La Casa de Papel | Itziar Ituño, a Lisboa, é diagnosticada com coronavírus

Créditos da imagem: Netflix/Divulgação

Netflix

Notícia

La Casa de Papel | Itziar Ituño, a Lisboa, é diagnosticada com coronavírus

Atriz revelou diagnóstico nas redes sociais e pediu aos fãs para levarem as medidas de precaução a sério

Nicolaos Garófalo
18.03.2020
22h37
Atualizada em
26.03.2020
16h53
Atualizada em 26.03.2020 às 16h53

A atriz Itziar Ituño, que vive a personagem Raquel Murillo/Lisboa em La Casa de Papel da Netflix, confirmou nesta quarta-feira (18) em seu Instagram que foi diagnosticada com o COVID-19, o coronavírus. Em portugês, a atriz afirmou que seus primeiros sintômas apareceram na última sexta (13), com a confirmação do teste chegando horas antes da mensagem.

Ituño reforçou que está bem, mas pediu aos seus seguidores que levem a doença a sério e lembrou que a pandemia é "muito muito contagiosa e super perigosa para pessoas que são mais fracas" - confira a postagem completa abaixo:

Ver essa foto no Instagram

Aupa danoi!! Ofiziala da, bariku arratsaldetik sintomekaz nabil (sukarra ta eztul lehorra) eta gaur iritsi jaku azterneta epidemiologikoaren konfirmaziñoa. Koronabirusa da. Nire kasuan arina da ta ondo nago baina oso oso kutsakorra eta super arriskutsua ahulago dagoen jendearentzako. Hau ez da tontakeria, izan konsziente, ez hartu arinkeriaz, hildakoak dauz eta bizi asko jokoan eta ondiño ez dakigu noraiño helduko dan kontua, beraz, arduratsuak izateko txertoa ipinteko garaia da danon hobebeharrez. Elkartasun garaia da! Etxean geratzekoa eta babestu besteak! Orain 15 egun berrogeialdi eta aurrerago ikusiko da✊❤.Zaindu zaitezte!!😙😙😙😙/ Hola a tod@s!! Ez oficial, desde el viernes por la tarde tengo los síntomas (fiebre y tos seca) y hoy nos ha llegado la confirmación del test epidemiológico. És coronavirus. Mi caso es leve y estoy bien pero es muy muy contagioso y superpeligroso para la gente que está más debil. Ésto no es tontería, ser conscientes, no lo tomeis a la ligera, hay muertos, muchas vidas en juego y aún no sabemos hasta donde va a llegar ésto por lo que ha llegado la hora de ponerse la vacuna de la responsabilidad por el bien común. Es tiempo de solidad y generosidad! De quedarse en casa y proteger a los demás. Ahora me tocan 15 dias en cuarentena y después ya se verá✊❤! Cuidaros mucho😙😙😙😙/ Olá galera! Ez oficial, desde sexta-feira à tarde tenho sintomas (febre e tosse seca) e hoje recebemos confirmação do teste epidemiológico. É um coronavírus. Meu caso é leve e estou bem, mas é muito muito contagioso e super perigoso para pessoas que são mais fracas. Isso não é bobagem, esteja ciente, não leve a sério, há mortos, muitas vidas em jogo e ainda não sabemos até que ponto isso vai dar, então chegou a hora de ser vacinado pela responsabilidade pelo bem comum . É um tempo de solidão e generosidade! Ficar em casa e proteger os outros. Agora tenho 15 dias em quarentena e depois será visto✊❤! Cuide-se😙😙😙😙 #etxeangeratu #yomequedoencasa #quedatencasa

Uma publicação compartilhada por Itziar Ituño (OFIZIAL) (@itziarituno) em

Encerrando seu recado, a atriz diz que terá 15 dias de quarentena pela frente antes de receber uma nova avaliação.

La Casa de Papel mostra um grupo de desconhecidos que se reúne e organiza um assalta à Casa da Moeda da Espanha. A terceira temporada mostra os integrantes aproveitando os frutos do roubo, até que a prisão de um dos assaltantes obriga os ladrões a se juntarem mais uma vez.

A parte 4 da série estreia em 3 de abril.

Efeito Coronavírus na cultura pop

O COVID-19 é uma nova mutação da família coronavírus que está se espalhando em ritmo alarmante desde dezembro de 2019. A China foi o primeiro país vítima da epidemia, com infecções e mortes confirmadas em todas as suas províncias. Desde então, a presença do vírus foi confirmada em quatro continentes - incluindo a América do Sul, com casos no Brasil, Argentina e Chile.

Filmes como 007 - Sem Tempo Para MorrerVelozes e Furiosos 9Um Lugar Silencioso 2MulanNovos Mutantes entre outros, tiveram suas estreias adiadas por causa da pandemia. Entre 13 e 15 de março, os Estados Unidos registraram sua pior arrecadação em 20 anos nas bilheterias.