Tom Cruise em Missão Impossível: Protocolo Fantasma

Créditos da imagem: Paramount Pictures/Divulgação

Filmes

Notícia

Tom Cruise pode filmar longa no espaço com ajuda de Elon Musk

Filme estaria sendo desenvolvido em parceria com a NASA

Nicolaos Garófalo
05.05.2020
00h27

Não é novidade que Tom Cruise vai a extremos para levar a melhor experiência em filmes de ação para seus fãs. Conhecido por filmar suas próprias cenas perigosas em diversos projetos diferentes, o ator estaria agora se preparando para um novo longa rodado no espaço. Segundo o Deadline, o astro teria se juntado à NASA e à Space X (empresa de Elon Musk) para um novo filme original gravado na órbita terrestre.

Por enquanto, não há grandes informações sobre o projeto. De acordo com a reportagem, a produção não fará parte da franquia Missão: Impossível e ainda não está atrelada a nenhum estúdio.

Nos últimos anos, Cruise tem arriscado a vida de diferentes maneiras em seus filmes. Só interpretando o espião Ethan Hunt, o astro já se segurou do lado de fora de um avião, se pendurou das janelas do Burj Khalifa, em Dubai, e ficou seis minutos sem respirar debaixo d’água. Nas filmagens de Missão: Impossível: Efeito Fallout, o ator machucou a perna ao saltar de um prédio para o outro, levando a produção a ser paralisada por semanas.

As filmagens de Missão: Impossível 7 foram suspensas no começo do ano por causa da pandemia do novo coronavírus. 

Tom Cruise, Rebecca Ferguson e Simon Pegg têm retornos confirmados, enquanto Hayley Atwell (Agent Carter), Nicholas Hoult (X-Men: Fênix Negra) e Pom Klementieff (Guardiões da Galáxia Vol. 2) também já foram anunciadas no elenco.

Christopher McQuarrie dirigirá ambas as continuações. Ele foi o único diretor da história da franquia a retornar para um segundo filme quando assumiu Efeito Fallout. O sexto Missão: Impossível arrecadou US$ 791 milhões no mundo inteiro, e recebeu o prêmio de Melhor Filme de Ação no Critics' Choice Awards.

Desde o começo da pandemia do coronavírus, várias áreas do entretenimento foram afetadas com o adiamento de estreias, paralisação de produções e cancelamento de grandes eventos.