Cenas de Cara Gente Branca, A Grande Luta e A Gente Se Vê Ontem

Créditos da imagem: Netflix/Divulgação

Netflix

Notícia

Netflix lança coleções inspiradas em movimento Black Lives Matter

Plataforma reuniu conteúdos infantis e adultos que traduzem a experiência de vida de pessoas negras para explicar protestos ao redor do mundo

Nicolaos Garófalo
10.06.2020
00h01
Atualizada em
09.06.2020
22h38
Atualizada em 09.06.2020 às 22h38

Em ação mundial criada para facilitar a empatia e a compreensão do movimento Black Lives Matter (Vidas Negras Importam, em inglês), a Netflix separou 70 de seus conteúdos em duas diferentes coleções de séries, filmes e documentários produzidos, estrelados e dirigidos por pessoas negras. Ao Omelete, a empresa confirmou que as produções serão divididas o público adulto e infantil.

"Acreditamos que a Netflix pode impactar positiva e diretamente a vida das pessoas por meio das nossas histórias. A coleção Vidas Negras Importam fala sobre a injustiça racial e a experiência negra – e esperamos que o destaque desses títulos ajude a aumentar a empatia e a compreensão", afirmou a Netflix por meio de sua assessoria.

Voltada ao público adulto, a coleção Vidas Negras Importam contém 46 títulos, incluindo Minha História, A Gente Se Vê Ontem, A 13ª Emenda, Cara Gente Branca e Quem Matou Malcolm X?. Já a coleção infantil, Todos Incluídos, traz 24 produções como Reunião de Família, Motown Magic, Criando Dion e A Grande Luta.

Ambas as coleções estão disponíveis desde a 0h (horário de Brasília) desta quarta-feira (10).

Em 25 de maio de 2020, George Floyd, já sob custódia foi sufocado até a morte pelo oficial com o joelho e o assassinato foi filmado por pessoas em volta. A brutalidade da ação gerou uma onda de protestos ao redor do país e diversas empresas do ramo do entretenimento repudiaram o racismo demonstrado pela polícia – saiba mais.