Broadway interrompe espetáculos por causa do coronavírus

Créditos da imagem: Hamilton/Disney/Divulgação

Filmes

Notícia

Broadway interrompe espetáculos por causa do coronavírus

Prejuízo é estimado em US$ 100 milhões

Pablo Raphael
12.03.2020
16h22
Atualizada em
24.03.2020
11h59
Atualizada em 24.03.2020 às 11h59

Os teatros da Broadway, em Nova York, vão fechar as portas e interromper os espetáculos em cartaz a partir de hoje, 12 de março, por causa do surto global de coronavírus, informou a Variety.

"Nossa principal prioridade sempre foi e continuará sendo a saúde e o bem estar do público que frequenta os teatros da Broadway e das pessoas que trabalham na indústria do teatro diariamente, incluindo atores, músicos e outros profissionais dedicados", disse a presidente da Broadway League, Charlotte St. Martin. "A Broadway tem o poder de inspirar, enriquecer e entreter, e juntos estamos comprometidos em tornar esse espírito vital em realidade".

Com a interrupção dos espetáculos e fechamento dos teatros significa que muitas peças que estrearam agora, não conseguirão se pagar. A estimativa é que o prejuízo na Broadway chegue a US$ 100 milhões. Por causa do surto do coronavírus, o governador do estado de Nova York, Andrew Cuomo, restringiu reuniões públicas com mais de 500 pessoas, exceto escolas, hospitais e trânsito, a partir de 13 de março. 

Efeito Coronavírus na cultura pop

O COVID-19 é uma nova mutação da família coronavírus que está se espalhando em ritmo alarmante desde dezembro de 2019. A China foi o primeiro país vítima da epidemia, com infecções e mortes confirmadas em todas as suas províncias. Desde então, a presença do vírus foi confirmada em quatro continentes - incluindo a América do Sul, com casos no Brasil, Argentina e Chile.

Filmes como Pedro Coelho 2, 007 - Sem Tempo Para Morrer Um Lugar Silencioso - Parte II tiveram suas estreias adiadas por causa do surto.