Eternos

Créditos da imagem: Marvel Studios/Divulgação

Filmes

Notícia

Como personagem apresentado em Eternos pode se encaixar no MCU

Herói cósmico tem ligação com Mulher-Hulk e Guardiões da Galáxia

Nico Garófalo
05.11.2021
14h54
Atualizada em
06.11.2021
18h11
Atualizada em 06.11.2021 às 18h11

[Spoilers de Eternos à frente]

Apresentado em uma das cenas pós-créditos de Eternos, Eros (Harry Styles), também conhecido como Starfox, pode ter uma presença constante no MCU. Ao longo de sua história, o personagem - que também é um Eterno - teve ligações com diferentes heróis e vilões da Marvel e foi responsável por alguns momentos polêmicos, que o levaram a ser julgado por cortes terrestres e cósmicas. O calendário dos próximos lançamentos do Marvel Studios no cinema e no Disney+ pode dar algumas dicas de como ele será abordado no futuro.

À primeira vista, Mulher-Hulk, série estrelada por Tatiana Maslany, parece ser a oportunidade perfeita para desenvolver Eros. O Eterno teve um relacionamento de idas e vindas com a Vingadora, até ela atuar como sua advogada quando o herói foi acusado de usar seus poderes empáticos para cometer abuso sexual. No julgamento em questão, a heroína passa a questionar o laço dos dois e se pergunta se seus encontros sexuais não teriam sido também forçados pelos poderes de Starfox.

Além disso, Eros também já usou suas habilidades para influenciar júris e juízes a chegar a um veredito que o favorecia. Sua presença em Mulher-Hulk, especialmente se a Disney permitir que a série aborde a pesada narrativa de seu julgamento, seria um grande catalisador de conflitos dentro e fora da corte e daria ao MCU a chance de levar a discussão sobre abuso e assédio ao grande público.

O grande impeditivo para sua participação na série, no entanto, é sua introdução em Eternos. Por enquanto, Eros deve ficar limitado ao núcleo cósmico do MCU, que pode conectá-lo aos Guardiões da Galáxia, com quem ele também já dividiu histórias nos quadrinhos.

Guardiões Sombrios

A ligação de Starfox com os Guardiões da Galáxia remete a uma das mortes de Thanos nos gibis. Na história, o Titã Louco deixa um testamento com instruções que, se cumpridas, levarão à reencarnação do vilão no corpo de outra pessoa. Quando sabe dessa possibilidade, Eros, irmão de Thanos, reúne Nebulosa, o Motoqueiro Fantasma Cósmico, Espectro e o Gladiador para formar os Guardiões Sombrios e impedir que o brutamontes roxo ressuscite.

Suspeitando que Thanos pretende usar Gamora como receptáculo, o grupo enfrenta os Guardiões da Galáxia e sequestra a filha adotiva do Titã. Eles são impedidos de executá-la por Hela, Deusa da Morte asgardiana, que revela que o vilão pretendia encarnar, na verdade, em Starfox.

Considerando o gancho deixado por Vingadores: Ultimato, é muito provável que Guardiões da Galáxia vol. 3 acompanhe a busca dos heróis liderados por Peter Quill (Chris Pratt) por Gamora (Zoe Saldana). Mesmo que escolha não abordar a ressurreição de Thanos, James Gunn pode introduzir Eros como uma espécie de antagonista, mostrando o Eterno caçando outros parentes do irmão como forma de vingança pelo assassinato de sua mãe.

Por enquanto, fãs de Eros (e de Harry Styles) terão que se contentar com a breve participação do personagem na cena pós-créditos de Eternos. Mas, considerando o barulho causado por sua primeira aparição, é de se esperar que Kevin Feige e seus comandados já comecem a trabalhar para incluí-lo no maior número de produções possíveis no futuro próximo.

Ao continuar navegando, declaro que estou ciente e concordo com a Política de Privacidade bem como manifesto o consentimento quanto ao fornecimento e tratamento dos dados para as finalidades ali constantes.