DC Comics doa US$ 250 mil para manter lojas de HQ abertas

HQ/Livros

Notícia

DC Comics doa US$ 250 mil para manter lojas de HQ abertas

Ilustrador e chefe criativo da editora, Jim Lee leiloará 60 desenhos originais com o mesmo propósito

Nicolaos Garófalo
03.04.2020
22h28

Depois de adiar a distribuição de HQs físicas e digitais durante o período de quarentena do coronavírus, a DC Comics doou US$ 250 mil para ajudar lojas locais de quadrinhos a manterem as portas abertas após o fim da crise. A doação foi feita por meio da BINC (“fundação de caridade da indústria de livros”, em inglês) e o valor será distribuído para comerciantes do setor e seus funcionários (via PREVIEWS World).

Além da doação inicial, Jim Lee, lendário artista e chefe criativo da editora, organizará um leilão virtual de 60 ilustrações originais – uma por dia - baseadas em personagens da editora. As vendas são organizadas por um perfil do ebay e cada imagem fica disponível para oferta por três dias.

Com a pandemia do COVID-19, a Diamond Comics, principal distribuidora de HQs do mundo, anunciou que suspenderia suas atividades por tempo indeterminado a partir do dia 1º de abril. Por consequência, editoras como DC, Marvel, Image e Dark Horse informaram que adiaram não só a distribuição de novas edições físicas, mas também digitais de suas HQs.

Desde o começo da pandemia do coronavírus, várias áreas do entretenimento foram afetadas com o adiamento de estreias, paralisação de produções e cancelamento de grandes eventos.

Ao continuar navegando, declaro que estou ciente e concordo com a Política de Privacidade bem como manifesto o consentimento quanto ao fornecimento e tratamento dos dados para as finalidades ali constantes.