Mangás e Animes

Notícia

Jujutsu Kaisen: Fushiguro e Itadori podem brigar feio em breve

Megumi quebrou uma promessa que havia feito ao protagonista

Diego Lima
14.12.2021
09h00

Yuji Itadori e Megumi Fushiguro fizeram um acordo antes de entrarem na competição que conhecemos como Migração à Extinção, em Jujutsu Kaisen: eles conquistariam os pontos de que precisavam sem matar pessoas e sem se separar. Não demorou até que eles se separassem... Também não demorou até que um deles quebrasse a outra regra. Spoilers abaixo.

Fushiguro descontrolado.
Crunchyroll

O capítulo 168 de Jujutsu Kaisen mostrou a continuação da luta entre Fushiguro e Reggie, que quase conseguiu causar sérios danos ao amigo de Yuji Itadori. A luta não foi das mais fáceis, mas, no final, Fushiguro se deu bem. Na verdade, ele talvez tenha exagerado na maneira como agiu para enfrentar os inimigos.

Mesmo depois de ouvir o mensageiro da Migração à Extinção dizer que uma nova regra havia sido adicionada ao jogo — a de que jogadores poderiam transferir pontos entre si —, Megumi Fushiguro decidiu matar um dos aliados de Reggie para ganhar mais pontos e se sentir alguns passos mais perto de salvar a própria irmã.

Fushiguro usará fogo contra fogo.
Shueisha

Por enquanto, Yuji Itadori não sabe o que aconteceu. Entretanto, como as pessoas agora podem obter informações a respeito dos demais participantes da Migração à Extinção, ele logo saberá que Fushiguro, de alguma maneira, ganhou pontos novos sem que eles fossem transferidos por alguém. Afinal, a quantia é proporcional à que se ganha por eliminar participantes.

Talvez, por se tratar de uma situação desesperadora, Yuji consiga relevar a decisão tomada por Fushiguro. No entanto, conhecendo o jeito do protagonista, é bem provável que ele não aceite o fato de que o próprio amigo matou alguém com tanta facilidade. É bem provável que os dois tranham um sério desentendimento no futuro próximo.

Reggie confirma morte de aliado.
Shueisha

O próximo capítulo de Jujutsu Kaisen chegará ao Manga Plus, aplicativo gratuito oficial da Shueisha, em 19 de dezembro, com tradução para português brasileiro.

Ao continuar navegando, declaro que estou ciente e concordo com a Política de Privacidade bem como manifesto o consentimento quanto ao fornecimento e tratamento dos dados e cookies para as finalidades ali constantes.