Sonequa Martin-Green em Star Trek: Discovery

Créditos da imagem: CBS All Access/Divulgação

Netflix

Notícia

Star Trek: Discovery | 3ª temporada pode ser adiada por causa do coronavírus

Novo ano já está em pós-produção, mas a pandemia pode atrasar o trabalho nos efeitos visuais

Mariana Canhisares
22.03.2020
13h12
Atualizada em
24.03.2020
09h59
Atualizada em 24.03.2020 às 09h59

O ator Anthony Rapp revelou que a terceira temporada de Star Trek: Discovery pode ter seu lançamento adiado por causa da pandemia do coronavírus. Durante a live do colega de elenco Wilson Cruz, ele afirmou que os novos episódios já estão em pós-produção, mas como os profissionais de efeitos especiais estão trabalhando de casa, o processo pode ficar mais lento e, portanto, atrasar a estreia (via ComicBook).

Vale lembrar que o streaming CBS All Access não anunciou a data oficial de lançamento, mas a atriz Sonequa Martin-Green sugeriu anteriormente que o plano era estrear no começo de 2020.

O terceiro ano de Star Trek: Discovery terá um salto temporal de mil anos, mas que não apagará os eventos anteriores. Sabe-se, ainda, que o ator David Ajala interpretará um personagem inédito nos novos episódios, descrito como carismático e esperto.

Star Trek: Discovery é transmitida no Brasil pela Netflix.

Efeito Coronavírus na cultura pop

O COVID-19 é uma nova mutação da família coronavírus que está se espalhando em ritmo alarmante desde dezembro de 2019. A China foi o primeiro país vítima da epidemia, com infecções e mortes confirmadas em todas as suas províncias. Desde então, a presença do vírus foi confirmada em quatro continentes - incluindo a América do Sul, com casos no Brasil, Argentina e Chile.

Filmes como 007 - Sem Tempo Para Morrer, Velozes e Furiosos 9, Um Lugar Silencioso 2, Mulan, Novos Mutantes entre outros, tiveram suas estreias adiadas por causa da pandemia. Entre 13 e 15 de março, os Estados Unidos registraram sua pior arrecadação em 20 anos nas bilheterias.