Netflix

Artigo

Marlon Wayans diz que chorou de “alegria e exaustão” ao ver Seis Vezes Confusão

Ator conta que não dormiu por 50 dias por conta das longas horas de maquiagem para interpretar seis personagens diferentes

Oferecimento
A cozinha
16.08.2019
13h31
Atualizada em
16.08.2019
13h47
Atualizada em 16.08.2019 às 13h47

Durante sua passagem pelo Omelete para promover Seis Vezes Confusão, nova comédia da Netflix, Marlon Wayans falou sobre os bastidores do filme em que interpreta seis personagens. O ator que, durante 50 dias, precisou chegar no set às 3 da manhã e passar por sete horas de maquiagem, chegando a dezoito horas gravações, e mais uma hora e meia para tirar a maquiagem. “Chorei na estreia, porque nossa jornada foi tão difícil. Não dormir por cinquenta dias. Interpretar todos os personagens, conversar com 'varetas', porque não tinha ninguém conversando comigo...Foi a coisa mais difícil que já fiz e chorei de alegria e exaustão. Na estreia eu estava muito orgulhoso de mim mesmo".

Mike Glock [ o diretor] nos enviou o roteiro e pensamos que seria muito divertido e pensei o quão divertido seria fazer os seis personagens. E aí quando começamos a fazer o filme percebi o quão trabalhoso seria e tudo em que pensava era: mano, quero matar Mike Glock!’, brincou Wayans.

Segundo o ator, a parte mais difícil foi mesmo a maquiagem, já a criação dos personagens foi fácil: “Estou muito orgulhoso porque fazer esses papeis diferentes. Como os personagens estão integrados e interagindo, você esquece que é o mesmo cara fazendo todas aquelas pessoas”. 

No vídeo acima você confere a entrevista completa em que Waynes também relembra falas dos seus filmes em português - de As Branquelas a Requiem por um Sonho

Seis Vezes Confusão já está disponível no catálogo da Netflix.