Hugh Jackman como Wolverine em X-Men (2000)

Créditos da imagem: 20th Century Studios/Divulgação

Filmes

Notícia

X-Men | Hugh Jackman revela que 1º filme teve mais de 40 minutos cortados

Ator relembrou a "grande surpresa" que teve ao ver produção como foi lançada no cinema

Eduardo Pereira
26.08.2021
15h29
Atualizada em
26.08.2021
16h42
Atualizada em 26.08.2021 às 16h42

O astro australiano Hugh Jackman voltou a mergulhar no baú de memórias de seus anos como Wolverine e revelou como X-Men - O Filme (2000) quase foi bem diferente do que chegou aos cinemas, à época. Segundo Jackman afirmou ao Collider, o filme dirigido por Bryan Singer seria muito mais longo do que o corte que foi lançado, tendo perdido mais de 40 minutos na ilha de edição.

"Uma semana antes do filme ser lançado, eu acho que ele tinha 47 minutos a mais. Eu posso estar exagerando, mas era muito", lembrou o ator. "E talvez a semana seja um exagero também, mas certamente... Tudo o que nós gravamos, eu lembro de ver o filme e dizer: 'O que aconteceu com aquela cena e aquele personagem? O quê? Espera, uau'. Aquele filme, pelo que me lembro, tem uns 100 minutos, eu acho. No original era muito mais longo, muito mais longo, então foi uma grande surpresa para mim", completou Jackman.

Recentemente, o ator australiano frustrou o sonho de fãs que querem vê-lo voltar a empunhar as garras no Universo Cinematográfico da Marvel (MCU), frisando que seu período no papel já acabou. "Está no meu passado, cara. Não conte para ninguém, tudo bem? E me deixe dizer mais uma coisa: como eu disse, não se passa um dia em que eu não seja incrivelmente grato por ter sido uma parte do Universo Marvel", afirmou Jackman.

"Especialmente por estar ali bem no começo, podendo assistir a tudo. Ter visto Kevin Feige ir de assistenta a produtor e amigo meu, até chegar onde ele chegou hoje. Foi o papel de uma vida. Então, eu nunca quero que as pessoas pensem, quando eu digo que para mim acabou, que é desdém. Foi um dos maiores capítulos da minha vida", concluiu o astro.

Ao longo dos 17 anos em que interpretou o Wolverine, Jackman atuou em 11 filmes sob o selo Marvel Comics como um mesmo personagem, um recorde que só ele detém. Sua despedida das garras do mutante aconteceu em Logan (2017), sob tutela do diretor James Mangold (Ford vs. Ferrari).

 

 

 

 

 

 

 

 

Ao continuar navegando, declaro que estou ciente e concordo com a Política de Privacidade bem como manifesto o consentimento quanto ao fornecimento e tratamento dos dados para as finalidades ali constantes.