Séries e TV

Notícia

The Walking Dead | Saída de Rick é comparada com morte marcante das HQs

Paralelo foi traçado por Angela Kang, a nova showrunner da série

Natália Bridi
02.10.2018
22h08
Atualizada em
02.10.2018
22h44
Atualizada em 02.10.2018 às 22h44

Grande evento da 9ª temporada de The Walking Dead, a saída de Rick Grimes (Andrew Lincoln) precisa ser um momento coerente com o tamanho do personagem, ao mesmo tempo em que deixa espaço para que a história siga em frente, conforme explica Angela Kang, a nova showrunner da série durante uma mesa redonda com o Screen Rant

Rick em The Walking Dead
AMC/Divulgação

"(...) nos quadrinhos também há grandes saídas. A analogia mais próxima que consigo pensar, em termos de impacto, foi quando Andrea morreu nos quadrinhos. Foi uma morte significativa em um arco de personagem muito, muito longo. Procuramos inspiração nisso. Como criar uma história que tem o seu próprio arco, ao mesmo tempo em que plantamos sementes para os episódios seguintes, já que, obviamente, não é o fim da série e ainda temos muito mais histórias para contar", explicou. 

Nos quadrinhos, a morte de Andrea tomou uma edição inteira. Depois de ser mordida para salvar Eugene, ela teve tempo de se despedir de todos, até que Rick precisou matá-la de vez. A perda, porém, ainda acompanha o xerife nas HQs.

The Walking Dead retorna em 7 de outubro. No Brasil, o programa é transmitido pelos canais pagos Fox e Fox Premium e no serviço de streaming Fox App.