Netflix confirma redução na qualidade de transmissão durante quarentena

Créditos da imagem: Netflix/Divulgação

Netflix

Notícia

Netflix confirma redução na qualidade de transmissão durante quarentena

Medida posta em prática na União Europeia tem como objetivo evitar sobrecarregar servidores de internet

Nicolaos Garófalo
24.03.2020
00h06
Atualizada em
24.03.2020
09h45
Atualizada em 24.03.2020 às 09h45

Após implementar uma redução da qualidade na transmissão de seu conteúdo na União Europeia na última sexta-feira (20), a Netflix anunciou nesta segunda-feira (23) que fará o mesmo no Brasil. Assim como na Europa, o principal objetivo da empresa é evitar que os servidores de internet do país fiquem sobrecarregados durante o período de quarentena do COVID-19, ou coronavírus (via Estadão).

A medida foi posta em prática já na noite desta segunda em alguns estados, com previsão para atingir todos os usuários do País dentro de dois dias. De acordo com Ken Florance, vice-presidente de entrega de conteúdo da Netflix, os usuários podem perceber uma pequena queda na resolução escolhida, mas os conteúdos seguirão sendo exibidos dentro da qualidade de vídeo pela qual os clientes pagaram.

Assim como na Europa, a medida tomada pela Netflix está prevista para durar, por enquanto, 30 dias com a pretensão de reduzir em 25% o tráfego de internet.

Efeito Coronavírus na cultura pop

O COVID-19 é uma nova mutação da família coronavírus que está se espalhando em ritmo alarmante desde dezembro de 2019. A China foi o primeiro país vítima da epidemia, com infecções e mortes confirmadas em todas as suas províncias. Desde então, a presença do vírus foi confirmada em quatro continentes - incluindo a América do Sul, com casos no Brasil, Argentina e Chile.

Filmes como Pedro Coelho 2 e 007 - Sem Tempo Para Morrer tiveram suas estreias adiadas por causa da pandemia. Entre 13 e 15 de março, os Estados Unidos registraram sua pior arrecadação em 20 anos nas bilheterias.