Quem é quem em Locke & Key, a nova aposta da Netflix

Créditos da imagem: Divulgação/Netflix

Netflix

Lista

Quem é quem em Locke & Key, a nova aposta da Netflix

Adaptação de uma HQ de terror, primeira temporada da série já está disponível na plataforma

Gabriel Avila
14.02.2020
18h50

A Netflix lançou no início de fevereiro a primeira temporada de Locke & Key. Adaptação da HQ escrita por Joe Hill e desenhada por Gabriel Rodriguez, a série acompanha a jornada dos irmãos Locke, que após o trágico assassinato do patriarca Rendell (Bill Heck) se mudam para a Keyhouse, antiga mansão da família. Pouco após se instalarem, eles descobrem que a casa é cheia de chaves mágicas que conferem poderes sobrenaturais para quem as utilize.

Conheça abaixo os principais personagens do seriado.

Tyler Locke (Connor Jessup)

Divulgação/Netflix

Connor Jessup surgiu na série infantil The Saddle Club. Participando de filmes independentes como Blackbird e Skating to New York, ele ganhou destaque ao viver Ben Mason, um dos protagonistas da série Falling Skies. Ainda na TV, Jessup participou das temporadas 2 e 3 da antologia American Crime.

Em Locke & Key, Jessup vive Tyler, o mais velho dos irmãos Locke. O rapaz vive com uma grande culpa por se tornar amigo de Sam Lesser, o assassino de seu pai. Acreditando ter influência no crime, o rapaz tenta descontar o pesar nos treinos da equipe de Hockey de sua nova cidade.

Kinsey Locke (Emilia Jones)

Divulgação/Netflix

A carreira de Emilia Jones começou cedo. Aos 9 anos, ela interpretou a versão jovem de Sarah Frobisher-Smythe em Mistério de Anubis, produção de mistério e aventura da Nickelodeon. Após pequenas participações em Piratas do Caribe: Navegando em Águas Misteriosas e Doctor Who, ela interpretou Alice Ward na série britânica Utopia. Em 2019, a atriz foi indicada ao BAFTA, o Oscar britânico, por seu papel em Horrible Histories: The Movie – Rotten Romans.

Na série, Jones vive Kinsey, a filha do meio da família Locke. Na nova cidade, ela acaba conhecendo Scot Cavendish e seus amigos. Fãs de filmes de terror, eles se denominam “Esquadrão Savini”, em homenagem ao técnico de efeitos especiais Tom Savini, conhecido por filmes como Despertar dos Mortos e Sexta-Feira 13. Inspirados pelos longas, o grupo pretende fazer seu próprio filme de terror baseado no Nefropídeo, lenda local sobre uma criatura meio homem, meio lagosta. As gravações, porém, acabam revivendo dolorosas memórias do assassinato de seu pai.

Bode Locke (Jackson Robert Scott)

Divulgação/Netflix

Membro mais jovem do elenco, Jackson Robert Scott não é estranho ao terror. Participando de séries como Mentes Criminosas e Fear The Walking Dead, o garoto ganhou destaque ao viver o jovem Georgie em It: A Coisa e It: Capítulo Dois. Scott também estrelou Skin, curta-metragem vencedor do Oscar em 2019.

Na produção da Netflix, Jackson Robert Scott vive o caçula Bode. Ao contrário de seus irmãos, ele carrega menos traumas em relação ao dia em que seu pai foi assassinado e por isso vive uma vida normal até fazer contato com uma força sobrenatural. Dodge, uma misteriosa mulher presa no poço de sua nova casa, chama o garoto e explica a ele que seu lar está cheio de chaves mágicas. Descobrindo as possibilidades dos artefatos, ele acaba libertando Dodge, criando uma perigosa inimiga para sua família.

Nina Locke (Darby Stanchfield)

Divulgação/Netflix

Darby Stanchfield começou sua carreira como atriz fazendo participações em séries como Diagnosis Murder, Angel: O Caça Vampiros e Monk: Um Detetive Diferente. Seus primeiros papéis de expressão na TV foram a doutora April Green em Jericho e Amelia Joffe, uma produtora televisiva na série General Hospital. Em seguida, ela interpretou Helen Bishop em Mad Men e Abby Whelan, uma das protagonistas de Scandal.

Na série, Stanchfield vive Nina Locke, viúva de Rendell e mãe do trio protagonista. Acreditando que uma mudança ajudaria os filhos a lidar com o luto pela morte do pai, ela decide levá-los para a Keyhouse, antiga mansão da família. Lá ela passa investigar o passado de seu esposo, que pouco falava sobre sua juventude na cidade.

Rendell Locke (Bill Heck)

Divulgação/Netflix

A carreira de Bill Heck começou com pequenas participações em séries como NCIS, CSI: Nova Iorque e Divisão Criminal. Fazendo pequenos em O Espetacular Homem-Aranha 2 e The Leftovers, o ator viveu Billy Knapp no filme A Balada de Buster Scruggs.

Em Locke & Key, Heck vive Rendell, o patriarca da família Locke. Ainda que o seriado tenha como ponto de partida seu assassinato, o personagem se faz presente através de diversos flashbacks que detalham sua rotina com os filhos a esposa Nina. Durante a primeira temporada, o passado de Rendell é peça-chave para entender a relação da família com as chaves e a ameaça de Dodge.

Duncan Locke (Aaron Ashmore)

Divulgação/Netflix

Conhecido por viver Jimmy Olsen na série Smallville, Aaron Ashmore começou como ator em pequenas produções para TV como Due South, Animorphs e Cartas de Amor. Entre seus papéis de maior expressão estão Colin McNeil em 1-800-Missing e Troy Vandergraff de Veronica Mars.

Na produção da Netflix, Ashmore vive Duncan, o irmão mais novo de Rendell. Ao contrário do primogênito, Duncan Locke nunca deixou a cidade de Matheson, vivendo como uma espécie de guardião da Keyhouse. Com a chegada da cunhada com os sobrinhos, ele finalmente consegue seguir seu próprio caminho em outra cidade.

Dodge (Laysla De Oliveira)

Divulgação/Netflix

Com pequenas aparições em séries como Covert Affairs, Nikita e iZombie, a atriz brasileira Laysla De Oliveira ganhou destaque ao viver a mutante Glow em The Gifted. Seu primeiro papel de expressão foi Becky DeMuth, a protagonista de Campo do Medo, adaptação de um conto de Stephen King lançada pela Netflix.

Em Locke & Key, Laysla vive a vilã Dodge. Presa no poço da Keyhouse, ela explica o conceito das chaves para o jovem Bode apenas para criar uma armadilha que o obrigue a soltá-la em troca de ajuda. Após conseguir sua liberdade, ela passa a tramar formas de conseguir as chaves e tomar todo o poder para si.

Sam Lesser (Thomas Mitchell Barnet)

Divulgação/Netflix

Thomas Mitchell Barnet é um dos mais jovens atores do elenco da série. Participando de produções como Mistérios do Detetive Murdoch e Wayne, seu primeiro grande papel é justamente o de Sam Lesser em e Locke & Key.

Na série, o jovem Lesser vem de um lar problemático e encontra esperança na figura de Rendell Locke, o conselheiro escolar que acredita em seu potencial. Mesmo após desenvolver um bom relacionamento com seu tutor e fazer amizade com Tyler, o garoto aparece transtornado na casa de seu tutor em uma tentativa de assalto que termina com o assassinato.

Ellie Whedon (Sherri Saum)

Divulgação/Netflix

Sherri Saum começou sua carreira como atriz na novela norte-americana Sunset Beach, em que viveu Vanessa Hart. Participando de derivados da série Law & Order, Gossip Girl e How to Get Away with Murder, seu grande papel na TV foi Bess em Em Terapia.

Em Locke & Key, Sherri vive Ellie Whedon, uma antiga amiga de Rendell. Uma das primeiras vizinhas a receber os Locke, ela se torna figura importante para Nina, que quer descobrir mais sobre a juventude de seu esposo.

Scot Cavendish (Petrice Jones)

Divulgação/Netflix

Outro jovem ator a integrar o elenco de Locke & Key é Petrice Jones. Com pequenos papéis em séries britânicas como Spotless, Doctors e Lucky Man, seu primeiro papel de grande relevância foi Tal Baker em Step Up: High Water.

Na produção da Netflix, Jones vive Scot Cavendish, jovem de origem britânica que se torna grande amigo de Kinsey Locke. O rapaz é o líder do Esquadrão Savini e responsável por escrever e dirigir o caseiro filme sobre o Nefropídeo.