David Ayer afirma que seu corte de Esquadrão Suicida tem versões estendidas das cenas do Coringa de Jared Leto

Créditos da imagem: Divulgação/Warner Bros.

Filmes

Notícia

Esquadrão Suicida | David Ayer revela cenas estendidas do Coringa em sua versão

Diretor revelou parte das cenas que filmou com Jared Leto e não chegaram aos cinemas

Gabriel Avila
08.09.2020
13h26
Atualizada em
08.09.2020
13h45
Atualizada em 08.09.2020 às 13h45

O diretor David Ayer voltou a falar sobre as diferenças entre sua versão de Esquadrão Suicida e a que chegou aos cinemas em 2016. Respondendo a um fã que perguntou sobre as regravações do longa, o cineasta revelou parte das cenas do Coringa de Jared Leto ficaram de fora do corte final:

“No meu corte, a primeira cena é June Moon (Cara Delevingne) descobrindo e soltando a Magia em uma floresta. A cena seguinte é uma versão estendida do ataque da gangue do Coringa ao Arkham quando ele usa eletrochoque na Arlequina (Margot Robbie). Tinha mais [na cena] da boate e uma discussão entre Arlequina e Coringa em seu carro”

Assim como Liga da Justiça, Esquadrão Suicida também passou por problemas em sua produção, com refilmagens que mudaram a ideia original de Ayer e várias cenas excluídas, especialmente do Coringa de Leto. Recentemente, a empresa AT&T, dona da Time Warner, não descartou a possibilidade do lançamento, respondendo a um fã nas redes sociais que só era necessário um pouco de magia. Lançado em 2016, Esquadrão Suicida fez US$746 milhões na bilheteria mundial.

O próximo filme da franquia, dirigido por James Gunn, usará alguns dos mesmos personagens, mas não terá tantas conexões com a trama. O longa deve se inspirar nas HQs do grupo na década de 1980, escritas por Jon Ostrander e Kim Yale. A estreia é prevista para 6 de agosto de 2021.