Charlie Heaton, Noah Schnapp e Finn Wolfhard em Stranger Things

Créditos da imagem: Stranger Things/Netflix/Reprodução

Séries e TV

Lista

Stranger Things 4 | 11 perguntas que o Volume 2 precisa responder

Últimos episódios da temporada chegam em julho na Netflix

Omelete
1 min de leitura
Mariana Canhisares
28.05.2022, às 16H00

Stranger Things esclareceu muitas das nossas dúvidas em “O Massacre no Laboratório de Hawkins”, episódio que encerra o Volume 1 da quarta temporada, sobretudo sobre a origem do vilão Vecna. Porém, é evidente que a série deixou no ar um bom tanto de perguntas para responder nos últimos dois episódios, que chegam à Netflix em 1º de julho — mais especificamente, 11 questões.

Confira a seguir as principais pontas soltas da temporada até aqui:

POR QUE VECNA VOLTOU A ATACAR?

Stranger Things/Netflix/Reprodução

A identidade do Vecna e sua ligação com o Mundo Invertido foi esclarecido de uma vez por todas no último episódio do Volume 1, mas nem todas as respostas vieram. Stranger Things ainda precisa explicar, por exemplo, por que o vilão demorou tanto tempo para voltar a atacar. É compreensível que boa parte do intervalo dos 30 anos entre o ataque à sua própria família, os Creel, e Chrissy (Grace Van Dien) se dê por causa do tempo que passou sob controle do “Papa” (Matthew Modine) no laboratório de Hawkins. Mas, desde que Hawkins passou a ter interferências tão pouco discretas do Mundo Invertido, por que ele não entrou em cena nenhuma vez? Ainda mais considerando que quem lidera a defesa da outra dimensão é Eleven (Millie Bobby Brown), sua rival, e ele é o que Dustin (Gaten Matarazzo) chama de “general cinco estrelas” entre os monstros.

Sua relação com o Mundo Invertido é bastante simbiótica. Enquanto ele se beneficia das torturas absorvendo suas vítimas — e, convenhamos, se divertindo com a própria crueldade —, o Mundo Invertido cria novos portais pela cidade. Mas para que ele precisa de tantos mais pontos de entrada em Hawkins? Será que o Mundo Invertido está organizando um ataque em larga escala, que vai mobilizar todas as suas criaturas?

O QUE SERÁ DA NANCY?

Stranger Things/Netflix/Reprodução

Nancy (Natalia Dyer) foi a última pessoa a ser sequestrada por Vecna no Volume 1 e, curiosamente, o vilão não foi tão implacável com ela como com suas vítimas anteriores. Na realidade, ele até a deixou zanzar pela versão destroçada da casa dos Creel no Mundo Invertido e descobrir as minúcias da sua história. Seria este um sinal de arrogância do antigo 001 ou só uma tática diferente de brincar com as emoções da adolescente? Apenas os episódios finais da temporada poderão responder. Afinal, tão rápido se descobre o que realmente aconteceu no laboratório em Hawkins, o episódio acaba e deixa no ar um clima de suspense:

Nancy será capaz de escapar das garras do Vecna? Se sim, como, já que não tem um estímulo musical como Max (Sadie Sink)? Steve (Joe Keery), o único que ficou no Mundo Invertido, conseguirá ajudá-la de alguma forma? E se Vecna for derrotado mais uma vez no seu campo de batalha, este será seu fim ou somente o começo de investidas ainda mais cruéis contra Hawkins?

ELEVEN SABE DE TUDO, MAS E AGORA?

Stranger Things/Netflix/Reprodução

Sem poderes desde a conclusão da Batalha no Starcourt, Eleven precisou passar por uma experiência imersiva e reviver um dos seus muitos traumas de infância. A ideia do “Papa” era que, revisitando os dias que levaram ao massacre no laboratório, ela recuperaria suas habilidades e, assim, poderia ser a principal arma contra o Vecna. No entanto, Stranger Things só a mostrou descobrindo que já derrotou o “feiticeiro imortal” uma vez, e não se ela de fato está completamente equipada para essa guerra. A resposta provavelmente é positiva, o que nos leva para a próxima pergunta: e agora? Eles vão embarcar nos helicópteros e partir para Hawkins? Vai dar tempo de partir nessa missão antes dos oficiais do governo norte-americano acharem o esconderijo? E, chegando em Indiana, eles vão para onde?

“PAPA” VAI DEIXAR ELEVEN EM PAZ?

Talvez esse não seja um problema tão imediato — afinal de contas, primeiro é preciso parar o Vecna —, mas toda desconfiança é bem-vinda quando o assunto são as intenções do “Papa”. Ele já fez Eleven passar por poucas e boas, e não dá para acreditar que ele está nisso somente pelo bem da humanidade. Então, honestamente? Só vou abaixar a guarda quando eles se despedirem. Ou quando ele assumir responsabilidade por todas as atrocidades que cometeu.

TODO MUNDO VAI PARA HAWKINS (DEFINITIVAMENTE)?

Stranger Things/Netflix/Reprodução

Eleven está em um laboratório subterrâneo em Nevada; Mike (Finn Wolfhard), Jonathan (Charlie Heaton), Will (Noah Schnapp) e Argyle (Eduardo Franco) estão na casa da Suzy (Gabriella Pizzolo), em Utah; Hopper (David Harbour), Joyce (Winona Ryder) e Murray (Brett Gelman) estão finalmente juntos, mas em algum lugar da Rússia; Nancy, Steve, Robin (Maya Hawke), Eddie (Joseph Quinn), Dustin, Max, Lucas (Caleb McLaughlin) e Erica (Priah Ferguson) estão todos em Hawkins, embora os dois primeiros ainda estejam no Mundo Invertido. Até aqui, a história da temporada foi bastante espalhada, mas com a trama se aproximando da reta final, eles vão precisar unir forças se quiserem ter reais chances de ganhar do Vecna. O melhor ponto de encontro é Hawkins, claro. Será, então, que os dois últimos episódios serão marcados por reencontros? E mais: dá para sonhar em ver os Byers, Hopper e Eleven voltando para Indiana?

EDDIE SERÁ INOCENTADO?

Stranger Things/Netflix/Reprodução

Como Eddie esteve presente nas cenas do crime de duas das vítimas e as pessoas estão convencidas de que ele tem um pacto com o demônio, parece quase impossível que a cidade vá pedir desculpas pelos transtornos e o receba de braços abertos. Talvez do estigma de endiabrado ele nunca se livre, mas quem sabe ele não consegue encerrar o quarto ano com uma ficha limpa? Tudo vai depender da história que a turma vai inventar para inocentá-lo. Porque, convenhamos, por mais que a população esteja disposta a acreditar no demônio, dificilmente vai aceitar que existe uma dimensão sombria espelhando sua cidade, com monstros e tudo mais.

O SURTO EM HAWKINS SERÁ CONTIDO?

Depois de três temporadas repletas de eventos mal explicados e muitas mortes, Hawkins chegou no seu limite e, como aconteceu em Haddonfield em Halloween Kills, os moradores decidiram tomar as rédeas da situação. É evidente que essa postura mais atrapalha do que ajuda, e nem é preciso ter visto o último filme do Michael Myers para saber disso. Logo, é preciso fazer algo a respeito para conter o surto. No entanto, o que? Criar uma distração para os “cidadãos de bem”? Ou ainda dá para apelar para o bom senso depois daquela reunião liderada por Jason (Mason Dye)? Seja o que for, eles têm que sair do caminho se não quiserem virar as novas vítimas do Vecna.

NANCY E STEVE VÃO VOLTAR?

Stranger Things/Netflix/Reprodução

A quarta temporada de Stranger Things é marcada por tensões, mas nem todas estão relacionadas com terror. O exemplo mais palpável disso está na reaproximação de Nancy e Steve. Com o namoro com Jonathan abalado pela distância e por desejos não ditos, a jovem encontrou no ex o apoio e conforto que tanto sentiu falta. Steve sequer disfarça como tem interesse de reatar, mas Nancy desistiria do seu atual relacionamento?

(Cá entre nós, a verdade é que o fim de Jancy parece inevitável. O mais velho dos irmãos Byers não tem a mesma visão de futuro que a aspirante a jornalista, e por isso adia a difícil conversa com a namorada. Ela, contudo, não tem ideia do que está acontecendo de fato. Como esse triângulo amoroso vai, afinal, se resolver: com uma conversa ou uma traição?)

E A MAX E O LUCAS?

Stranger Things/Netflix/Reprodução

Outro casal que sentiu abalos de uma temporada para a outra foi Max e Lucas. Mas, diferentemente dos apaixonados mencionados acima, eles conversaram sobre seus sentimentos e traumas, e conseguiram compreender um ao outro. Mas isso quer dizer que vão reatar? Não necessariamente. O romance dos dois nasceu de uma amizade, e pode ser que esses eventos só a tenha fortalecido. Se vai dar namoro de novo ou não, só o tempo dirá.

ROBIN TERÁ UMA NAMORADA?

Stranger Things/Netflix/Reprodução

A final do campeonato de basquete foi a prova de que não apenas os sentimentos de Robin são correspondidos, como ela e Vickie (Amybeth McNulty) combinam — vai, no mínimo elas compartilham o mesmo senso de humor! Então, é impossível não torcer para que elas saiam do flerte e realmente vivam um romance no Volume 2. Depois de tanta tensão (e não só por causa dos terrores do Mundo Invertido), Robin merece sossego. Aliás, mais do que isso: ela merece ser feliz! E nada melhor do que finalmente encontrar conforto no abraço de uma namorada para trazer essa paz.

ESTÁ TUDO BEM, WILL?

Stranger Things/Netflix/Reprodução

Will não foi arrastado para o Mundo Invertido de novo, nem conviveu com visões assustadoras, como alguns dos seus amigos, mas é perceptível que há algo o incomodando. E, embora a mudança para Califórnia tenha sido, sim, difícil e as saudades dos amigos sejam grandes, a razão para o seu desconforto não parece estar nessa seara. Na realidade, tudo indica que se trata de assuntos do coração. Há vários acenos de que Will pode estar apaixonado por Mike, e não sabe muito bem como lidar com isso. Até porque seu melhor amigo não é uma pessoa muito chegada a falar de sentimentos, o que torna tudo ainda mais complicado. Mas talvez o quadro que ele pintou para recebê-lo o ajude a começar essa conversa? A gente só quer te ver bem, Will!

Conteúdo Patrocinado

Ao continuar navegando, declaro que estou ciente e concordo com a Política de Privacidade bem como manifesto o consentimento quanto ao fornecimento e tratamento dos dados e cookies para as finalidades ali constantes.