Mangás e Animes

Artigo

Spy x Family | Tudo sobre o anime que já é um fenômeno antes mesmo de estrear

História de espionagem familiar promete ser o grande anime da temporada de primavera

Omelete
7 min de leitura
Fábio Garcia
06.04.2022, às 12H00
ATUALIZADA EM 17.04.2022, ÀS 15H14
ATUALIZADA EM 17.04.2022, ÀS 15H14

O mercado de mangás e animes no Japão funciona quase sempre da mesma forma: lançam um mangá,  algum estúdio se interessa em criar uma versão animada e, com o sucesso, a versão em quadrinhos começa a vender mais. Foi assim com Demon Slayer, Jujutsu Kaisen e Tokyo Revengers, mas Spy x Family parece ter ido por um caminho diferente: o mangá já é um sucesso avassalador no Japão mesmo sem ter um autor renomado ou uma série animada por trás.

Como foi que um mangá sobre um espião formando uma família falsa conseguiu se destacar em meio a outros shonen de lutinha e se tornar um fenômeno no Japão antes de uma série animada?

Divulgação

Espionagem familiar

Como toda boa história de espionagem, Spy x Family começa quando o agente de codinome Twilight é convocado para uma missão perigosa que envolve se aproximar de Donovan Desmond, um figurão político. Após muito estudo das possibilidades, perceberam que a única aparição pública do alvo era nos eventos da Academia Eden, uma escola de elite frequentada por pessoas importantes onde o filho de Desmond estuda. Embora Twilight seja o rei dos disfarces, sozinho ele não conseguirá completar essa missão, pois a única forma de entrar no círculo escolar é matriculando uma criança lá e tendo uma esposa para ser aceito no processo de seleção.

Twilight, agora assumindo a identidade do médico Loid Forger, consegue adotar uma garotinha chamada Anya Forger e convence a solteirona Yor a fingir um matrimônio, formando assim uma família ideal aos olhos da Academia Eden. Porém, ao mesmo tempo que Twilight tenta manter o segredo de sua verdadeira identidade, o espião não faz ideia que cada membro dessa família falsa também esconde um “segredinho”: sua esposa de mentirinha na verdade é uma assassina de aluguel conhecida como Thorn Princess e a filha Anya é uma telepata com o poder de ler mentes.

Reprodução

Aí está a graça de Spy x Family, cada um esconde do outro suas habilidades especiais. Inclusive a missão de Twilight seria muito mais fácil se ele pudesse contar com a habilidade telepática da filha ou com a força descomunal de sua esposa. E por que não revelam seus segredos? Pelo medo de perder a “família falsa”. Twilight sabe que precisa de Anya estudando na escola para se aproximar de Donovan, Yor precisa estar em um matrimônio para evitar ser denunciada para as autoridades e Anya, mesmo sabendo das profissões reais dos pais precisa fingir pois tem medo de ser mandada de volta para o orfanato.

Dupla jornada

Spy x Family é uma mistura perfeita de situações do cotidiano com histórias de espionagem. Ao mesmo tempo que Loid Forger/Twilight precisa forjar uma família ideal, ele também continua normalmente com seu trabalho de espião impedindo crimes e atentados. Não é incomum o agente estar em um compromisso familiar e precisar “dar uma fugidinha” para trabalhar, isso quando não está ao mesmo tempo cuidando de Anya e perseguindo bandidos.

Divulgação

Aproveitando o tópico, já precisamos avisar que a Anya é uma das crianças mais carismáticas que já apareceram numa série de anime e mangá. Além do lado obviamente fofo que já garante cenas muito bonitinhas, a garota tem um lado sacana quando tenta usar seus poderes de telepatia para o mal, como colar numa prova ou tentar ler os pensamentos dos outros para arrancar informações exclusivas para benefício próprio. Suas experiências na Academia Eden também são bastante divertidas, pois Anya tenta ajudar na missão do pai de alguma forma, mas todas as suas tentativas de se aproximar do herdeiro de Donovan são frustradas. Essas trapalhadas também se aplicam à Yor, a mãe dessa família falsa. Ao mesmo tempo que é uma lutadora exímia e uma máquina de matar, a Thorn Princess também é uma mulher insegura com seu relacionamento com Loid e se esforça em ser uma boa esposa.

Outro ponto de destaque em Spy x Family é seu elenco de apoio. Para trazer agilidade às histórias, o autor Tatsuya Endo introduz vários personagens recorrentes para mexer com o plano de Twilight. Tem um cunhado que na verdade é um espião do país inimigo, a colega de trabalho que está louca para dar uma rasteira na esposa, o assistente do Twilight que passa atuar como babá da Anya e por aí vai. E mais para frente na história a família fica completa com um novo membro, o cachorro Bond cujo poder especial é prever o futuro. Como se vê, é uma história que está sempre apresentando coisas novas, engraçadas e (por que não?) emocionantes.

Qual o segredo?

Embora Tatsuya Endo seja um ilustre desconhecido no ocidente, o autor de Spy x Family atua nesse meio dos quadrinhos há bastante tempo no Japão. Como é comum na profissão, Endo trabalhou como assistente de outros autores até conseguir experiência para emplacar seus próprios projetos, mais especificamente na revista Jump SQ da editora Shueisha. Seu maior sucesso antes de Spy x Family foi Gekka Bijin, uma história de fantasia finalizada em cinco volumes encadernados. Em 2019 ele foi para a Shonen Jump+, uma revista digital da Shueisha, e tomou o mercado editorial de assalto com Spy x Family.

Reprodução

Mesmo em uma revista derivada, não demorou muito para o clima gostoso de Spy x Family conquistar os leitores. Assim que os primeiros volumes encadernados foram sendo lançados, números assombrosos de vendas (na casa dos milhões) eram divulgados pelos institutos de publicações. Esse sucesso fora da curva chamou a atenção, ainda mais em um mercado acostumado a ver apenas mangás explodindo após um anime de sucesso. Os últimos exemplos foram Jujutsu Kaisen e Tokyo Revengers, ambos vendendo muito após a estreia de suas temporadas, mas Spy x Family conseguia rivalizar com esses dois colossos mesmo sem ter um anime na televisão. Ainda…

A versão animada de Spy x Family que chega agora na temporada de primavera de 2022 é uma produção conjunta de dois estúdios com um vasto histórico de bons animes. De um lado temos o Wit Studio de Attack on Titan e Ranking of Kings, enquanto do outro está o Cloverworks de My Dress-Up Darling e Wonder Egg Priority. E para comandar essa colaboração de estúdios está Kazuhiro Furuhashi, diretor que já cuidou de animes como Dororo e Getbackers e, pelos trailers, parece ter conseguido dosar bem as ótimas cenas de ação mantendo a leveza do original.

Não se sabe como Spy x Family conseguiu números tão impressionantes sem apoio de anime, mas podemos especular. Para começar, Tatsuya Endo é um autor com senso de humor incrível, capaz de construir situações muito divertidas e empolgantes para os personagens do mangá. Ele é especialmente habilidoso em criar situações nas quais o leitor se pega pensando “e agora, como ele vai conseguir fazer isso sem revelar que na verdade é um espião?”, e no fim somos sempre surpreendidos com uma sucessão de coincidências muito gostosas de acompanhar. O próprio autor confessou adorar esse tipo de trama sobre esconder identidade: “Aquela tensão de quando parece que serão descobertos e aquela frustração de quando querem contar a verdade, mas não podem”, escreveu no primeiro volume do mangá.

Acima disso tudo, Spy x Family é uma história sobre um assunto bastante em voga no mundo inteiro, a família. Aqui além da questão de pessoas que escondem quem são de verdade para viver uma ilusão de aparências, também temos a história de pessoas desconhecidas que, embora tenham formado laços familiares falsos, começam a sentir aqueles sentimentos de forma verdadeira, com o Twilight se apaixonando pela Yor e os dois amando Anya como uma filha.

Como se pode notar, Spy x Family é um anime obrigatório. Além de demonstrar uma beleza técnica como vemos em poucos animes em cada temporada, a história da família falsa em uma operação para salvar o país consegue levar emoção e muitas risadas para o público. E fica a curiosidade no ar: se as vendas do mangá já são absurdas antes da animação, como será após a estreia? Aí o céu é o limite.

O anime de Spy x Family estreia no próximo dia 9 de abril e os episódios serão disponibilizados semanalmente na Crunchyroll, com legendas em português. O mangá é lançado pela editora Panini e, até o momento, está encostado na publicação japonesa com 8 volumes lançados.

Conteúdo Patrocinado

Ao continuar navegando, declaro que estou ciente e concordo com a Política de Privacidade bem como manifesto o consentimento quanto ao fornecimento e tratamento dos dados e cookies para as finalidades ali constantes.