Reunião de Friends é censurada na China e fica sem BTS, Lady Gaga e Bieber

Séries e TV

Notícia

Reunião de Friends é censurada na China e fica sem BTS, Lady Gaga e Bieber

Especial foi exibido no país na última quinta-feira (27), tal como nos Estados Unidos

Flávio Pinto
28.05.2021
11h02

Embora aguardada, a reunião de Friends parece não ter agradado à imprensa. E aparentemente, a China. A exibição de Friends: The Reunion, no país, que aconteceu também na última quinta-feira (27), no mesmo dia em que foi lançada nos Estados Unidos, pela HBO Max, cortou as cenas com o rapper Justin Bieber, o grupo BTS e cantora Lady Gagaque apareceu com Lisa Kudrow cantando "Smelly Cat". [Via Indiewire]

Isso porque os artistas foram banidos da nação asiática por motivos específicos. O primeiro foi Justin Bieber, em 2014, após publicar no Instagram uma foto do Santuário Yasukuni, no Japão, símbolo de homenagem aos mortos em guerra. 

A cantora Lady Gaga virou persona non grata em Pequim após um encontro com Dalai Lama, líder espiritual exilado do Tibete, em 2016. Inclusive, na cerimônia do Oscar de 2019, na qual a protagonista de Nasce uma Estrela foi vencedora na categoria por melhor canção original com "Shallow", a atriz teve o rosto borrado nas sequências em que fora mostrada na plateia, além de ter seu discurso e performance da canção - ao lado de Bradley Cooper - eliminado do show. 

Já o BTS virou alvo de críticas do governo chinês após ter se recusado a mencionar os sacríficos das tropas chinesas ao relembrar da Guerra da Coreia. 

O especial de Friends foi exibido na China picotado em três partes, cada qual sendo exibida em um streaming específico. 

Friends: The Reunion será exibido no Brasil com legendas em português — e sem cenas cortadas — dia 29 de junho, na estreia latino-americana do serviço HBO Max.

Ao continuar navegando, declaro que estou ciente e concordo com a Política de Privacidade bem como manifesto o consentimento quanto ao fornecimento e tratamento dos dados para as finalidades ali constantes.