Star+ | Preço, catálogo e tudo sobre o novo streaming da Disney

Créditos da imagem: Divulgação

Séries e TV

Artigo

Star+ | Preço, catálogo e tudo sobre o novo streaming da Disney

Nova plataforma estreia no Brasil nesta terça-feira (31)

Marcelo Forlani e Beatriz Amendola
31.08.2021
06h00
Atualizada em
31.08.2021
10h08
Atualizada em 31.08.2021 às 10h08

Nesta terça-feira (31), será lançado no Brasil o Star+, o novo serviço de streaming da Disney. E o Omelete conversou com Juliana Oliveira, diretora de Direct to Consumer de Star+ e Disney+, e Danilo Campos, diretor de Marketing de Star+, para te ajudar a responder as suas principais dúvidas sobre a plataforma. Confira: 

Qual o diferencial do Star+, e por que ele é separado do Disney+?

"Na verdade o Star+ é nossa proposta de streaming para o público adulto", explicou Juliana Oliveira. "Então, enquanto a gente tem Disney+ focada no público família, o Star+ é a nossa plataforma que vai ter conteúdo mais irreverente, provocador, focado neste público adulto".

A executiva contou ainda o porquê de ambos os serviços, por aqui, serem separados, enquanto na Europa eles operam sob o mesmo aplicativo: "Por que Star+ não é parte da Disney+? E a resposta, resumindo, é: a gente tem um conteúdo tão forte destes dois pilares de General Entertainment e Esportes que a gente acredita ser forte o suficiente para ter um produto independente da Disney+. Mas é claro que acreditamos muito na junção dos dois. São plataformas complementares."

Como assinar? 

Os usuários poderão assinar o Star+ ou o Combo+ (pacote que une Star+ e Disney+) principalmente por meio do site www.starplus.com. Mas também será possível assinar o serviço por meio de parcerias, como foi feito no lançamento da Disney+, que tinha acordos com GloboPlay, Bradesco, Vivo e Mercado Livre. A empresa ainda não divulgou os parceiros de Star+. 

Qual o preço do serviço?

Serão disponibilizados dois pacotes para assinar o Star+: o mensal, no valor de R$ 32,90, e o anual, por R$ 329,90.

A Disney ainda oferece uma opção de combo, que une as assinaturas do Disney+ (cujo valor sozinho é R$ 27,90) e do Star+, por R$ 45,90. "Existe na complementaridade com o Disney+ um incremental de R$ 18. Então, acho que a gente tem uma proposta bastante competitiva", afirmou Danilo Campos. 

O que está no catálogo do Star+?

"A gente tem cinco grandes pilares: filmes, séries, produções originais, comédias animadas e esportes", disse Danilo Campos. 

O Star+ será o lar de séries que iam ao ar pelos antigos canais Fox, como The Walking Dead, This is Us, Pose e Os Simpsons -- cujas novas temporadas serão todas exclusivas do serviço. Ele também terá as inéditas Only Murders in the Building (estreia em 31 de agosto, junto com a plataforma) e Y: The Last Man (estreia em 13 de setembro). 

Também estarão por lá séries brasileiras como Impuros, cuja terceira temporada também estreia nesta terça. A plataforma lançará, no futuro, O Rei da TV, sobre a vida de Silvio Santos. O serviço planeja lançar 66 produções originais latino-americanas.

Os filmes da Marvel para maiores, como Deadpool e Logan, também poderão ser encontrados no Star+,  assim como grandes sucessos do estúdio da raposa, como Titanic, Diabo Veste Prada e Bohemiam Rapsody, além do inédito Amizade de Férias, com John Cena. 

Os eventos esportivos

Além disso, a nova plataforma também investirá em transmissões ao vivo de eventos esportivos, como CONMEBOL Libertadores, Premier League, LaLiga, NHL, MLB - a lista mais completa: CONMEBOL Libertadores, Premier League (Inglês), LaLiga (Espanhol), Ligue 1 (Francês), Serie A (Italiano), Campeonato Argentina e Europa League, além das ligas americanas NBA, NFL, NHL, MLB, eventos como Tour de France, US Open de Tênis, WTA, PGA Tour, Bellator MMA, jogos de rugby, surfe e outros.

Esses conteúdos ficarão disponíveis, depois da transmissão ao vivo, por tempo limitado, que irá depender da negociação com cada liga esportiva. 

Como funcionará a exclusividade de novas temporadas de séries que também estão em outros serviços?

"O objetivo é que o Star+ seja a casa destes conteúdos da 20th Century Studios, da Searchlight e dos estúdios que pertencem à Disney. A gente espera que isso aconteça de forma gradativa, mas temos contratos vigentes e vai respeitar os acordos", explicou Campos. "This is Us é um caso de que a próxima temporada vai chegar primeiro no Star+. E teremos um hiato em relação a outros players que hoje também têm no catálogo. A mesma coisa com The Walking Dead".  

Haverá intercâmbio de séries de vários países? 

De acordo com Oliveira, sim. "A ideia é que a gente exporte vários deles para outros territórios e que alguns conteúdos dos outros mercados, que a gente acha que tenha relevância também possa vir para o Brasil". Mas a programação do serviço em cada país, notou ela, será diferenciada: "Cada país vai ter seu próprio catálogo. Nem tudo que vai estar aqui vai estar na Argentina".

Quais as funcionalidades técnicas do Star+?

Juliana Oliveira explicou que o serviço usou a mesma base tecnológica do Disney+. O Star+ permitirá configurar até 7 perfis diferentes e fazer 25 downloads simultâneos em até 10 dispositivos para assistir offline. A empresa ainda promete grande variedade de conteúdo em alta definição, com reprodução de até 4K e áudio Dolby Atmos 7.1

Em que dispositivos o Star+ estará disponível?

  • TVs: Amazon Fire TV, Android TV, Apple TV, Chromecast, LG, Samsung;
  • Sistemas Operacionais: Chrome OS, MacOS, Windows PC;
  • Celulares e tabletes: Tablets Amazon Fire, celulares e tabletes Android, iPhone e iPad;
  • Consoles: PS4, PS5, Xbox One, Xbox Series X, Xbox Series 5.

 

Ao continuar navegando, declaro que estou ciente e concordo com a Política de Privacidade bem como manifesto o consentimento quanto ao fornecimento e tratamento dos dados para as finalidades ali constantes.