Jungle Cruise | Édgar Ramírez defende estreias no streaming: "Festa do cinema"

Créditos da imagem: Disney/Divulgação

Filmes

Notícia

Jungle Cruise | Édgar Ramírez defende estreias no streaming: "Festa do cinema"

Ator citou a disparidade global dos efeitos da pandemia como motivo-chave

Eduardo Pereira
29.07.2021
17h02
Atualizada em
29.07.2021
17h13
Atualizada em 29.07.2021 às 17h13

O ator Édgar Ramírez, que vive o conquistador amaldiçoado Aguirre em Jungle Cruise, acredita que a estreia simultânea de filmes nos cinemas e no streaming é uma "mudança inevitável" no modo moderno de se vender cinema. Em papo com o Omelete, ele defendeu o formato escolhido pela Disney para lançar a nova produção, especialmente no contexto da pandemia de covid-19.

"É claro que não quero que a magia do cinema acabe, eu cresci indo ao cinema e eu amo a experiência coletiva do cinema com pessoas desconhecidas. Mas eu não quero desencorajar a escolha das pessoas em relação à forma que eles querem aproveitar o filme", explicou Ramírez. "Eu acho que é ótimo que a gente tenha as duas coisas, especialmente no momento em que a segurança dos cinemas não é igual para todos no mundo. Então, eu só quero que as pessoas estejam o mais seguras possíveis, vão ao cinema se acharem que devem, ou ficam em casa, mas aproveitem essa bela jornada. Eu acho que essa é a festa do cinema", completou.

Só que o lançamento simultâneo entre cinema e plataforma de streaming não é "festa" em todos os casos. No caso de Viúva Negra, por exemplo, o formato tornou-se motivo para um processo movido pela atriz e produtora Scarlett Johansson contra a Disney. Neste caso, o problema é que ter a estreia do filme acontecendo ao mesmo tempo nas telonas e nas telinhas fere diretamente a participação nos lucros de bilheteria que compõe o contrato da estrela.

Em Jungle Cruise uma botânica vivida por Emily Blunt junta forças a um capitão de barco imortal interpretado por Dwayne "The Rock" Johnson para procurar, na Amazônia, uma árvore mágica com propriedades curativas. A produção é inspirada em uma atração homônima dos parques da Disney, nos mesmos moldes que estabeleceram a franquia Piratas do Caribe. Por conta da pandemia, o filme teve seu lançamento adiado em mais de um ano, estreando finalmente nesta quinta (29) nos cinemas e a partir desta sexta (30) no Premier Access do Disney+.

"A realidade tem sido tão sombria e opressora para todos ao redor do mundo, então acho que podemos tirar o melhor de um escape saudável para acalmar nossas mentes e sonhar com um mundo fantástico, com criaturas fantásticas, em uma aventura fantástica. Então, eu estou muito feliz que o público ao redor de todo o mundo poderá viver essa aventura", celebrou Ramírez.

A adaptação cinematográfica de Jungle Cruise conta ainda com Jack Whitehall, Paul Giamatti e Jesse Plemons no elenco. Com direção de Jaume Collet-Serra (Águas Rasas) e roteiro da dupla John Requa Glenn Ficarra (This is Us), ele deve custar cerca de R$70 para ser visto em casa via Premier Access.

Ao continuar navegando, declaro que estou ciente e concordo com a Política de Privacidade bem como manifesto o consentimento quanto ao fornecimento e tratamento dos dados para as finalidades ali constantes.