Quadro de O Legado de Júpiter

Créditos da imagem: Image Comics/Divulgação

Netflix

Lista

O Legado de Júpiter | Conheça o elenco da nova série de heróis da Netflix

Liderada por Josh Duhamel, produção adapta elogiada HQ de Mark Millar

Nicolaos Garófalo
23.02.2021, às 21:04
Atualizada em 23.02.2021, às 21:23
Atualizada em 23.02.2021, às 21:23

Anunciada em 2017, quando Mark Millar fechou um acordo para lançar e adaptar as revistas do selo Millarworld pela Netflix, O Legado de Júpiter finalmente tem uma data de estreia definida: 7 de maio. Lançada em 2013, a HQ conta a história de humanos que, nos anos 1930, chegam a uma misteriosa ilha em uma expedição e retornam à civilização com superpoderes. Liderados por Utópico, o grupo passa a defender a Terra de ameaças alienígenas e a lutar contra o crime. Oitenta anos mais tarde, seus descendentes integram uma nova geração de heróis, com abordagens e ideologias bem diferentes de seus antecessores.

O Legado de Júpiter contará com um elenco numeroso, que cobrirá essas duas gerações. Abaixo, você confere os principais nomes escalados para a série, assim como seus respectivos papéis na história de Millar:

Josh Duhamel – Sheldon Sampson/Utópico

Quem cresceu entre os anos 2000 e 2010 com certeza conhece Josh Duhamel. Além de co-estrelar os primeiros filmes da franquia Transformers, de Michael Bay, o galã também apareceu em Quando em Roma, Juntos Pelo Acaso, Noite de Ano Novo e Com Amor, Simon. Apesar de ter causado certo estranhamento a escalação de um ator mais conhecido por comédias românticas como um super-herói da Era de Ouro, a carreira de Duhamel abrange desde dramas policiais até grandes blockbusters de ação, tornando-o, em tese, uma escolha interessante para o papel de Sheldon Sampson.

Equivalente ao Superman no mundo de O Legado de Júpiter, o personagem de Duhamel assume a identidade de Utópico, líder da misteriosa expedição que dá poderes aos indivíduos da história e fundador da União, grupo de heróis formado por seus colegas que também adquiriram superpoderes. Casado com Grace, Sheldon teve dois filhos: Chloe e Brandon.

Poderes: voo, superforça, supervelocidade, visão de calor, invulnerabilidade

Leslie Bibb – Grace Sampson/Lady Liberdade

Também conhecida pelos papéis em comédias românticas, Leslie Bibb começou a atuar nos anos 1990, com participações em Home Improvement, Pacific Blue e The Big Easy. No começo do século XXI, a atriz começou a ter mais destaque, com aparições nos dois primeiros filmes do Homem de Ferro e papéis importantes em ER, Nobodies, Bela, Recatada e do Lar e A Babá. Apesar de acumular papéis coadjuvantes, Bibb tem um currículo extenso que inclui dramas, comédias e filmes de ação.

Na série, ela dará vida a Grace, esposa de Sheldon que assume a identidade de Lady Liberdade, membro fundadora e uma das heroínas mais importantes da União. Quando não está salvando o mundo, ela vive com o marido nos arredores de Nova York.

Poderes: voo, superforça, supervelocidade, agilidade aumentada, sentidos aguçados

Ben Daniels – Walter Sampson/Onda-Cerebral

Embora não seja tão conhecido deste lado do Atlântico, Ben Daniels tem uma carreira bem-sucedida na TV britânica. Lá, ele atuou em Elizabeth I: A Rainha Virgem, Law & Order: UK e Merlin. Seus trabalhos mais conhecidos, no entanto, são ambos da Netflix: o ator viveu Adam Galloway em House of Cards e Lord Snowdon em The Crown, pelo qual venceu o SAG Awards de 2020.

Acostumado com papéis de antagonista, Daniels interpretará Walter Sampson, irmão de Sheldon e identidade secreta de Onda-Cerebral. Segundo no comando da União, Walter se torna cético em relação à visão de justiça propagada por Utópico e passa a usar seus poderes de controle mental para influenciar mudanças no grupo.

Poderes: voo, superforça, supervelocidade, controle mental, telecinese

Elena Kampouris – Chloe Sampson

Elena Kampouris é relativamente nova na indústria. Seus únicos papéis de destaque até agora foram em Sacred Lies, em que viveu a protagonista Minnow, e Casamento Grego 2, no qual interpretou a jovem Paris.

Em O Legado de Júpiter, no entanto, a atriz de 23 anos terá a chance de se firmar em Hollywood. Na série, ela viverá Chloe, filha de Utópico e Lady Liberdade, e uma das principais representantes da nova geração de heróis. Assim como seus contemporâneos, Chloe usa seu papel como heroína como uma forma de fazer dinheiro, acumulando riquezas e drogas sempre que pode. Quando seu tio, Onda-Cerebral, começa a se opor a seus pais, ela e o namorado, Hutch, fazem uma escolha que mudará o rumo da União e dos super-humanos que habitam a Terra.

Poderes: voo, superforça, supervelocidade, telecinese, criação de campos de força

Andrew Horton – Brandon Sampson

Mais um novato do elenco de O Legado de Júpiter, Andrew Horton também teve uma carreira discreta até agora. Além da nova série da Netflix, o ator teve papéis discretos em Doctors e Como Falar com Garotas em Festas, além de atuar no filme B A Maldição das Formigas Gigantes.

No entanto, seu papel em O Legado de Júpiter dará ao ator a oportunidade de mostrar um alcance que ainda não experimentou na indústria. Como Brandon, filho de Utópico e Lady Liberdade, Horton poderá explorar as nuances de um rapaz que, apesar de ser um dos heróis mais poderosos do planeta, cresceu à sombra do pai e nunca teve a oportunidade de desenvolver uma identidade própria. Seu ressentimentodirecionado à geração de heróis o coloca em rota de colisão com a própria irmã.

Poderes: voo, superforça, supervelocidade, visão de calor, invulnerabilidade

Ian Quinlan – Hutch Hutchence

Conhecido por Gotham e Sneaky Pete, Ian Quinlan também teve uma participação relativamente curta em Orange Is The New Black em 2018 e um papel discreto em The Long Way Home, minissérie de 2017. Assim como Horton e Kampouris, o ator poderá enfim mostrar seu talento em uma escala mundial com O Legado de Júpiter, onde viverá Hutch.

Filho do vilão Sky Fox, Hutch vive um caso proibido com Chloe. Um dos poucos filhos de super-herói a nascer sem poderes, o rapaz enfrenta seus oponentes com um bastão criado pelo pai, que permite que ele se teletransporte – ou aos inimigos -, além de ser muito bem treinado em artes marciais.

Poderes: nenhum

Matt Lanter - George Hutchence/Sky Fox

Embora tenha no currículo séries e filmes como Heroes, 90210 e A Escolha Perfeita 3, é mais provável que o nome de Matt Lanter seja mais conhecido por seus trabalhos como dublador. O ator deu voz a Anakin Skywalker ao longo das sete temporadas de Star Wars: A Guerra dos Clones, dublou o Aquaman em Liga da Justiça: O Trono de Atlântida e A Morte do Superman, e o Venom em Ultimate Homem-Aranha.

Em O Legado de Júpiter, Lanter voltará a dar vida a um personagem ambíguo. Conhecido como Sky Fox, George Hutchence fez parte do grupo que voltou com superpoderes da misteriosa ilha nos anos 1930 e eventualmente ajudou a fundar a União. Antes melhor amigo de Utópico, Sky Fox saiu do grupo após sua namorada o deixar para ficar com Onda-Cerebral. Aposentado, Hutchence passou a integrar o movimento que protestava contra a Guerra do Vietnã nos anos 1960, entrando em rota de colisão com os ex-colegas. Depois de sequestrar o vice-presidente norte-americano em uma manifestação, ele é preso pela União e condenado à prisão perpétua. Desde então, é visto como o maior vilão de todos os tempos.

Poderes: voo, superforça, supervelocidade, intelecto superior, prodígio na criação de equipamentos

Ao continuar navegando, declaro que estou ciente e concordo com a Política de Privacidade bem como manifesto o consentimento quanto ao fornecimento e tratamento dos dados e cookies para as finalidades ali constantes.