Avatar, filme de 2009 de James Cameron

Créditos da imagem: Avatar (2009)/Divulgação

Filmes

Notícia

Avatar 2 não deve ser adiado de novo, diz James Cameron

Cineasta está confiante na luta do governo da Nova Zelândia contra o coronavírus

Arthur Eloi
11.05.2020
17h38

Por conta da pandemia do coronavírus, Avatar 2 precisou ser adiado em um ano. Mesmo assim, James Cameron garante que o filme agora será lançado em 2021, e que as demais sequências não precisarão de outras mudanças de data.

A confiança do cineasta está no fato de que boa parte das gravações, tanto de Avatar 2 quanto do 3, 4 e 5, acontecerão na Nova Zelândia, país que é usado como exemplo no combate ao coronavírus. “Pelo lado bom, a Nova Zelândia está sendo bem eficiente em controlar o vírus. O objetivo deles não é mitigar, mas sim erradicá-lo, o que eles acreditam conseguir fazer com testes e investigação de contágio agressivos”, falou Cameron à revista Empire [via /Film]. “Então há boas chances de nossas filmagens serem atrasadas apenas alguns meses, mas ainda conseguirmos [lançar na data certa]”.

A produção dos novos filmes de Avatar na Nova Zelândia foi paralisada por causa da pandemia do coronavírus. Por enquanto, não há previsão de quando serão retomadas.

Zoe Saldana, Sam Worthington, Sigourney Weaver, Stephen Lang, CCH Pounder, Dileep Rao e Joel David Moore estarão de volta no elenco. Entre as novidades no elenco estão o ator neozelandês Cliff Curtis, de Fear the Walking Dead, que será Tonowari, o líder dos Metkayina, um clã dos arrecifes. Kate Winslet e Oona Chaplin também estão no elenco.

Avatar 2 foi adiado em um ano e tem estreia prevista para 17 de dezembro de 2021. Com isso, Avatar 3 também foi adiado para dezembro de 2023, Avatar 4 foi para 2025 e Avatar 5 chegará ao cinema em 2027.

Anteriormente foi divulgado que os filmes podem se chamar: Avatar: The Way of Water, Avatar: The Seed Bearer, Avatar: The Tulkun Rider and Avatar: The Quest for Eywa.

Desde o começo da pandemia do coronavírus, várias áreas do entretenimento foram afetadas com o adiamento de estreias, paralisação de produções e cancelamento de grandes eventos.