10 animes que prometem fazer sucesso em 2023

Créditos da imagem: Mashle/Divulgação

Mangás e Animes

Lista

10 animes que prometem fazer sucesso em 2023

Shangri-La Frontier, Frieren, Oshi no Ko e outras séries que você precisa ficar de olho neste ano

Omelete
1 min de leitura
11.01.2023, às 09H43.

Mais um ano começando e, com ele, a certeza de que centenas de novos animes estrearão. Infelizmente não há espaço para todos no coraçãozinho do otaku, então algumas novas séries já têm mais chance de fazer sucesso, seja porque vieram de um autor famoso ou porque o mangá já faz bastante sucesso antes mesmo da série animada estrear. E é justamente para falar de novas promessas que estamos aqui nessa lista.

O objetivo aqui é te contar os NOVOS animes que prometem fazer algum burburinho entre os otakus neste ano de 2023, então não vamos incluir temporadas subsequentes de animes já aclamados como Demon Slayer, Jujutsu Kaisen e Attack on Titan. Tendo explicado isso, chegou a hora de ver em quem estamos apostando nossas fichas.

NieR:Automata Ver1.1a (temporada atual)

NieR já é uma franquia bastante conhecida pelos fãs de jogos, mas a obra máxima de Yoko Taro ganhou agora uma versão em anime para chegar a ainda mais pessoas. A trama parece simples e mostra as lutas dos androides 2D e 9S, da YoRHa, contra os Seres Vivos Mecânicos. No decorrer da trama a gente vai conhecendo mais os habitantes daquele universo, e também descobrindo alguns segredos por trás de todo o conflito entre humanos e seus inimigos.

Não é novidade adaptar um jogo para anime, mas NieR:Automata promete ser uma atração para todos os tipos de público. Enquanto os leigos vão se aventurar por uma história bastante rica, quem já é fã da 2B poderá se deslumbrar com o roteiro que conta com a contribuição do próprio Yoto Taro e provavelmente surpresas para quem já conhece de cabeça todos os 26 finais possíveis do game original.

O anime está sendo lançado na Crunchyroll. Caso queira experimentar NieR:Automata de uma forma mais “interativa”, o jogo foi lançado pela Platinum Games em 2017 para PlayStation 4, PC e Xbox One. Em outubro de 2022 o Nintendo Switch ganhou um port do game.

Ayakashi Triangle (temporada atual)

Em mais uma história envolvendo ninjas e demônios, Ayakashi Triangle apresenta Kazamaki Matsuri cujo trabalho é espantar ayakashis, espíritos malignos. Para ajudar em seu trabalho ele conta com a ajuda de Suzu, sua amiga de infância cujo poder é atrair essas criaturas. Tudo estava bem, até que o protagonista é amaldiçoado e se torna uma garota.

Ayakashi Triangle é mais um caso de anime que tem nome famoso na certidão de nascimento. Kentaro Yabuki, criador de To Love-Ru, é o responsável por esse mangá que já causou bastante no Japão: originalmente era lançado na Shonen Jump, berço de mangás famosos como One Piece e My Hero Academia, mas por conta do “teor” da história acabou sendo transferido para a revista digital Jump+. Alguns capítulos inclusive foram pulados na publicação digital no ocidente supostamente por serem muito “quentes”.

O anime de Ayakashi Triangle é lançado oficialmente no Brasil pela Crunchyroll e é um dos destaques da atual temporada. Se quiser conferir a versão em quadrinhos, é possível ler os capítulos de Ayakashi Triangle no aplicativo oficial MangaPlus da Shueisha, mas apenas em inglês.

Hell's Paradise (Previsão: abril de 2023)

Com o título original de Jigoraku, Hell's Paradise é uma história ambientada no passado, quando o ninja Gabimaru está encarcerado e esperando a morte. Num belo dia aparece uma executora, mas em vez de matá-lo ela oferece a oportunidade de acompanhá-la em uma jornada mágica cheia de perigos. Como isso lhe dará a liberdade depois da missão, Gabimaru aceita a proposta.

Embora já seja um nome grande por conta do mangá publicado pela Shueisha, o anime de Hell's Paradise tem um nominho que atiça os otakus: MAPPA. O estúdio de Chainsaw Man, um dos queridinhos dos fãs de anime por causa de ótimos trabalhos feitos em Attack on Titan e Jujutsu Kaisen, é o responsável por dar vida a essa loucura criada por Yuji Kaku (autor que recentemente teve um outro mangá cancelado pela Shonen Jump, o Ayashimon).

Se quiser conferir uma amostra antes do anime, é possível ler os primeiros capítulos de Hell's Paradise no aplicativo oficial MangaPlus da Shueisha, mas apenas em inglês. O título também foi publicado no Brasil pela editora Panini.

Oshi no Ko (Previsão: abril de 2023)

Aqui temos uma das grandes promessas do ano, e também uma das sinopses mais surreais. Caso queira manter a surpresa, recomendo ir para o próximo anime direto. A história começa quando uma idol de 16 anos, Ai Hoshino, descobre estar grávida. A artista procura a ajuda de Goro, um ginecologista, que promete realizar um parto tranquilo. No dia do parto o médico é assassinado misteriosamente, e logo depois reencarna... como um dos filhos gêmeos de Ai Hoshino.

O estúdio Doga Kobo (de Shikimori's Not Just a Cutie) será o responsável por animar essa doideira e há muita expectativa sendo criada por esse anime. A versão em quadrinhos é publicada na Young Jump desde 2020 e desde então tem alcançado vendas bastante expressivas. O anúncio de anime veio em junho de 2022 e o primeiro episódio terá nada menos que 90 minutos, duração de dar inveja a qualquer James Cameron dos animes.

Se quiser conferir uma amostra antes do anime, é possível ler os capítulos de Oshi no Ko no aplicativo oficial MangaPlus da Shueisha, mas apenas em inglês.

Mashle: Magic and Muscles (Previsão: abril de 2023)

Outra série que promete é Mashle, que muitos resumem como uma mistura de One-Punch Man com Harry Potter (!?). Por mais estranha que pareça essa comparação, o negócio faz um pouco de sentido porque o protagonista da história é Mash Burnedead, um rapaz sem poderes vivendo em um mundo controlado pela magia. Após alguns acontecimentos envolvendo sua família ele precisa se matricular na escola mágica, e lá vai demostrar como sua força muscular é o suficiente para resolver os problemas do dia a dia.

Mashle é um mangá publicado desde janeiro de 2020 na Shonen Jump, e isso já garante a ele um selo de curiosidade por parte dos fãs de anime. Outro ponto positivo que pode conquistar o público é o seu humor absurdo, pois é bastante hilário ver como Mash utiliza os músculos para realizar tarefas mágicas: em vez de invocar um feitiço para erguer uma vassoura no ar, o monstro dá um chutão no solo até que o item seja ejetado até sua mão. Se o anime conseguir pegar o timing cômico do mangá, Mashle deve fazer bastante sucesso por aqui.

Se quiser conferir uma amostra antes do anime, é possível ler os capítulos de Mashle: Magic and Muscles no aplicativo oficial MangaPlus da Shueisha, mas apenas em inglês. O mangá em português é lançado no Brasil pela editora Panini com o título adaptado Mashle: Magia e Músculos.

Shangri-La Frontier (Previsão: 2023)

O futuro chegou e todo mundo está fascinado com a possibilidade de jogar games magníficos em realidade virtual. Porém, o adolescente Rakuro Hizutome (mais conhecido virtualmente como Sanraku) curte mesmo são os jogos bugados e cheios de falhas de sistema, pois são os mais divertidos de se jogar. Após muita insistência ele decide experimentar o jogo queridinho do momento, o RPG online Shangri-La Frontier e lá ele usará suas habilidades para "quebrar" as mecânicas e descobrir segredos até então não revelados para os outros jogadores.

Nessa matéria aqui tenho sido bastante comedido até o momento, mas essa neutralidade é impossível no caso de Shangri-La Frontier. O mangá, que veio originalmente de uma webnovel escrita por Katarina, é uma das grandes obras da atualidade do Japão. A história é muito inventiva, o trio principal tem muita personalidade e as cenas de combate são empolgantes. A história foi criada por alguém que entende bem como funciona um jogo de videogame, então quem está lendo esbarra em vários clichês e comentários que tornam aquela experiência dos personagem em algo muito identificável. Se o estúdio C2C (de Tsukimichi) entregar um anime próximo do que é o mangá, temos aqui um dos grandes títulos de 2023.

Se quiser conferir uma amostra antes do anime, é possível ler alguns capítulos de Shangri-La Frontier no aplicativo Crunchyroll Manga, mas apenas em inglês. O mangá em português é lançado no Brasil pela editora Panini.

Uzumaki (Previsão: 2023)

Agora é hora do terror! A história de Uzumaki apresenta uma misteriosa maldição em que os moradores de uma cidade ficam muito interessados em espirais, ou objetos com designs espiralados, algo que leva as pessoas à morte. Sabendo desse destino inevitável, os dois protagonistas da história tentam fugir daquele lugar o mais rápido possível, resta saber se vão conseguir.

A premissa de Uzumaki parece muito atípica para uma obra de terror, mas nesse caso precisamos confiar totalmente nas habilidades do autor Junji Ito. Considerado o mestre do terror japonês, além de ser um dos autores de mangá mais publicados no Brasil, o japonês é conhecido por transformar qualquer situação em algo assustador, de sala de consultório médico a um buraco no formato de um ser humano. O anime é da Production I.G (de Aoashi) então já podemos esperar um trabalho de qualidade, resta só sabermos quando será essa exibição: o projeto já foi adiado anteriormente porque o estúdio está tentando entregar o melhor produto possível.

Se quiser conferir uma amostra antes do anime, a versão em quadrinhos de Uzumaki foi publicada recentemente no Brasil pela editora Devir, já tendo uma edição em meados dos anos 2000 lançada pela editora Conrad.

Frieren: Beyond Journey's End (Previsão: 2023)

Conhecido originalmente como Sousou no Frieren, a história é curiosa por abordar um período pós-aventura. A trama se inicia depois que os protagonistas derrotaram o Rei Demônio, e agora a elfa Frieren atravessa o mundo relembrando tudo o que passou em sua (longa) vida.

Publicado na Shonen Sunday desde 2020, Frieren é um daqueles mangás que vieram do nada e tomaram o mundo otaku de assalto. O título de Kanehito Yamada e Tsukasa Abe já ganhou muitos prêmios importantes no Japão e rapidamente foi licenciado para muitos países, como o Brasil. Infelizmente tudo referente ao anime é um mistério, pois não sabemos diretor, roteirista e nem ao menos o estúdio que fará a adaptação. O anime está previsto para algum ponto de 2023, mas com tão poucas informações assim é capaz até de atrasar.

Se quiser conferir uma amostra antes do anime, é possível o mangá em português é lançado no Brasil pela editora Panini com o título adaptado Frieren e a Jornada para o Além.

Undead Unluck (Previsão: 2023)

Tal qual aquelas histórias com dois protagonistas bem diferentes entre si, Undead Unluck nos apresenta a jovem Fuuko que passou por um grande trauma na infância. Como desgraça pouca é bobagem, a garota tem o poder de trazer má sorte para quem ela tocar. Mas logo no começo da história ela conhece Andy, uma espécie de zumbi incapaz de morrer e que só quer uma morte tranquilinha. Essa dupla improvável precisa se unir, pois um livro mágico planeja destruir a humanidade se ambos não cumprirem alguns desafios.

Embora Undead Unluck esteja mais próximo do grupo de acesso que do rol de grandes mangás da Shonen Jump, esse anime em especial tem um atrativo interessante: a animação é da David Production, responsável por Jojo’s Bizarre Adventure e pelo reboot recente de Urusei Yatsura, então sabemos que a equipe tem talento e poderá extrair alguma coisa de um material original tão mediano.

Se quiser conferir uma amostra antes do anime, é possível ler os capítulos de Undead Unluck no aplicativo oficial MangaPlus da Shueisha, mas apenas em inglês. O mangá em português é lançado no Brasil pela editora Panini.

I'm in Love with the villainess (Previsão: 2023)

Originalmente uma webnovel, I'm in Love with the Villainess fez bastante sucesso em seu país de origem quando lançada em livro físico. Como manda a cartilha dos isekai, a história começa quando a garota Rei reencarna como uma personagem de um otome game, um daqueles jogos de relacionamento nos quais a protagonista tem a oportunidade de conhecer profundamente os outros personagens. Só que Rei não quer namorar os rapazes previstos pelo roteiro do jogo, e sim a vilã Claire, e a partir daí começam as dificuldades.

Produzido pela Platinum Vision (de Saiyuki Reload Blast), o anime de I'm in Love with the Villainess promete pegar um pouco do sucesso de outras obras semelhantes, como My Next Life as a Villainess que focam em personagens vilanescas de games de relacionamento. Não deixa de ser um respiro para quem estava atrás de histórias menos focadas em lutinha e com um destaque maior para relacionamentos. Essa estreia de 2023 é bastante esperada por aqui, pois a criadora Inori demonstrou muito carinho pelos fãs brasileiros de sua obra.

Se quiser conferir uma amostra antes do anime, a editora NewPOP está lançando as light novels no Brasil com o nome adaptado Me Apaixonei pela Vilã. A editora também já anunciou a publicação da versão em quadrinhos, ainda sem data.

Omelete no Youtube

Confira os destaques desta última semana

Omelete no Youtube

Confira os destaques desta última semana

Ao continuar navegando, declaro que estou ciente e concordo com a nossa Política de Privacidade bem como manifesto o consentimento quanto ao fornecimento e tratamento dos dados e cookies para as finalidades ali constantes.