Filmes

Notícia

Coringa | Joaquin Phoenix revela origem sombria da risada do personagem

Ator se baseou em transtorno psicológico real

A cozinha
04.09.2019
20h00
Atualizada em
04.09.2019
18h53
Atualizada em 04.09.2019 às 18h53

Joaquin Phoenix se baseou em um transtorno psicológico para criar a risada do Coringa no filme solo do personagem. O ator explicou o método em entrevista à revista italiana La Repubblica, dizendo que começou o estudo do Coringa por seu riso icônico [via CBR]: "Eu assisti vídeos de pessoas que sofrem de uma risada patológica, um transtorno neurológico que faz com que indivíduos riam incontrolavelmente".

Na estreia do longa no Festival de Veneza, o ator Joaquin Phoenix e o diretor Todd Phillips foram ovacionados durante oito minutos.

Segundo a sinopse oficial, Coringa segue a história de Arthur Fleck, um homem lutando para se integrar à sociedade despedaçada de Gotham. Trabalhando como palhaço durante o dia, ele tenta a sorte como comediante de stand-up à noite... mas descobre que a piada é sempre ele mesmo. Preso em uma existência cíclica, oscilando entre a realidade e a loucura, Arthur toma uma decisão equivocada que causa uma reação em cadeia, com consequências cada vez mais graves e letais, nesta exploração ousada do personagem. Além de Phoenix, Coringa também traz Robert De NiroZazie Beetz, Frances Conroy Marc Maron.

A estreia no Brasil está marcada para 3 de outubro.