Umbrella Academy, Hellboy e mais: 6 HQs ilustradas por Fábio Moon e Gabriel Bá

Créditos da imagem: Reprodução/Dark Horse Entertainment; Reprodução/Vertigo Comics

HQ/Livros

Lista

Umbrella Academy, Hellboy e mais: 6 HQs ilustradas por Fábio Moon e Gabriel Bá

Conhecidos por seu trabalho autoral, os gêmeos já trabalharam em diversas franquias

Gabriel Avila
22.02.2019
17h20

Grandes nomes dos quadrinhos, os gêmeos Fábio Moon e Gabriel Bá já foram premiados tanto no Brasil, com os prêmios como Jabuti e HQ Mix, quanto no exterior, vencendo o Prêmio Eisner duas vezes. A dupla é conhecido por seu trabalho autoral - do zine 10 Pãezinhos até o aclamado Daytripper - , mas já participaram de diversas franquias.

Os irmãos roteirizam suas histórias desde o início da carreira, mas ficaram conhecidos internacionalmente devido à identidade singular em sua arte. Enquanto o traço de Bá é mais geométrico e compõe cenas com maior alto contraste, Moon investe na pintura pincelada criando quadros orgânicos. Distintos, a combinação entre os estilos é harmoniosa e rende convites para parcerias nos quadrinhos mainstream. Embora trabalhem majoritariamente em conjunto, a dupla também opera separadamente, escolhendo projetos que combinem mais com cada um.

A seguir, apresentamos as principais colaborações da dupla

Umbrella Academy

Reprodução/Dark Horse Entertainment

Umbrella Academy conta a história de uma família disfuncional e super-poderosa que se reúne após anos sem contato no funeral de seu pai adotivo. Publicado pela Dark Horse, esse foi o primeiro projeto do músico Gerard Way como roteirista - saiba mais, e também foi o primeiro projeto mainstream de Gabriel Bá, que dá vida à uma equipe excêntrica com poderes diversos. A HQ foi adaptada em uma série da Netflix - Leia a crítica aqui. O terceiro arco de Umbrella Academy está em publicação nos EUA, os dois primeiros foram publicadas no Brasil pela Editora Devir.

Hellboy

Reprodução/Dark Horse Entertainment

Os gêmeos desenharam duas histórias curtas do Hellboy em parceria com o próprio Mike Mignola, criador do personagem. Em Saqueador de Cadáveres, o Vermelhão está no México quando se depara com um brujo que rouba corpos de pessoas recém-falecidas. Mignola revela ter se inspirado no Zé do Caixão para essa história - mesmo não tendo assistido a um único filme do cineasta. O conto foi desenhado por Fábio Moon e depois ganhou uma segunda parte com artes de Gabriel Bá. No Brasil, a história foi publicada no encadernado Hellboy no México da Editora Mythos.

B.P.D.P.

Divulgação/Dark Horse Entertainment

O Saqueador de Cadáveres não foi a primeira vez que os irmãos trabalharam com universo de Hellboy. A dupla desenhou duas minisséries focadas na agência paranormal que acolhe o herói após sua invocação, o Bureau de Pesquisas e Defesa Paranormal. A primeira, chamada B.P.D.P. 1947, tem roteiros de Mike Mignola e Joshua Dysart e narra a investigação liderada pelo professor Broom, o pai adotivo de Hellboy, que descobre um massacre de nazistas rendidos em um trem que os leva a uma jornada que envolve vampiros, bruxas e exorcismos. Já na segunda, B.P.D.P. Vampire, um agente parte em busca de vingança contra os vampiros e acabam encontrando um clã da Tchecoslováquia. B.P.D.P 1947 foi publicada no Brasil pela Mythos Editora no encadernado B.P.D.P. Origens: 1946-1947, enquanto Vampire, que tem roteiro e arte da dupla, ainda não foi lançada no país.

Como Falar com Garotas em Festas

Divulgação/Dark Horse Entertainment

Em 2016, a dupla adaptou Como Falar com Garotas em Festas para os quadrinhos. O conto, escrito por Neil Gaiman, se passa em Londres nos anos 1970 e conta a história do tímido Enn, que após conhecer três garotas em uma festa vive aventuras e experiências que poucos jovens de sua (ou qualquer) geração jamais sonharam. Além da graphic novel, o conto foi adaptado para filme em 2018, que ganhou um pôster desenhado por Fábio Moon - veja aqui. O quadrinho foi publicado no Brasil pela Cia. das Letras.

Vampiro Americano

Reprodução/Vertigo Comics

Vampiro Americano, a HQ de horror de Scott Snyder e Rafael Albuquerque publicada pela Vertigo, ganhou uma antologia com histórias curtas produzida por convidados que se passam nesse universo. Moon e Bá escrevem e desenham a história Last Night, onde a cantora Cora conta a um repórter sobre a noite em que vampiros atacaram o clube em que ela se apresentava, deixando-a como única sobrevivente. A HQ foi publicada pela última vez no Brasil pela Panini no encadernado Vampiro Americano vol. 6.

Casanova

Divulgação/Image Comics

Vindo de uma família de super-espiões, Casanova Quinn nunca foi muito interessado nesse mundo, vivendo apenas sobre suas próprias regras, mas quando uma organização maligna ameaça sua família, Cass embarca em uma jornada através de realidades paralelas e deve escolher entre viver como ladrão ou se tornar o maior espião que a agência I.M.P.E.R.I.O. já teve. Com roteiros de Matt Fraction, a HQ é desenhada separadamente pelos dois, cada um ficando responsável por ilustrar um arco. Segundo o editor Scott Allie, Gerard Way escolheu Bá como artista de Umbrella Academy após conhecer seu trabalho em Casanova devido à sua “abordagem gráfica meio [Mike] Mignola”.