop aparece na própria escalação de Ahmed, que tem no currículo nada mais, nada menos que Venom!

Mas essa não é a única conexão. O elenco ainda conta com Olivia Cooke no papel da namorada e vocalista da banda Lou. Anos antes do filme indie, a atriz deu as caras nos queridinhos do público Jogador Nº 1 e Bates Motel. Além dela, há também Lauren Ridloff, conhecida dos fãs de The Walking Dead e uma das novidades que chega ao MCU em Os Eternos.

Mank

Mank
Netflix/Divulgação

Com direção de David FincherMank é um prato cheio para os cinéfilos. Com pouco mais de duas horas de duração, o longa conta a história do roteirista Herman J. Mankiewicz, a mente por trás do clássico de Orson Welles Cidadão Kane. No entanto, nem só de cinefilia vive a produção da Netflix. Assim como a animação Soul, a trilha sonora de Mank é assinada por Trent Reznor e Atticus Ross, do Nine Inch Nails. Mas, calma, tem mais!

Mankiewicz é interpretado por Gary Oldman, figurinha repetida em algumas das franquias mais adoradas da cultura pop. Ele é tanto o Sirius Black em Harry Potter, quanto o Comissário Gordon na trilogia do Batman do diretor Christopher Nolan. O elenco ainda conta com Amanda Seyfried, muito lembrada por interpretar Sophie em Mamma Mia! e Karen em Meninas Malvadas.

Meu Pai

Meu Pai
Divulgação

Estrelado por Anthony Hopkins e Olivia ColmanMeu Pai é centrado no relacionamento entre um homem de 81 anos e sua filha Anne, que está prestes a se mudar para Paris e, portanto, não poderá cuidar mais do pai como antes. A partir dessa premissa, porém, o diretor Florian Zeller faz um retrato da demência com delicadeza e vulnerabilidade, narrando os eventos seguintes sob a perspectiva do patriarca, resistente a auxílios externos.

A trama do filme não grita cultura pop, mas sua dupla de protagonistas certamente. Enquanto Colman brilha como a rainha Elizabeth nas últimas duas temporadas de The Crown, além de ser destaque também como a madrasta em Fleabag, Hopkins é um gigante do cinema, sendo invariavelmente lembrado como Hannibal Lecter.

Judas e o Messias Negro

Judas e o Messias Negro
Divulgação

Judas e o Messias Negro conta a história de Fred Hampton, líder dos Panteras Negras e um dos símbolos da luta por direitos civis nos Estados Unidos, e do infiltrado no partido Bill O'Neal, mandado pelo FBI para espionar e sabotar o movimento.

Os protagonistas são vividos por Daniel Kaluuya e Lakeith Stanfield, que repetem a dobradinha do terror Corra!. Mas os atores também são muito celebrados por outros papéis na cultura pop. Kaluuya deu seus primeiros passos na carreira na série teen Skins, além de ser parte do elenco de Pantera Negra. Já Stanfield, conhecido sobretudo por Atlanta, também deixou sua marca para os fãs de anime e mangá, na adaptação live-action de Death Note.

A Voz Suprema do Blues

A Voz Suprema do Blues
Divulgação

A Voz Suprema do Blues é outro indicado com nomes queridos do universo nerd: a adaptação da peça do dramaturgo americano August Wilson conta com Viola Davis Chadwick Boseman encabeçando o elenco. Enquanto a premiada atriz interpreta a cantora de blues Ma Rainey, que vai para Chicago gravar um novo álbum e enfurece seus produtores, ambos brancos, no seu último trabalho Boseman é Levee, um músico no início de carreira com muitos sonhos e visões antagônicas às dos seus colegas de banda.

Boseman, claro, é o Pantera Negra do MCU. Já Davis tem no currículo a personagem Amanda Waller, a mentora do Esquadrão Suicida da DC. Além do filme de David Ayer, de 2016, a atriz deve reprisar o papel no longa de James Gunn, que tem estreia marcada para 6 de agosto.

Destacamento Blood

Destacamento Blood
Reprodução

Destacamento Blood, o último trabalho do diretor Spike Lee, narra a história de quatro ex-veteranos da Guerra do Vietnã que, anos depois do conflito, voltam ao país para recuperar um tesouro que esconderam e o corpo do seu líder, Norman Holloway. Esse personagem é interpretado também por Chadwick Boseman que, como já foi mencionado antes, é o Pantera Negra do MCU. Mas há no elenco outra conexão com o universo da cultura pop: Jonathan Majors. O ator foi um dos grandes destaques do último ano com sua performance na série Lovecraft Country e já está confirmado em Homem-Formiga 3, no papel do vilão Kang, o Conquistador.

Uma Noite em Miami

Uma Noite em Miami
Divulgação

Narrando uma noite de celebração que reuniu Cassius Clay (Eli Goree), Malcom X (Kingsley Ben-Adir), Jim Brown (Aldis Hodge) e Sam Cooke (Leslie Odom Jr.), Uma Noite em Miami adapta a peça de Kemp Powers e traz Regina King a frente do seu primeiro filme como diretora. A primeira conexão com a cultura pop, claro, está em King. Além de ser amplamente reconhecida por sua performance em Watchmen, ela marcou presença em filmes como Miss Simpatia e A Nova Cinderela. Mas, além disso, o filme traz Leslie Odom Jr. e, portanto, seria impossível não lembrar do Aaron Burr de Hamilton. E, se não bastasse, Kingsley Ben-Adir acabou de ser anunciado como o vilão da série Invasão Secreta, da Marvel.

Mas o que talvez muitos fãs de animação não saibam é que Powers, que assina o roteiro de Uma Noite de Miami, também é um dos responsáveis pelo mais recente sucesso da PixarSoul.

Ao continuar navegando, declaro que estou ciente e concordo com a Política de Privacidade bem como manifesto o consentimento quanto ao fornecimento e tratamento dos dados para as finalidades ali constantes.