Watchmen | Damon Lindelof comenta revelação surpresa de Dr. Manhattan

Créditos da imagem: Watchmen/HBO/Divulgação

Séries e TV

Notícia

Watchmen | Damon Lindelof comenta revelação surpresa de Dr. Manhattan

Cuidado com spoilers abaixo!

Julia Sabbaga
02.12.2019
13h06

Depois da exibição de um dos episódios mais comentados da temporada de Watchmen, "An Almost Religious Awe", o criador da série Damon Lindelof falou com o THR sobre a revelação final do 7º capítulo, e a surpreendente identidade do Dr. Manhattan:

"Quando nós decidimos que Angela Abar seria o centro da série, a regra era que qualquer personagem teria que estar a serviço da história de Angela. Ela seria o sol e todos precisam orbitar ao redor dela. Então como Dr. Manhattan, um homem com o poder de Deus, poderia estar a serviço de Angela ao invés do contrário? Baseado em seu passado, a resposta era intuitiva... amor". 

Ele desenvolveu, explicando que a decisão foi uma das primeiras a serem feitas na produção: "Nós sabíamos que essa relação só poderia funcionar se Manhattan tomasse a forma de um humano, então a ideia de Cal nasceu. Sim, veio muito cedo. Quase imediatamente".

Criada por Damon Lindelof, a série se passa 30 anos após os acontecimentos da graphic novel de Dave Gibbons e Alan Moore, em uma realidade em que os vigialantes são tratados como vilões. Uma das personagens principais é Angela Abar/Sister Night (Regina King), que começa a descobrir uma grande rede de intrigas e segredos envolvendo a polícia e um grupo extremista chamado de Sétima Kavalaria.

O novo episódio vai ao ar em 8 de dezembro. Watchmen é transmitida todos os domingos pela HBO, às 23h. Os episódios também ficam disponíveis no serviço de streaming HBO Go.