Surpresas e Esnobados do Emmy 2020

Créditos da imagem: Divulgação/HBO;Divulgação/Netflix

Séries e TV

Lista

Emmy 2020 | Confira os esnobados e as surpresas da premiação

Principal cerimônia da televisão aconteceu no último domingo (20)

Gabriel Avila
21.09.2020
01h42

O Emmy 2020 aconteceu no último domingo (20) e teve algumas surpresas e esnobados. Se por um lado houveram recordes quebrados, por outro houveram séries e atores com muitas indicações que saíram de mãos abanando.

Confira abaixo a lista completa com os principais esnobados e surpresas da cerimônia:

Surpresa - Schitt’s Creek por gabaritar as principais categorias de comédia

Schitt’s Creek certamente chegou à cerimônia do Emmy 2020 como uma das grandes favoritas, mas a série ter levado todas as categorias de comédia é uma grande surpresa. A produção canadense venceu nas categorias de Melhor Série, Melhor Roteiro e Melhor Direção em Série Cômica, Melhor Atriz e Ator em Série Cômica com Catherine O'Hara e Eugene Levy, e também Melhor Atriz e Ator Coadjuvante em Série Cômica com Annie Murphy e Daniel Levy. O alto número de vitórias fez história ao tornar Schitt’s Creek a série com o maior número de vitórias nas categorias de comédia na mesma premiação.

Esnobados - The Marvelous Mrs. Maisel e The Good Place

Se Schitt’s Creek chama atenção por fazer a limpa nas categorias de comédia, o contrário acontece com The Marvelous Mrs. Maisel e The Good Place. Queridinhas do público, as séries saíram do Emmy 2020 saiu de mãos abanando - uma triste despedida para a série da Netflix que chegou ao fim neste ano sem um único troféu da premiação.

Surpresa - Zendaya

Ninguém duvida do talento de Zendaya, especialmente por sua interpretação de Rue em Euphoria. Porém, sua vitória se torna uma surpresa considerando que toda a categoria estava muito concorrida e cheia de veteranas como Jennifer Aniston, Olivia Colman, Jodie Comer e Sandra Oh. Não bastasse o feito de vencer um páreo desses, Zendaya ainda fez história como a mais jovem vencedora da categoria de Melhor Atriz em Série Dramática.

Surpresa - Billy Crudup

Billy Crudup rendeu a The Morning Show seu único troféu da noite. A surpresa está no fato de que sua vitória na categoria de Melhor Ator Coadjuvante em Série Dramática aconteceu em cima de Nicholas Braun, Kieran Culkin e Matthew Macfadyen de Succession, série apontada como a queridinha nas categorias de drama, e também Giancarlo Esposito, que retornou ao papel de Gus Fring em Better Call Saul.

Esnobado: Giancarlo Esposito

Que Giancarlo Esposito é um ator talentoso, todo mundo sabe. Inclusive a própria Academia Televisiva, que indicou o ator em dobro nas categorias de Melhor Ator Coadjuvante em Série de Drama por Better Call Saul e Melhor Ator Convidado em Série de Drama por The Mandalorian. Infelizmente, o astro não levou nenhum dos dois troféus em 2020.

Esnobados - Hollywood

Deixada de lado na categoria de Melhor Minissérie, Hollywood chegou ao Emmy 2020 com quatro indicações nas categorias de atuação. Porém, a série de Ryan Murphy na Netflix saiu de mãos abanando, mesmo com concorrentes do gabarito de Jeremy Pope, Holland Taylor, Dylan McDermott e Jim Parsons no páreo.

Surpresa - Nada Ortodoxa em Melhor Direção em Minissérie ou filme para a TV

Em um ano cheio de grandes concorrentes nas categorias de Minissérie, Nada Ortodoxa fez bonito ao levar o prêmio de Melhor Direção em Minissérie ou filme para a TV. O troféu ficou com Maria Schrader, que comandou os quatro episódios da produção da Netflix.

Esnobado - BoJack Horseman em Melhor Animação

BoJack Horseman se despediu com um final digno de sua trajetória, que a colocou como uma das maiores séries animadas dos últimos anos. Ao longo de suas seis temporadas, a produção da Netflix nunca levou o Emmy de Melhor Animação para casa, o que parecia muito provável justamente no ano em que a série entregou uma de suas melhores temporadas. Contrariando as expectativas, o prêmio foi para Rick and Morty, deixando nosos querido BoJack sem um Emmy para chamar de seu.

Esnobado: A Máfia dos Tigres (Tiger King) em Melhor Série Documental

A Máfia dos Tigres (ou Tiger King) se tornou um enorme fenômeno em 2020. Lançada durante a quarentena, um período em que o consumo de produções de streaming explodiu, a série documental virou febre por conta de seu conteúdo, que por vezes parece fantasia de tão absurdo. Indicada em Melhor Série Documental, a produção foi derrotada por Arremesso Final, série da ESPN em parceria com a Netflix que recontou a carreira de Michael Jordan ao lado dos Chicago Bulls na década de 1990.

Esnobado: El Camino: A Breaking Bad Movie em Melhor Filme para TV

Vencedora de 16 Emmys ao longo de suas 5 temporadas, Breaking Bad voltou à premiação com El Camino: A Breaking Bad Movie. A produção que acompanha Jesse Pinkman (Aaron Paul) após a conclusão da série foi indicada para Melhor Filme para a TV, graças ao grande empenho não apenas de grande parte do elenco da produção, mas também do criador Vince Gilligan, que escreveu e dirigiu o longa. Mesmo com grande torcida por parte dos fãs, o longa perdeu seu troféu para Má Educação.

Esnobado: Don Cheadle em Melhor Ator em Série de Comédia

Relembrado como o Máquina de Combate no MCU, Don Cheadle tem uma grandiosa carreira na televisão - não à toa o astro chegou à sua décima indicação ao Emmy em 2020. Acontece que nem mesmo dez indicações foram o suficiente para o astro receber o troféu de Melhor Ator em Série de Comédia, que este ano ficou com Eugene Levy, de Schitt's Creek.

Esnobado: The Crown

The Crown chegou ao Emmy 2020 com seis indicações graças à sua grandiosa 3ª temporada. Porém, a produção da Netflix saiu da premiação de mãos abanando, perdendo até mesmo em Melhor Direção em Série Dramática, categoria que teve a dobradinha dos diretores Benjamin Caron e Jessica Hobbs.

Ao continuar navegando, declaro que estou ciente e concordo com a Política de Privacidade bem como manifesto o consentimento quanto ao fornecimento e tratamento dos dados para as finalidades ali constantes.