Filmes

Lista

Coringa | Tudo o que sabemos sobre o filme solo do vilão

Longa estreia em 4 de outubro

Julia Sabbaga e Camila Sousa
28.08.2019
14h31
Atualizada em
28.08.2019
16h40
Atualizada em 28.08.2019 às 16h40

A data de estreia do filme solo do Coringa se aproxima e, assim como seu protagonista, o projeto continua envolto de mistérios. Mas juntando peças do trailer com algumas informações já reveladas, conseguimos ter uma ideia do que esperar do longa. Confira a seguir tudo o que sabemos até agora:

Trailer final

Depois do primeiro trailer, fotos e cartazes, a Warner divulgou o trailer final legendado de Coringa. Com mais de 2 minutos, a prévia mostra Arthur Fleck sendo rejeitado por sua terapeuta e ficando irado ao ser ridicularizado na TV por Murray Franklin, personagem de Robert De Niro. Outro detalhe é a estética sombria escolhida pelo diretor Todd Phillips.

Sinopse e a época

A Warner Bros divulgou mais detalhes sobre a trama. Segundo a descrição, o longa mostra um homem lutando para se integrar à sociedade despedaçada de Gotham. Trabalhando como palhaço durante o dia, ele tenta a sorte como comediante de stand-up à noite... mas descobre que a piada é sempre ele mesmo. Preso em uma existência cíclica, oscilando entre a realidade e a loucura, Arthur toma uma decisão equivocada que causa uma reação em cadeia, com consequências cada vez mais graves e letais, nesta exploração ousada do personagem.

O ator Shea Whigham revelou que o longa se passa em 1981, dando até mais pistas da trama, falando sobre seu papel e do colega Bill Camp: "Ele e eu interpretamos dois policiais de Gotham em 1981, quando a cidade era bem difícil. Estamos investigando algo que acabou de acontecer, no começo do filme. Estamos tentando chegar ao fundo disso e tudo leva aonde precisa levar". 

Personagens e dramas

O trailer final confirma que Zazie Beetz interpreta Sophie Dumond, interesse amoroso de Arthur Fleck. A personagem aparece em algumas cenas e beija o personagem de Joaquin Phoenix. Anteriormente, Dumond foi descrita como"uma mãe solteira, não bela, mas dura, que vive no Lower East Side, fazendo o seu melhor e arranjando um jeito de se virar".

Outro detalhe da prévia é Frances Conroy no papel de Penny Fleck, mãe do protagonista. Em certo momento, Arthur aparece com a personagem no hospital, mostrando que sua condição de saúde pode agravar ainda mais a revolta do Coringa com o mundo.

O vídeo também mostra Robert De Niro como o apresentador e comediante Murray Franklin e Brett Cullen como Thomas Wayne.

Tom

As imagens e trailers de Coringa confirmam que o longa será sombrio, mas esta não foi a única pista do tom da história. Rumores já descreveram o filme como "de partir o coração""de dar pena" e "trágico", ainda citando toques políticos"definitivamente há uma inclinação política, com alguns comentários em referência a Donald Trump. Algo como o estilo de V de Vingança". 

Referências

O diretor Todd Philips já revelou que uma de suas influências para Coringa foi clássico cult de Martin ScorseseO Rei da Comédiainformação que foi confirmada por Robert De Niro, que viveu o protagonista no filme de 1982. Os trailers também mostram possíveis referências à Piada Mortal, Charles Chaplin e Taxi Driver.

Trilha sonora

A compositora responsável pela trilha de Coringa é Hildur Gudnadottir, nome por trás de projetos como Sicário: Dia do Soldado, Maria Madalena, e a série Chernobyl, da HBO. Um dos detalhes que mais chamou a atenção no primeiro trailer é a música "Smile", composta por Charlie Chaplin.

Data de estreia

Coringa chega ao Brasil em 3 de outubro, um dia antes da estreia nos EUA.

Classificação indicativa

No Brasil, a classificação indicativa só é divulgada poucos dias antes da estreia. No entanto, o diretor Todd Phillips afirmou em junho que o longa deve receber a censura para maiores de 18 anos.

Inspiração nas HQs?

Embora o Coringa tenha várias origens diferentes nos quadrinhos - e nenhuma oficial, o diretor Todd Phillips afirmou que o longa não segue diretamente nenhuma HQ: "Escrevemos nossa própria versão de como um cara como o Coringa poderia surgir. É isso o que torna interessante para mim. Não estamos nem mesmo fazendo o Coringa, mas a história de se tornar Coringa. É sobre esse homem.” 

Festivais

Muitos fãs imaginam que Coringa pode marcar presença em premiações como o Oscar e um dos indicativos disso é que o longa foi selecionado para alguns importantes festivais de cinema. O primeiro é o de Veneza, que marca a estreia mundial do filme. O segundo é o de Toronto, que será a première na América do Norte.

Bilheteria

As primeiras projeções de bilheteria indicam que Coringa pode arrecadar mais do que Aquaman em sua estreia nos EUA. É esperado que a produção tenha a bilheteria em torno de US$ 77 milhões no lançamento, enquanto o longa de Jason Momoa fez US$ 67 milhões.

Risada bizarra

Um dos detalhes que mais chamou a atenção dos fãs nos trailers é a risada de Phoenix. Em uma entrevista, o astro disse que se inspirou em pessoas que têm risada patológica e não conseguem parar. Sinistro!

Sequência

Todd Phillips está tão animado com o lançamento de Coringa, que não descarta fazer uma sequência. Falando para a revista TotalFilm, o diretor disse que se a Warner chamar, ele tem certeza que pode fazer uma boa história ao lado de Phoenix: "eu faria qualquer coisa com Joaquin".

Medo de aceitar o papel

Todos sabem que o papel do Coringa é envolto em um certo mistério, desde a morte de Heath Ledger, até as loucuras de Jared Leto no set. Em uma entrevista, Joaquin Phoenix revelou que ficou com certo medo de aceitar o papel do vilão: "Agora, quando olho para trás, não entendo por que. Havia muito medo, sim".