Barry Keoghan compara papel em Mestres do Ar ao Coringa: “Tento humanizá-los”

Créditos da imagem: Divulgação e Montagem/Omelete

Séries e TV

Entrevista

Barry Keoghan compara papel em Mestres do Ar ao Coringa: “Tento humanizá-los”

Astro de Saltburn vive o herói americano Curtis Biddick na nova minissérie histórica do Apple TV+

Omelete
3 min de leitura
25.01.2024, às 12H00
ATUALIZADA EM 04.02.2024, ÀS 20H14
ATUALIZADA EM 04.02.2024, ÀS 20H14

Apesar de ter sido gravada cerca de um ano antes das filmagens de Saltburn (2023), a nova produção televisiva de Steven Spielberg e Tom Hanks, Mestres do Ar, pode tirar bom proveito do sucesso conquistado pelo longa de Emerald Fennell. Isso porque Barry Keoghan, que na minissérie sobre a II Guerra Mundial do Apple TV+ interpreta o herói americano Curtis Biddick, nunca foi tão popular.

Conversando com o Omelete, o ator irlandês de 31 anos, que brilhou em Os Banshees de Inisherin (2022) e surpreendeu como uma nova versão do Coringa em Batman (2022), apontou similaridades e diferenças nas interpretações de uma figura histórica e de um vilão dos quadrinhos que já encontrou tantas encarnações nas telas. 

“Eu estou sempre tentando humanizar todos eles, trazê-los à vida e fazê-los reais. Nesse caso [o de Mestres do Ar], há certos fatos e elementos que você tem de acertar, e você tem de estar historicamente correto. Nisso, há uma grande diferença [em relação ao Coringa]”, afirmou Keoghan.

Marcado por papéis de jovens problemáticos muito antes de Saltburn, como os de O Sacrifício do Cervo Sagrado (2017) e A Lenda do Cavaleiro Verde (2020), o astro falou recentemente à GQ sobre sua vontade de inaugurar uma fase mais madura para sua carreira. Ao Omelete, Keoghan detalhou o que essa pulsão representa para sua visão artística, daqui para frente.

“Olha, eu disse recentemente que definitivamente quero amadurecer como ator, e que quero ter a oportunidade de mostrar meu alcance, elevando o meu comprometimento com a arte. Não importa a idade que eu esteja interpretando em tela", resumiu Keoghan. "Não é que especificamente eu não queira mais interpretar jovens rapazes, mas o que quer que seja que os personagens exijam, eu quero aparecer para fazer. Óbvio que [personagens que tenham] 12, 14 anos, eu não vou mais interpretar”, brincou.

Estrelada por Austin Butler, Callum Turner, Anthony Boyle, Nate Mann, Rafferty Law, Josiah Cross, Branden Cook, Ncuti Gatwa e Barry Keoghan, Mestres do Ar (Masters of the Air, no original) tem produção-executiva de Steven Spielberg, Tom Hanks e Gary Goezman, com roteiro de John Orloff (Band of Brothers).

Conforme a sinopse, Mestres do Ar "acompanha os homens do 100º Grupo de Bombardeio (o Centésimo Sangrento, ou Bloody Hundredth) enquanto eles realizam perigosos bombardeios sobre a Alemanha nazista e enfrentam as condições hostis do frio, a falta de oxigênio e o puro terror do combate realizado a 25.000 pés de altitude. Retratar o sacrifício psicológico e emocional destes jovens, ao ajudarem a destruir o horror do Terceiro Reich de Hitler, é o ponto central da série. Alguns deles foram abatidos e capturados; outros foram feridos ou mortos. E alguns tiveram a sorte de voltar para casa. Independentemente do destino de cada um, todos sofreram um grande impacto”.

A história é inspirada no livro homônimo de Donald L. Miller, e será contada em nove episódios. Anna Boden e Ryan Fleck (Capitã Marvel), Cary Joji Fukunaga (True Detective), Dee Rees (Mudbound: Lágrimas Sobre o Mississippi) e Tim Van Patten (The Pacific) são os diretores.

Mestres do Ar, diferente de suas duas minisséries antecessoras, Band of Brothers e The Pacific, não será desenvolvido e tampouco distribuído pela HBO. A produção foi deixada de lado por conta do alto orçamento de US$ 250 milhões, mas não demorou muito para ser adquirida pela Apple. A série estreia no Apple TV+ em 26 de janeiro.

A seguir, confira nossas primeiras impressões sobre a série:

Omelete no Youtube

Confira os destaques desta última semana

Omelete no Youtube

Confira os destaques desta última semana

Ao continuar navegando, declaro que estou ciente e concordo com a nossa Política de Privacidade bem como manifesto o consentimento quanto ao fornecimento e tratamento dos dados e cookies para as finalidades ali constantes.