Séries e TV

Notícia

Kamen Rider Black é retirado da Band após problemas com a dublagem

Sato Company, a dona dos direitos do herói, e o dublador Élcio Sodré se pronunciaram sobre o caso

Fábio Garcia
04.09.2020
14h54
Atualizada em
04.09.2020
19h13
Atualizada em 04.09.2020 às 19h13

Foi anunciada ontem (3) através das redes sociais a suspensão da exibição de Kamen Rider Black na Band. O tokusatsu (forma como são chamadas as séries de heróis japoneses interpretados por atores de carne e osso) era uma das atrações bloco dominical da emissora, que se viu obrigada a procurar uma nova reprise para tampar o buraco. No decorrer das horas, descobriu-se que o problema que levou ao cancelamento de Kamen Rider Black foi a sua dublagem.

O primeiro comunicado foi feito pela Sato Company, detentora dos direitos da série no Brasil, em suas redes sociais. "Infelizmente nem todos são a favor do enorme trabalho que estamos tendo em resgatar obras clássicas que acalenta os nostálgicos nesse momento de pandemia", informa a nota, acrescentando que "o interesse de poucos atrapalhando o sonho de muitos". Confira a nota abaixo:

Ao site Na Telinha, o presidente da empresa Nelson Sato esclareceu que se tratava de um problema relacionado à dublagem, e que Kamen Rider Black "pode voltar ou não, se não der acordo".

No começo da tarde desta sexta-feira (4), foi a vez do dublador Élcio Sodré se manifestar em suas redes sociais. O responsável pela voz do protagonista Isamu Minami explicou que a veiculação de qualquer mídia exige a autorização preliminar do titular da voz, mas que em momento algum teriam ido conversar com ele para negociar o contrato de cessão de direitos de autor, conforme exige a lei. "Continuo aguardando e torcendo para tudo acabar bem e como deve acabar numa negociação entre pessoas corretas: dentro da lei", encerrou. Confira a publicação:

No final da tarde, a Sato Company divulgou uma nova nota explicando o caso. Dividida em vários pontos, a nota de esclarecimento explica que a retirada de Kamen Rider Black foi ato de um dublador que teria se negado a assinar o contrato de cessão de voz, e que a equipe está realizando estudos para levantar a quantidade de horas do dublador na produção. Confira a nota abaixo:

Nota de esclarecimento: Em virtude de algumas notas que saíram em mídias sociais, esclarecemos que: 1. A...

Publicado por Sato Company em Sexta-feira, 4 de setembro de 2020

Enquanto o assunto segue sendo discutido entre as partes envolvidas, o bloco Mundo Animado da Band seguirá sendo exibido apenas com episódios de Changeman, Jiraiya e Jaspion. A Band inclusive já retirou o título da programação de domingo do seu site oficial.

Kamen Rider Black foi exibida no Brasil durante os anos 90 pela Rede Manchete, e tem muitos fãs pelo Brasil. A série conta a história dos irmãos gêmeos Issamu Minami e Nobuhiko Akizuki, destinados a lutarem pelo título de soberanos do Império Gorgom. Issamu consegue fugir de seu destino e usa os seus poderes para lutar contra monstros.