Filmes

Notícia

Deadpool 2 | Ryan Reynolds achou que cena do filme seria cortada

Ator pensou que receberia ligação de associação de cinema dos EUA

Camila Sousa
06.08.2018
14h23
Atualizada em
06.08.2018
16h13
Atualizada em 06.08.2018 às 16h13

Ryan Reynolds imaginou que precisaria cortar a cena da “cruzada de pernas” em Deadpool 2. Em entrevista ao Hollywood Reporter, o ator disse que estava esperando uma ligação da MPAA (Motion Picture Association of America):

Ryan Reynols em Deadpool 2
Twentieth Century Fox Film/Divulgação

“Eu não sabia se teria que conversar com a MPAA e explicar que aquele era o meu pequeno pênis e minhas bolas, e não computação gráfica. Mas não foi um problema”, brincou o ator.

Questionado sobre a cena deletada do bebê Hitler, em que Deadpool voltaria o passado para mata-lo, Reynolds respondeu: “Eu sempre gostei, porque cria o mesmo debate na ilha de edição que acontece nas ruas do mundo. Eu sempre fui e voltei sobre essa cena, várias vezes. Nós ficamos um pouco nervosas sobre ela, pensando se era demais. Nenhum de nós conseguiu ter uma solução para lidar com a cena, então nossa decisão final foi não lidar, não colocar no filme. Cortamos um pouco por causa de tempo, mas também nos deu algo realmente divertido para colocar no DVD”.

A versão estendida de Deadpool 2 será lançada no Brasil no dia 23 de agosto. Além de 15 minutos de cenas deletadas, o material inclui tomadas alternativas, segredos e easter eggs, comentários de Ryan Reynolds e mais - confira aquiDeadpool 2 chegou aos cinemas e maio e arrecadou US$ 730 milhões na bilheteria mundial.