John Wick: De Volta ao Jogo/Uma Aventura LEGO/As Aventuras de Paddington

Créditos da imagem: Lionsgate/Warner Bros./Diamond Films/Divulgação

Filmes

Lista

Filmes que completam 10 anos em 2024

Sim, você está ficando velho

Omelete
2 min de leitura
09.01.2024, às 07H00
ATUALIZADA EM 01.02.2024, ÀS 19H15
ATUALIZADA EM 01.02.2024, ÀS 19H15

2024 chegou e o ano marca aniversários importantes para alguns filmes que fizeram bastante barulho quando foram originalmente lançados. Alguns, inclusive, tiveram um impacto tão grande no público que poderiam ter entrado em cartaz semana passada — enquanto outros têm sorte só de serem lembrados.

Hoje, relembramos 10 filmes que completam 10 anos em 2024:

Guardiões da Galáxia

2014 foi um ótimo ano para o Marvel Studios. Além do elogiadíssimo Capitão América: O Soldado Invernal, o estúdio também lançou o primeiro Guardiões da Galáxia. Escrito e dirigido por James Gunn, o longa apresentou alguns dos personagens mais curiosos e bizarros que a Casa das Ideias tinha para adaptar e abriu a trilogia mais elogiada dentro do MCU até agora.

Além de influenciar o tom que o MCU teria em grande parte de suas produções dali para frente, Guardiões da Galáxia também provou que é possível fazer dinheiro mesmo sem contar com personagens da primeira categoria do selo. De certa forma, é graças a Quill, Gamora e companhia os estúdios decidiram apostar em produções de Deadpool, Esquadrão Suicida, Besouro Azul, Luke Cage e Eco.

Disponível para streaming no Disney+

Whiplash: Em Busca da Perfeição

Só a atuação de JK Simmons é o bastante para fazer de Whiplash um filme memorável. Escrito e dirigido por Damien Chazelle, o longa é um intenso estudo psicológico do mundo da música e conta com alguns dos momentos mais tensos do cinema em 2014.

Com apenas 29 anos quando Whiplash entrou em cartaz, Chazelle chegou a ser indicado ao Oscar de Melhor Roteiro Adaptado e deixou seu cartão de visitas para 2017, quando levantou a estatueta de Melhor Direção por La La Land. Ainda que seus trabalhos mais recentes não tenham sido tão bem recebidos, os dois primeiros grandes projetos do diretor o estabeleceram como um nome com grande potencial para o futuro de Hollywood.

Disponível para streaming na Netflix

Interestelar

Recém-saído da Trilogia O Cavaleiro das Trevas, Christopher Nolan juntou viagem no tempo, filosofia e relações familiares para criar Interestelar. Além de conquistar fãs do diretor e de ficção científica, o filme ainda conta com uma atuação incrível de um já “oscarizado” Matthew McConaughey, que deu sequência ao renascimento de sua carreira iniciado por Magic Mike, em 2012.

De lá para cá, Nolan dirigiu mais três filmes, sendo dois deles elogiadíssimos: o épico de guerra Dunkirk e a cinebiografia Oppenheimer, que fez a rapa no Globo de Ouro 2024 e promete roubar os holofotes no Oscar.

Disponível para streaming na HBO Max

John Wick: De Volta Ao Jogo

Se 2014 pode ter sido só mais um capítulo da McConaissance, por outro lado o ano representou um verdadeiro recomeço para Keanu Reeves, que estrelou o surpreendente John Wick: De Volta Ao Jogo. Dirigido por Chad Stahelski e David Leitch, o longa conquistou o público com seu gun-fu e cenas de ação maravilhosas coreografadas pela dupla, que havia coordenado os dublês da trilogia Matrix.

Uma década depois, John Wick se tornou uma franquia de quatro filmes — com mais derivados vindo aí —, uma minissérie e até videogame! Já Reeves acumulou algumas atuações memoráveis em filmes como Meu Eterno Talvez, Matrix Resurrections, Toy Story 4 e Bill & Ted: Encare a Música, além de estrelar o jogo Cyberpunk 2077.

Disponível para streaming no Prime Video e no Telecine

As Aventuras de Paddington

Outro sucesso surpresa de 2014 foi As Aventuras de Paddington, um filme infantil que tocou crianças e adultos igualmente e tornou o ursinho britânico em um fenômeno mundial. Dublado por Ben Whishaw (007: Sem Tempo Para Morrer), o fofíssimo personagem-título passou por poucas e boas em seu primeiro longa, conquistando não só a família Brown como o coração de espectadores mundo afora.

Por incrível que pareça, o filme ainda foi superado por sua sequência, As Aventuras de Paddington 2, que por anos manteve a invejável aprovação de 100% no agregador de notas Rotten Tomatoesmarca derrubada em 2021, após a publicação de sua primeira crítica negativa —, algo igualado apenas por Cidadão Kane. Hoje, os fãs do ursinho esperam pelo terceiro filme, Paddington in Peru, que chega aos cinemas em 2025.

Disponível para streaming na Netflix

Garota Exemplar

David Fincher é um dos diretores mais adorados da atualidade. Com títulos como Clube da Luta, S7ven – Os Sete Pecados Capitais e Zodíaco já no currículo, o cineasta lançou Garota Exemplar, um de seus melhores trabalhos até hoje, uma tensa adaptação do livro de Gillian Flynn (que também assina o roteiro) cheia de reviravoltas chocantes e momentos perturbadores.

Obviamente, Fincher não foi o único responsável por fazer de Garota Exemplar um sucesso. Ben Affleck, Rosamund Pike, Tyler Perry e Carrie Coon estavam simplesmente espetaculares em seus respectivos papéis, assim como Neil Patrick Harris, que viveu um personagem completamente diferente daquele que os fãs estavam acostumados a ver em How I Met Your Mother.

Disponível para streaming na Netflix e no Star+

No Limite do Amanhã

Mesmo competindo com gigantes do MCU, No Limite do Amanhã ainda é um dos filmes de 2014 mais queridos do público. Estrelado por Tom Cruise e Emily Blunt, o longa arrecadou “só” US$370 milhões nas bilheterias mundiais, mas ganhou uma sobrevida monumental em home video e, com frequência, membros do elenco são perguntados sobre a possibilidade de uma sequência.

Depois de uma década, no entanto, uma continuação parece pouco provável, especialmente quando levamos em conta as agendas lotadas de Blunt e Cruise — o astro, inclusive, voltará a trabalhar com Doug Liman em um filme rodado no espaço. Antes disso, ele ainda estrela Missão: Impossível 8. Já Blunt entra em 2024 após uma ótima atuação em Oppenheimer e prestes a lançar dois novos trabalhos: Amigos Imaginários, dirigido por John Krasinski, e O Dublê, de David Leitch.

Disponível para streaming na HBO Max e no Prime Video

Uma Aventura LEGO

Assim como Barbie, Uma Aventura LEGO parecia destinado para o fracasso. Afinal, como um comercial de brinquedos disfarçado de filme poderia dar certo, não é mesmo? Pois Phil Lord e Chris Miller, idealizadores de Homem-Aranha no Aranhaverso, provaram que é possível usar um produto para criar uma história cheia de coração, ousadia e ritmo.

Além de uma sequência direta lançada em 2019, Uma Aventura LEGO ganhou um elogiadíssimo derivado em LEGO Batman — tido hoje como um dos melhores filmes do Homem-Morcego.

Por mais que não tenha mudado a indústria, Uma Aventura LEGO mostra que não importa o quão absurdo o objeto central de um filme possa ser, desde que ele seja tratado com carinho, criatividade e bom humor.

Disponível para streaming na HBO Max e no Prime Video

Annabelle

Derivado de Invocação do Mal, Annabelle chegou para expandir ainda mais o império de James Wan no terror. Com um orçamento irrisório (para a Indústria) de US$6,5 milhões, o filme comandado por John R. Leonetti arrecadou US$257 milhões e, apesar da recepção nada positiva da crítica, levou a franquia para outro patamar de popularidade, com a boneca estrelando duas sequências próprias nos anos seguintes.

Disponível para streaming na HBO Max

O Protetor

Encerrada em 2023, a trilogia O Protetor conta com Denzel Washington em seu melhor modo “astro de ação” e lembrou o público mundial da versatilidade do ator. Talvez por ter sido lançado no mesmo ano de John Wick, pouca gente lembra que o primeiro filme foi lançado em 2014.

Como já dito acima, 2024 começa com a saga de Robert McCall já encerrada, mas em alta com os fãs, que tiveram em O Protetor: Capítulo Final um final digno para história iniciada há 10 anos.

Disponível para streaming na HBO Max

Menções honrosas

Kingsman: Serviço Secreto
20th Century Studios/Divulgação

Obviamente, esses não foram os únicos dez sucessos de 2014. O ano também viu Kingsman: O Serviço Secreto mudar a forma como o público olhava para adaptações de quadrinhos, enquanto Capitão América: O Soldado Invernal fez o MCU atingir um pico de qualidade até hoje igualado apenas, talvez, por Vingadores: Guerra Infinita.

O ano também foi o começo de outras sagas cinematográficas, como Maze Runner, a saga Divergente e o Monsterverse, que dava seus primeiros passos com Godzilla.

2014 também foi o ano do famoso hack da Sony, que revelou a planejada união do estúdio com o Marvel Studios para um reboot do Homem-Aranha e que quase causou uma guerra entre Estados Unidos e Coreia do Norte por causa do medíocre A Entrevista. O longa estrelado por Seth Rogen e James Franco, inclusive, hoje é mais lembrado por isso que por sua história.

Omelete no Youtube

Confira os destaques desta última semana

Omelete no Youtube

Confira os destaques desta última semana

Ao continuar navegando, declaro que estou ciente e concordo com a nossa Política de Privacidade bem como manifesto o consentimento quanto ao fornecimento e tratamento dos dados e cookies para as finalidades ali constantes.