Séries e TV

Notícia

Batwoman | Ruby Rose revela como ficou sabendo que havia sido escalada

Atriz viverá heroína da DC pela primeira vez no crossover do Arrowverso

Rafael Gonzaga
09.08.2018
11h41
Atualizada em
09.08.2018
12h06
Atualizada em 09.08.2018 às 12h06

A atriz Ruby Rose revelou que ficou muito emocionada quando recebeu a notícia de que havia sido escalada para interpretar a Batwoman em sua série homônima da CW. Em entrevista ao The Tonight Show With Jimmy Fallon, Rose contou como foi o processo de ficar sabendo que entraria para o Arrowverso com uma série solo.

"Descobri que fui escalada como a Batwoman uma hora antes de fazer a estréia da Megatubarãoe fiquei tão nervosa durante o tapete vermelho que basicamente ignorei todo mundo, porque estava tensa... eu ficava chorando semm conseguir me controlar. Só de falar parece que vou começar a chorar agora. Fiquei pensando no que eu diria quando algupém me perguntasse nas entrevistas do tapete sobre 'quais são os próximos planos?', que eles sempre perguntam. E eu ficava pensando que ou eu iria acabar revelando algo acidentalmente ou eu ia começar a chorar".

Rose explicou que o papel é significativo para ela pessoalmente também. Batwoman será a primeira super-heroína abertamente lésbica a liderar sua própria série televisiva após a estreia da personagem durante o crossover do Arrowverse em dezembro. Rose, que também é abertamente LGBT, lembrou que não havia nada como Batwoman na televisão com a qual ela pudesse se identificar quando era criança.

"Eu sou a Batwoman", disse Rose. "Eu sinto que a razão pela qual eu fiquei tão emotiva foi porque cresci assistindo TV, eu nunca vi alguém na TV com quem eu pudesse me identificar, muito menos uma super-heróina."

Rose fará sua estreia como a heroína no crossover das séries da DC na CW ainda este ano. Greg Berlanti está novamente em um projeto com o canal para criar uma série solo focada na personagem. Caroline Dries (The Vampire Diaries) está escrevendo o roteiro e atuando como produtora-executiva da série. Sarah Schechter e Geoff Johns também serão produtores executivos.

De acordo com a sinopse oficial de Batwoman, a série "gira em torno de Kate Kane, que, movida com sua paixão por justiça social e talento para falar o que pensa, vai às ruas de Gotham disfarçada de Batwoman, uma lutadora de rua lésbica e altamente preparada para parar o crime da cidade. Mas em uma cidade desesperada por um salvador, Kate precisa superar seus próprios demônios antes de abraçar o chamado para ser o símbolo de esperança de Gotham".

A heroína Batwoman foi introduzida pela primeira vez nos quadrinhos em 1956, em Detective Comics, como Kathy Kane. A personagem foi reinventada para os Novos 52 da DC como Kate Kane, uma mulher lésbica e judia que protege Gotham.