Entrevista: Christopher Paolini comenta Murtagh, série de Eragon e mais

Créditos da imagem: Lo Hunter/Divulgação

HQ/Livros

Entrevista

Entrevista: Christopher Paolini comenta Murtagh, série de Eragon e mais

Autor fala sobre "a adaptação perfeita" e expectativas para o projeto da Disney+

Omelete
3 min de leitura
24.11.2023, às 11H06

O momento de Eragon chegou - de novo. O livro de Christopher Paolini foi lançado em 2002 e deu início à sua própria saga literária, uma que foi levada às telas quatro anos mais tarde. Depois do final do Ciclo da Herança, e dezessete anos após sua primeira adaptação, a história volta aos holofotes com o anúncio da nova série do Disney+ e o lançamento de Murtagh, livro que volta ao universo habitado por dragões começando uma aventura inédita. 

O Omelete conversou com o autor sobre essa nova fase e, no que diz respeito ao livro, ele garante que é um renascimento. “É tanto um volume único quanto a fundação para a próxima grande história no Mundo de Eragon. E eu mal posso esperar para todos lerem o que tenho em mente”, diz Paolini. 

“O Mundo de Eragon começou como uma tentativa de escrever o tipo de livro que eu gostaria de ler. Então incluí vários elementos que gostava em outras histórias, como dragões, elfos, duendes, magia e etc. É claro que, escrevendo esses livros, eu tive algumas ideias próprias, as quais acredito que os leitores gostaram”, compartilhou o autor sobre o processo de criação de seu universo mágico, que deve continuar crescendo. 

Ainda sobre os bastidores da fase criativa, Paolini revela que implementar suas ideias, independentemente da fonte ou natureza delas, demanda a mesma abordagem: perguntas. “De que tipo de mundo vem um dragão? Como um ovo de dragão vai parar no meio de uma floresta? Quem pode estar procurando por ele? E por aí vai.”

Em Murtagh, acompanhamos a história de um cavaleiro e seu dragão, exilados após o fim de um reinado de terror no qual tiveram um papel relevante. Longe de tudo e todos, a dupla pressente um novo e perigoso mal se aproximando, e parte em uma jornada para enfrentá-lo com todas suas armas. Por ser um volume único e independente, a nova história pode ser tanto a porta de entrada para o universo de Eragon quanto uma oportunidade de retorno para quem já é fã. 

Outra forma de voltar com tudo para o mundo mágico de Christopher Paolini é por meio da nova adaptação, anunciada como uma série no streaming da Disney em julho de 2022. Em conversa com o autor, ele comentou o que espera da produção: “Eu não tenho expectativas. Tenho esperanças, e vou trabalhar o máximo que puder para torná-las realidade, mas é impossível prever o que pode ou não acontecer com a série da Disney. Ainda assim, eu acho que temos uma boa chance de fazer algo especial dessa vez.”

“Uma adaptação perfeita é aquela que captura o sentimento do material fonte, mesmo se os detalhes diferem. E as sensações são as coisas mais difíceis de converter com precisão ou evocar na audiência”, completa Paolini.

Ainda não temos detalhes sobre a série de Eragon, então não há muitas opiniões acerca desse retorno, mas já sabemos algo que o projeto tem, e muito: potencial. 

Omelete no Youtube

Confira os destaques desta última semana

Omelete no Youtube

Confira os destaques desta última semana

Ao continuar navegando, declaro que estou ciente e concordo com a nossa Política de Privacidade bem como manifesto o consentimento quanto ao fornecimento e tratamento dos dados e cookies para as finalidades ali constantes.