Filmes

Notícia

Tenet é adiado para setembro no Brasil

Filme agora chega no país após os Estados Unidos

Arthur Eloi
27.07.2020
17h23
Atualizada em
29.07.2020
18h55
Atualizada em 29.07.2020 às 18h55

A Warner Bros. anunciou o adiamento da estreia de Tenet para 10 de setembro no Brasil. A informação vêm pouco após a afirmação de que o longa chegaria aos cinemas brasileiros ainda em 27 de agosto. Agora, a distribuidora empurrou a exibição nacional em duas semanas.

Recentemente, o estúdio explicou seu plano para lançar Tenet em meio à pandemia do coronavírus. Ao invés de uma data mundial, países que obtiveram algum tipo de sucesso na luta contra a doença receberão o filme antes dos demais. Assim, a estreia foi dividida em duas fases: a primeira a partir de 26 de agosto, em países com algum grau de estabilidade; e a segunda a partir de 2 de setembro em algumas cidades dos Estados Unidos e demais territórios.

O Brasil antes integrava a lista de mais de 70 países da Fase Um, ao lado de Rússia, Espanha, Itália, Coreia, Japão, Alemanha, França, Canadá, Reino Unido e Austrália. Agora, o país se encontra na Fase Dois, ao lado dos EUA e China.

Tenet mostra uma organização capaz de inverter o fluxo do tempo e que usa esse poder para salvar pessoas de perigos eminentes. Liderado por John David Washington, o elenco conta ainda com Robert Pattinson (Crepúsculo), Elizabeth Debicki (Guardiões da Galáxia Vol. 2), Kenneth Branagh (Dunkirk), Aaron Taylor-Johnson (Vingadores: Era de Ultron), Dimple Kapadia (O Que o Coração Deseja) e Clémence Poésy (Harry Potter).