The Mandalorian: como Anakin Skywalker influenciou decisão de Ahsoka Tano

Créditos da imagem: Divulgação/Disney+

Séries e TV

Artigo

The Mandalorian | Como Anakin Skywalker influenciou decisão de Ahsoka Tano

Antiga aprendiz do Jedi foi apresentada no mais recente episódio da série

Gabriel Avila
27.11.2020
10h45
Atualizada em
27.11.2020
12h17
Atualizada em 27.11.2020 às 12h17

[Cuidado com spoilers do 5º episódio da 2ª temporada de The Mandalorian]

O último episódio de The Mandalorian finalmente apresentou a versão live-action de Ahsoka Tano. Criada no filme animado Star Wars: A Guerra dos Clones - que por sua vez é um piloto da série animada The Clone Wars -, a personagem se tornou extremamente popular entre os fãs graças ao seu carisma e sua intensa jornada como padawan de Anakin Skywalker. Sem citar o nome do antigo mestre da personagem, o episódio entitulado “The Jedi” mostra como a jornada do futuro Darth Vader impactou Ahsoka Tano para sempre.

Interpretada por Rosario Dawson, Ahsoka Tano se juntou à história por conta da missão de Din Djarin (Pedro Pascal) de entregar a criança a um Jedi que pudesse treiná-lo. Após conhecer a criança, descobrir seu verdadeiro nome e citar o fato de que ele pertence à raça do Mestre Yoda, Tano se nega a treiná-la. A razão para isso seria o apego do pequeno ao Mandaloriano, algo que o deixaria vulnerável aos seus medos e raiva. Ao ser questionada se fúria não é algo positivo, ela nega justificando que já viu o que esse sentimento fez ao melhor dos cavaleiros Jedi.

Anakin Skywalker e Ahsoka Tano em Star Wars: The Clone Wars
Divulgação/Disney+

Esse momento simples ecoa toda a jornada da personagem nas animações The Clone Wars e Rebels. Na primeira série, que se passa entre os Episódios II e III, ela foi apresentada como Padawan de Anakin Skywalker como uma forma tanto de desenvolver seu aprendizado na Ordem Jedi, como para dar ao seu mestre um senso de responsabilidade que ele ainda não tinha. Por conta disso, ela acompanhou de perto a ascensão do jovem Skywalker, que se tornou uma importante voz de comando em um período tão conturbado para a galáxia, as Guerras Clônicas.

Ainda que a dupla tenha se separado antes da transformação de Anakin em Darth Vader - depois de Ahsoka deixar a Ordem Jedi acusada falsamente de comandar um atentado ao Templo de Coruscant -, chegou ao conhecimento da guerreira que seu antigo mestre havia se voltado para o lado sombrio da Força. Essa queda foi causada justamente pelo apego do Jedi pela senadora Padmé Amidala, já que o medo de perder sua amada o levou diretamente para as garras de Darth Sidious.

Não bastasse a profunda tristeza de saber que seu mestre se tornou aquilo que combatia, Ahsoka ainda teve de lidar com ele. Nos episódios finais da segunda temporada de Star Wars: Rebels, a guerreira togruta luta contra Darth Vader em pessoa, em um dos duelos mais impactantes de toda a franquia, especialmente por conta de toda a carga emocional.

É curioso perceber como essa ferida se faz tão presente em Ahsoka, já que The Mandalorian se passa décadas após o último encontro entre ela e seu antigo mestre. Ainda que a guerreira tenha se recusado a treinar a Criança, é bem possível que ela ainda retorne à série no futuro, já que a busca pelo Grande Almirante Thrawn pode fazer com que seu caminho se cruze com o do mandaloriano novamente.

Exibida no Brasil pelo Disney+, The Mandalorian acompanha as aventuras pela galáxia de Din Djarin (Pedro Pascal), que busca encontrar um lugar seguro para A Criança (ou Baby Yoda).

Ao continuar navegando, declaro que estou ciente e concordo com a Política de Privacidade bem como manifesto o consentimento quanto ao fornecimento e tratamento dos dados para as finalidades ali constantes.