Montagem de séries

Créditos da imagem: Divulgação

Séries e TV

Lista

As melhores séries 2020 até agora

Listamos as produções da TV que foram destaque no primeiro semestre

Camila Sousa
03.07.2020
17h13

2020 é um ano atípico e isso se reflete também na cultura pop. Com a pandemia do coronavírus, filmes e séries foram afetados, mas a TV teve uma leve vantagem nesse contexto, já que muitas produções já estavam gravadas e o público que não pode ir aos cinemas está ávido por novos conteúdos em canais e streamings.

Na lista abaixo, reunimos as melhores séries lançadas em 2020 até agora. A lista tem produções que começaram e terminaram este ano, ou que foram lançadas de uma vez. Ao final há uma menção honrosa para produções que começaram em 2019 e terminaram em 2020.

Brooklyn Nine-Nine (7ª temporada)

Foto de Brooklyn Nine-Nine
Divulgação

Antes mesmo do coronavírus tomar conta do mundo, a 7ª temporada de Brooklyn Nine-Nine começou a ser exibida nos EUA, em janeiro de 2020. O ano é bastante focado nas mudanças de vida dos personagens, especialmente de Jake Peralta, que tem medo de assumir mais responsabilidades e se tornar um “adulto chato”. A temporada foi encerrada em abril com um lindo momento entre o personagem e Amy, mantendo a característica de misturar humor com assuntos importantes.

Outlander (5ª temporada)

Foto de Outlander
Divulgação

Após uma 4ª temporada confusa e fraca, Outlander entregou tudo o que os fãs esperavam em seu quinto ano. Inspirados nos livros de Diana Gabaldon, os episódios focaram no desenvolvimento da família em Fraser’s Ridge, incluindo a adaptação de Roger e Brianna. O 5º ano é marcado por momentos de profundo amor e crueldade, adaptando trechos pesados do livro e terminando com uma ponta de esperança (e medo) do futuro.

Arremesso Final (Minissérie)

Foto de Arremesso Final
Divulgação

A série documental da ESPN lançada no Brasil pela Netflix produziu um efeito nostálgico no público. Com 10 episódios, a produção acompanha o último campeonato de basquete do time Chicago Bulls sob a liderança de Michael Jordan, e também mostra bastidores do passado do atleta. E se engana quem pensa que Arremesso Final é apenas para os fãs do esporte. Mesmo quem não acompanha assiduamente o basquete encontra na minissérie um quê nostálgico dos anos 90 que faz valer a pena a jornada. 

Dark (3ª e última temporada)

Foto de Dark
Divulgação

Dark pode ser considerada um clássico moderno da Netflix. A série alemã cativou os fãs com uma trama cheia de mistérios e linhas do tempo, o que incentivou diversas teorias nas redes sociais. A série chegou ao final na 3ª temporada, dando respostas aos fãs e apostando em uma trama ousada, característica que marcou toda a sua trajetória. É um destaque do primeiro semestre e, com certeza, do ano inteiro.

The Politician (2ª temporada)

Foto de The Politician
Divulgação

Após o sucesso da primeira temporada, Ryan Murphy voltou em 2020 com a 2ª temporada de The Politician. O novo ano apostou em alguns exageros que não se encaixaram muito bem, mas as produção merece seu lugar na lista especialmente por conta do elenco. Nomes como Ben Platt, Zoey Deutch, Lucy Boynton e Gwyneth Paltrow trazem qualidade para a história política e jovem do seriado.

A Máfia dos Tigres (Tiger King, minissérie)

Foto de A Máfia dos Tigres
Divulgação

2020 também teve o lançamento da série documental A Máfia dos Tigres (Tiger King). A produção da Netflix acompanha a vida de Joe Exotic (cujo visual se tornou um fenômeno), um dono de zoológico que se envolve no submundo dos criadores de grandes felinos e acaba acusado de um assassinato. Misturando a história bizarra com a qualidade do documentário, o seriado se tornou um fenômeno nos primeiros meses da quarentena e merece um lugar na lista.

Eu Nunca… (1ª temporada)

Foto de Eu Nunca…
Divulgação

Já renovada para a segunda temporada, Eu Nunca… é produzida por Mindy Kaling e inspirada em sua vida. A produção conta a história de Devi, uma jovem de origem indiana que cresce nos Estados Unidos e enfrenta todos os problemas típicos da adolescência. O que torna eu Eu Nunca… tão interessante é como ela faz isso: o humor é no ponto certo e brilhantemente misturado com pitadas de drama. Ao terminar de ver os episódios, é fácil ver Devi como uma amiga e querer saber o que acontecerá com ela. 

Feel Good (1ª temporada)

Foto de Feel Good
Divulgação

Lançada na Netflix, Feel Good é outra série inspirada em uma história real, dessa vez da comediante canadense Mae Martin. Uma das maiores qualidades de Feel Good é, mais uma vez, não apenas os temas que ela trata, mas também a forma como faz isso. O seriado é brutalmente honesto de uma forma que gera várias reflexões, e une isso com uma fofa história de amor. A mistura deu muito certo.

Sex Education (2ª temporada)

Foto de Sex Education
Divulgação

Em janeiro, antes do coronavírus se tornar uma pandemia, chegou à Netflix a aguardada 2ª temporada de Sex Education. Se o primeiro ano da produção já mereceu destaque pelos temas abordados, o segundo ano foi além e se tornou ainda mais profundo e difícil. Sex Education explora muito bem a individualidade de seus personagens e com certeza é uma série que será lembrada por sua importância para toda uma geração.

Little Fires Everywhere (Minissérie)

Foto de Little Fires Everywhere
Divulgação

Enquanto os EUA (e o Brasil, em menor número) viu a chegada dos protestos do Black Lives Matter, o Amazon Prime Video trouxe ao Brasil Little Fires Everywhere, série inspirada no livro de mesmo nome de Celeste Ng. A produção televisiva mudou a etnia de uma das protagonistas e com isso ficou no centro de uma discussão extremamente relevante, ao mesmo tempo em que funciona como um passatempo para maratonar. Manter o equilíbrio entre esses dois lados garante o lugar da produção em nossa lista.

Coisa Mais Linda

Foto de Coisa Mais Linda
Divulgação

Após encantar os fãs com a primeira temporada, Coisa Mais Linda, série brasileira da Netflix, voltou para o 2º ano ainda mais forte. A produção ainda está apegada a um formato de novela, com alguns diálogos expositivos, mas isso não tira o brilho das discussões pertinentes que ela propõe, incluindo temas como machismo, feminicídio, preconceito racial, masculinidade tóxica, entre vários outros. Coisa Mais Linda é uma série de época, mas segue totalmente atual.

Love, Victor

Foto de Love, Victor
Divulgação

Derivada do filme Com Amor, Simon, Love, Victor se passa na mesma escola da história original, desta vez com Simon ajudando o aluno novo Victor a se adaptar ao ambiente. Uma das grandes qualidades da série é construir bem as relações de Victor, trazendo com elas todas as dúvidas da juventude pelo ponto de vista de um jovem LGBTQIA+ que está tentando se descobrir no meio de tudo isso. Delicada e fofa na medida certa.

Menção honrosa

Foto de BoJack Horseman
Divulgação

Esse item é especial para temporadas de séries que começaram em 2019 e terminaram em 2020, como o final de BoJack Horseman, a despedida de The Good Place, a emocionante 4ª temporada de This is Us, a segunda parte da 4ª temporada de My Hero Academia e a segunda metade do 9º ano de The Walking Dead.

Ainda que sejam apenas uma parte de 2020, todas essas produções se destacam, seja pela despedida final dos personagens, como em BoJack e The Good Place, seja pela nova fase que os episódios trouxeram, como em The Walking Dead e This is Us.