Séries e TV

Artigo

The Witcher | Henry Cavill fez campanha para ter mais dos livros na 2ª temporada

Ator conversou com o Omelete sobre os bastidores da segunda temporada

Pedro Henrique Ribeiro
17.12.2021, às 09:00
Atualizada em 24.12.2021, às 13:00
Atualizada em 24.12.2021, às 13:00

Henry Cavill, o fortão que já foi mito grego, super-herói alienígena e agente secreto, nos cinemas, está retornando como o bruxo Geralt de Rívia na série live-action The Witcher, da Netflix. Após quase dois anos de espera, a segunda temporada está prestes a estrear, e o Omelete conversou com o astro hollywoodiano sobre os bastidores e mudanças na série. Durante o papo, Cavill nos contou que fez campanha para trazer mais do universo literário da franquia para a produção e falou da exploração do lado sentimental de Geralt na nova temporada.

A segunda temporada de The Witcher está mais emotiva. Os nervos estão à flor da pele por todos os lados, e com Geralt não seria diferente. “Há muito mais para ele. Ele foi explorado muito mais profundamente [nessa temporada]”, nos contou o ator, que continuou falando sobre a campanha que ele fez para que fossem trazidas mais coisas do livro para o personagem dele. “Pelo menos, para os diálogos, fiz uma campanha muito forte para ter mais do ‘Geralt dos livros’ representado na tela. Ainda não nos aprofundamos muito na história de Geralt, mas mostramos que ele tem um lado emocional profundo que provavelmente não foi explorado”.

Fora das câmeras, o bruxão teve uma rotina complicada. Muito além de decorar os textos, ele precisa treinar para usar sua espada, montar cavalos, saltar e muito mais. Em 2020, durante as gravações da temporada, o ator teve um rompimento grave em sua coxa e por sorte não sofreu um desligamento total do tendão. Ainda assim, os treinos são o momento favorito da rotina dele como ator de Geralt. “Passar o tempo continuando meu treinamento de cavalos [é o meu momento favorito dos bastidores]. Eu realmente gosto de fazer isso. Tive alguns professores e também dois cavalos magníficos para cavalgar. Tive muita, muita sorte”.

Lobo Branco solitário?

Durante a primeira temporada da série, o público conheceu um Geralt muito solitário. O carniceiro de Blaviken até se envolveu com algumas mulheres e fez amizade com o bardo Jaskier (Joey Batey), mas além desses momentos ele sempre esteve sozinho, como todo bruxo. Já na segunda temporada, a situação do personagem muda bastante. Após encontrar Cirilla (Freya Allan) na floresta, os dois partem rumo a Kaer Morhen. No caminho, o bruxo encontra seu velho conhecido Nivellen (Kristofer Hivju) e, chegando em casa, celebra com sua família — que adicionou a jovem princesa.

Segunda temporada de The Witcher
(Netflix/Divulgação)

Todos os caminhos levam a um Geralt mais falante — como defendeu Cavill — e com mais companhia. Lembra quando ele encontrou aquele outro bruxo morto pela estringe? Ele enfiou a mão no cadáver para conferir os órgãos do falecido (eca!). A segunda temporada leva a crer que ele não faria o mesmo com os colegas que encontrou em Kaer Morhen, e é dessa mudança que estamos falando. Ele está mais sentimental, mais altruísta e menos propenso à indiferença.

Perguntamos para Cavill quem é mais importante para Geralt entre Cirilla e Yennefer (Anya Chalotra), e ele disse que “no início da segunda temporada, ele [o personagem] pensa que Yennerfer está morta”.

Para além do personagem, queríamos saber com quem ele mais gostou de contracenar durante a segunda temporada. “É uma escolha difícil. É um trabalho incrível”, respondeu Cavill. “Quando eu estava trabalhando com Anya [Chalotra], ela fez um trabalho extraordinário. Acho o Kristofer [Hivju] uma pessoa muito especial de se contracenar. E Kim [Bodnia, o Vesemir] também, nós nos aprofundamos muito na emoção desses personagens e encontramos algo que criamos algo que não estava na página”, continuou ele

Segunda temporada de The Witcher
Netflix/Divulgação

Até que chegou a uma conclusão: “Eu diria que é um empate entre todos eles, porque todos tiveram performances tão fortes. Mas talvez por minha atuação com Kristofer ter sido tão curta, foi maravilhoso ver como ele podia mudar de um ator dramático, mas cômico, para um ator fortemente dramático dentro de uma cena, e foi realmente lindo”.

The Witcher já está com a terceira temporada encaminhada e o trabalho de Cavill como o Lobo Branco está longe de acabar. A primeira temporada da série está disponível na Netflix, bem como a animação Lenda do Loboleia nossa crítica. A segunda temporada de The Witcher chega ao streaming nesta sexta-feira (17), com oito episódios de cerca de uma hora cada.

Ao continuar navegando, declaro que estou ciente e concordo com a Política de Privacidade bem como manifesto o consentimento quanto ao fornecimento e tratamento dos dados e cookies para as finalidades ali constantes.