Produtora reflete sobre retrato problemático da Viúva Negra em Homem de Ferro 2

Filmes

Notícia

Produtora reflete sobre retrato problemático da Viúva Negra em Homem de Ferro 2

"Me incomodava na época e me incomoda hoje", disse

Julia Sabbaga
03.07.2021
15h12

hipersexualização de Natasha Romanoff foi comentada recentemente pela intéprete da personagem, Scarlett Johansson, em aquecimento para Viúva Negra, o filme solo da heroína. Agora, em entrevista à Time, a vice-presidente executiva de produções do Marvel Studios, Victoria Alonso, revelou ter um problema com o retrato da personagem desde Homem de Ferro 2. 

No longa de 2010, Natasha é apresentada por Pepper Potts a Tony Stark e descrita como "um processo de assédio sexual em potencial", pouco antes do Homem de Ferro olhar para ela e dizer "eu quero uma". Em referência à essa fala, Alonso comentou:

"Me incomodava na época e me incomoda ainda hoje. Eu lembro de pensar 'ela não é uma coisa'. Mas é sobre isso: o mundo vê uma mulher sexy e pensa que, porque ela é bonita, ela não tem nada mais a oferecer"

Em seus comentários recentes, Johansson disse: "você revisita Homem de Ferro 2 e, embora seja muito divertido e tenha ótimos momentos, a personagem é tão sexualizada. [...] Talvez, naquela época, realmente parecesse um elogio. Sabe o que eu quero dizer? Porque o jeito como eu pensava era diferente."

Segundo a sinopse oficial divulgada pela Marvel, Viúva Negra vai mostrar Romanoff confrontando as partes sombrias de sua profissão quando surge uma perigosa conspiração conectada com o seu passado. Perseguida por uma força implacável que quer derrubá-la, ela deve lidar com sua história como espiã e as relações quebradas que deixou para trás quando se tornou uma Vingadora.

O longa teve seu lançamento adiado diversas vezes por conta da pandemia do coronavírus. Atualmente, a estreia de Viúva Negra está marcada para 9 de julho, nos cinemas e também no streaming Disney+.

Ao continuar navegando, declaro que estou ciente e concordo com a Política de Privacidade bem como manifesto o consentimento quanto ao fornecimento e tratamento dos dados para as finalidades ali constantes.