Columbia Pictures Television/Divulgação

Créditos da imagem: Columbia Pictures Television/Divulgação

Séries e TV

Lista

Seinfeld na Netflix: veja 10 episódios para entender a série sobre nada

Famosa produção do comediante Jerry Seinfeld finalmente chega à plataforma do Tudum

Flávio Pinto
01.10.2021
11h24

Esta sexta, 1º de outubro, certamente é um dia que vai entrar na história. Após anos de expectativas, pedidos e espera, todas as nove temporadas de Seinfeld, finalmente, chegaram à Netflix.

Embora a produção criada por Larry David e Jerry Seinfeld já tenha sido exibida pela Rede Record, Rede 21, Canal Sony, e Warner Channel, e feito parte do catálogo da Prime Video, os fãs da série sobre nada estavam ansiosos pelo lançamento oficial dos episódios pela plataforma de Ted Sarandos, desde o anúncio feito pela companhia em setembro de 2019.

Mas, com 180 episódios à sua disposição, é compreensível que a tarefa de maratonar a melhor série de todos os tempos — segundo alguns dos maiores veículos especializados, como TV Guide, Entertainment Weekly, e Rolling Stone —  possa parecer algo massivo demais. Especialmente nessa era com mais de 500 séries no ar, das mais diversas plataformas. 

Por isso, o Omelete resolveu montar uma lista com os 10 episódios essenciais para que você entenda a essência de Seinfeld. Não se trata necessariamente dos melhores episódios, e sim, daqueles que são fundamentais para absorver a intenção de David e Seinfeld, que se propuseram a oferecer ao mundo uma série sobre... nada. 

A lista se baseia no impacto de cada um dos episódios para dentro e fora do universo televisivo, e em quão bem a produção noventista envelheceu. Confira. 

10º lugar — The Opposite (5ª temporada, episódio 22)

Columbia Pictures Television/Reprodução
Columbia Pictures Television/Reprodução

E se você resolvesse tomar todas as decisões importantes da sua vida ao contrário de como normalmente agiria? Essa é a premissa de "The Opposite" (S05E22). O episódio basicamente tem dois grandes pontos de conflito: a vida de George (Jason Alexander), que dá uma guinada de 180.º após ele resolver agir de forma oposta em relação ao seu comportamento normal; e a de Elaine (Julia-Louis Dreyfus), que leva um tombo imenso. Aliás, a percepção de Elaine no final do episódio, quando se dá conta que, basicamente, "virou o George" é — genuinamente — um dos momentos mais engraçados de toda a série. 

9º lugar — The Parking Garage (3ª temporada, episódio 6)

Columbia Pictures Television/Reprodução
Columbia Pictures Television/Reprodução

Com uma estrutura similar a outro episódio que ainda vai aparecer na lista, em "The Parking Garage" (S03E06) acompanhamos o quarteto tentando encontrar a vaga do shopping em que Jerry estacionou seu carro. Há também Jerry e George sendo presos, Elaine tendo de lidar com a falta de empatia dos transeuntes e Kramer (Michael Richards) sendo Kramer e carregando um ar-condicionado para cima e para baixo. É praticamente um bottle-episode em um estacionamento real de shopping. Muito simples, porém inesperadamente ambicioso.

8º lugar — The Fire (5ª temporada, episódio 20)

Columbia Pictures Television/Reprodução
Columbia Pictures Television/Reprodução

George Costanza é, sem sombra de dúvidas, um dos personagens mais emblemáticos da televisão. E também um dos mais desprezíveis. Seu egoísmo é uma marca registrada, como é mostrado neste mesmo episódio. Enquanto participa da festa de aniversário do filho de sua namorada, um incêndio é iniciado e George mostra para todos a sua verdadeira identidade. 

7º lugar — The Invitations (7ª temporada, episódio 24)

Columbia Pictures Television/Reprodução
Columbia Pictures Television/Reprodução

Com seu casamento com a noiva Susan iminente, para seu pesar e desânimo, George — a contragosto — escolhe os convites para a cerimônia. Após selecionar os envelopes mais baratos, chega a vez de sua noiva cumprir a tarefa de lacrá-los. É impossível tecer maiores comentários sobre o episódio sem dar spoilers, então vamos apenas dizer que o resultado dessa simples tarefa é, digamos, fatal. 

6º lugar — The Marine Biologist (5ª temporada, episódio 14)

Columbia Pictures Television/Reprodução
Columbia Pictures Television/Reprodução

Quando Jerry diz a uma ex-namorada da faculdade que George agora é um biólogo marinho, ela pede o número dele. Confrontado com a realidade de que está agindo de má-fé, George tem que concordar com a mentira para ele poder fazer o relacionamento ir adiante. Do outro lado de Nova York, Kramer começa a praticar golfe na praia. Duas histórias aparentemente díspares que mostram exatamente como Seinfeld acertava em cheio quando conseguia convergir todas as histórias de um episódio. 

5º lugar — The Soup Nazi (7ª temporada, episódio 6)

Columbia Pictures Television/Divulgação
Columbia Pictures Television/Divulgação

O nome do episódio é baseado em um dos personagens secundários mais memoráveis da série inteira, o nazista da sopa (interpretado por Larry Thomas, que recebeu até mesmo uma indicação ao Emmy pela participação especial). Um gênio incompreendido na arte de cozinhar sopas, ele requer que todos os clientes do seu restaurante o tratem com autoridade e respeito. Enquanto Jerry e George se prostram diante o excêntrico cozinho, Elaine não apresenta decoro algum e é banida do estabelecimento. 

4º lugar — The Yada Yada (8ª temporada, episódio 19)

Columbia Pictures Television/Reprodução
Columbia Pictures Television/Reprodução

Larry David deixou a produção no final da sétima temporada. Após a sua saída, o tom da série ficou mais surreal. A prova disso é o episódio "The Yada Yada" (S08E19). Nele, acompanhamos Jerry enfurecido com seu dentista, Tim Whatley (um Bryan Cranston antes da fama conquistada por Breaking Bad), que resolve se converter ao judaísmo para ter o direito de fazer piadas com a religião. Já George começa a sair com uma moça que resolve encurtar histórias inserindo a expressão "Yada Yada", dando o título do episódio. Aliás, essa expressão ficou tão conhecida que acabou sendo adicionada ao vernáculo dos americanos. No episódio há também a participação de Debra Messing, antes da atriz explodir com Will & Grace, como uma namorada de Jerry (não vou estragar a graça revelando um aspecto peculiar da personagem, cuja verdadeira face é mostrada apenas ao final do episódio).

3º lugar — The Little Kicks (8ª temporada, episódio 4)

Columbia Pictures Television/Reprodução

Nomeado em homenagem à forma... inusitada de Elaine dançar, o episódio vai muito além dos passinhos de dança maravilhosos de Julia-Louis Dreyfus. Há também uma grande narrativa sobre George querer se mostrar como um badboy — que leva a um confronto igualmente memorável entre Elaine e Frank Costanza. Em paralelo, Jerry faz um trabalho freelancer como gravador de filmes piratas. Sério, é simplesmente surreal descrever as tramas distintas do episódio — e mais surreal ainda é ver como todas elas se encontram no fim de "The Little Kicks" (S08E04).

2º lugar — The Chinese Restaurant (2ª temporada, episódio 11)

Columbia Pictures Television/Reprodução
Columbia Pictures Television/Reprodução

"The Chinese Restaurant" (S02E11) consiste na espera de George, Jerry e Elaine para conseguir uma mesa em um restante chinês. Simples, mas totalmente inovador. Enquanto o trio aguarda durante 20 minutos, o público se diverte vendo as suas presepadas: Elaine tenta comer do prato de um cliente como parte de uma aposta, George é levemente assediado por uma namorada no telefone, Jerry se desespera para tentar convencer o host do estabelecimento dos os motivos pelos quais ele merece uma mesa. É o melhor da comédia observacional sobre nada — porém, sobre tudo.

1º lugar — The Contest (4ª temporada, episódio 11)

Columbia Pictures Television/Reprodução
Columbia Pictures Television/Reprodução

Faça um teste: pergunte a qualquer fã de Seinfeld qual é o melhor episódio da série e, certamente, a resposta mais propensa a ser ouvida é "The Contest" (S04E11). Merecidamente, e sem exageros, "The Contest" é meio que a obra-prima de Larry DavidSua premissa é bem simples: o quarteto aposta sobre quem consegue passar mais tempo sem se masturbar. Assistindo ao episódio agora, em 2021, é até chocante como ele se dedica a passar 22 minutos falando sobre masturbação sem sequer utilizando a palavra. Ao invés disso, há um número de eufemismos utilizados para omitir o termo do texto (sendo o melhor deles “o mestre do seu domínio”). Sem contar que no mesmo episódio há a obsessão da Elaine pelo filho do ex-presidente norte-americano, John F. Kennedy Jr, a introdução da personagem Marla (“a virgem”), a forma hilária como Kramer se remove da aposta (“estou fora!”), e a mãe de George flagrando o seu filho em um ato libidinoso. Simplesmente o puro suco do que é Seinfeld.

Menções honrosas

Columbia Pictures Television/Reprodução
Columbia Pictures Television/Reprodução
  • "The Rye" — 7ª temporada, episódio 11
  • "The Implant" — 4ª temporada, episódio 19
  • "The Pitch" — 4ª temporada, episódio 3 
  • "The Pen"  — 3ª temporada, episódio 3 
  • "The Library" — 3ª temporada, episódio 5
  • "The Busboy" — 2ª temporada, episódio 12 
  • "The Bubble Boy" (imagem) — 4ª temporada, episódio 7
  • "The Pool Guy" — 7ª temporada, episódio 8

Ao continuar navegando, declaro que estou ciente e concordo com a Política de Privacidade bem como manifesto o consentimento quanto ao fornecimento e tratamento dos dados para as finalidades ali constantes.