Carnificina

Créditos da imagem: Marvel/Divulgação

Filmes

Artigo

Venom | Entenda a cena pós-crédito do filme

Cletus Kasady é um dos vilões mais perigosos dos quadrinhos

Fábio de Souza Gomes
04.10.2018
23h58

Venom conta com uma história fechada, mas a cena pós-crédito indica como pode ser o futuro da franquia. Caso os planos da Sony se concretizem, o filme deve ganhar uma continuação e o anti-herói irá enfrentar um vilão muito mais poderoso e perigoso que o Riot de Riz Ahmed: Cletus Kasady, também conhecido como o Carnificina.

O personagem vivido por Woody Harelson é um dos psicopatas mais conhecidos dos quadrinhos. Ainda jovem, ele assassinou o administrador do orfanato onde vivia e, depois, incendiou o local para se vingar dos maltratos que sofria. Com o tempo, ele virou um serial killer, assassinando diversas pessoas ao longo dos EUA e só parou quando finalmente foi capturado pelas autoridades e foi condenado para prisão. Porém, foi nesse momento que ele ganhou um poder inimaginável.  

Ao chegar na cadeia, teve ninguém menos que Eddie Brock como seu companheiro de cela. Na época, o anti-herói não estava possuído por Venom, mas sua ligação com o simbionte era tão forte que a criatura acabou o encontrando e o ajudou a escapar. Contudo, durante a fuga, pedaços do simbionte acabaram presos nas paredes do local e, eventualmente, descobriu-se que se tratava de uma espécie de “filho” do simbionte original. Esse novo ser se juntou com Cletus e dessa união nasceu o Carnificina.

Ao se juntar com o simbionte, a psicopatia e instabilidade de Cletus ficaram ainda maiores e rapidamente ele se tornou um dos seres mais perigosos do Universo. Como ele “nasceu” na Terra, o som – uma das maiores vulnerabilidades de Venom – não surte o mesmo efeito no vilão, que logo parte para uma onda de crimes ao redor dos EUA.

No longa, Eddie Brock é a única pessoa que Cletus aceita conversar e, por isso, o jornalista o encontra para uma entrevista na cadeia onde o psicopata está preso. Caso uma sequência seja realizada, é possível adaptar a história para que uma parte do simbionte se junte ao assassino durante essa conversa e, então, ele escaparia e enfrentaria Venom nas ruas de Nova York.

A Sony ainda não indicou uma continuação do filme mas se ela for confirmada, o embate entre Venom e o Carnificina será inevitável na telona.