Gal Gadot como Mulher-Maravilha; Scarlett Johansson como Viúva Negra

Créditos da imagem: Mulher-Maravilha (2017); Viúva Negra (2021)

Filmes

Notícia

Joss Whedon confundia Mulher-Maravilha com Viúva Negra, diz Ray Fisher

Ator do Ciborgue relembrou interações estranhas com o cineasta que finalizou o corte de 2017 de Liga da Justiça

A cozinha
16.03.2021
12h16

Ray Fisher, o Ciborgue, relembrou algumas estranhas interações com Joss Whedon no set de Liga da Justiça. Após ter dito várias vezes no passado que o cineasta tratou mal todo o elenco e equipe, o ator agora citou que Whedon ainda não havia superado a recepção ruim de Vingadores: A Era de Ultron (2012), e que constantemente confundiu Diana Prince - a Mulher-Maravilha (Gal Gadot) - com Natasha Romanoff, a Viúva Negra (Scarlett Johansson).

“É possível reparar em algumas cenas que foram produzidas”, diz Fisher sobre o apego de Whedon por seu último filme na Marvel, em entrevista à Vanity Fair. “O Flash caindo no peito da Mulher-Maravilha é algo que ele tirou direto de Era de Ultron e só jogou ali. Na minha primeira reunião criativa, ele ficava chamando Diana de Natasha, o que é loucura. Essas foram algumas das conversas que me forçaram a ter com ele antes de me entregarem os roteiros. Ele diminuía muito as pessoas no set, ficava zoando a versão anterior [de Zack Snyder], os atores e a equipe.”

Entenda o caso

Em julho de 2020, Ray Fisher acusou Joss Whedon de ter uma postura abusiva no set de Liga da Justiça, dizendo que ele foi apoiado em tais atos por Geoff Johns e Jon Berg. Algumas semanas depois, o ator disse que estava coletando informações contra o diretor, que recebeu diversas acusações recentemente, incluindo de atrizes de Buffy, o roteirista de Firefly e das equipes das séries Buffy e Angel.

Em meio à tudo isso, Fisher começou a falar também contra a Warner, dizendo que o presidente da DC Films, Walter Hamada, pediu para ele "pegar leve" com Geoff Johns em suas queixas. Uma investigação interna foi aberta para apurar as acusações do ator e, em dezembro, a WarnerMedia disse que concluiu o processo e que "ações corretivas" seriam tomadas, sem divulgar maiores detalhes.

Com todo o caso, surgiu a dúvida sobre a volta de Ray Fisher ao papel de Ciborgue nos cinemas. O ator estará na versão de Snyder de Liga da Justiça, mas já confirmou que não vai aparecer no filme solo do Flash, como estava previsto.

Whedon assumiu as filmagens de Liga da Justiça depois da saída de Zack Snyder da direção por problemas familiares. A reação negativa em torno do filme estimulou pedidos pela versão original do longa, já que muito material planejado pelo Snyder não entrou na versão final. Após muito tempo, a Warner confirmou o lançamento do Snyder Cut, que será lançado em 18 de março no HBO Max nos EUA, e para aluguel digital no Brasil.

Ao continuar navegando, declaro que estou ciente e concordo com a Política de Privacidade bem como manifesto o consentimento quanto ao fornecimento e tratamento dos dados para as finalidades ali constantes.