Dylan Minnette em 13 Reasons Why

Créditos da imagem: Netflix/Reprodução

Séries e TV

Notícia

13 Reasons Why | Elenco busca aumento de salário considerável no 3ª ano

Negociações deixam dúvida sobre início das filmagens do novo ano

Natália Bridi
09.08.2018
00h04
Atualizada em
09.08.2018
00h33
Atualizada em 09.08.2018 às 00h33

A 3ª temporada de 13 Reasons Why deveria ter a sua primeira leitura geral de roteiro nesta quinta, mas oito membros do elenco principal ainda estão negociando seus contratos (via Deadline). 

Os atores exigem um aumento substancial e ainda não chegaram a um acordo com a Netflix. Porém, fontes próximas à situação se dizem otimistas e esperam que os contratos sejam fechados até segunda, data marcada para o início oficial da produção do novo ano. 

Segundo o Deadline, o protagonista Dylan Minnette busca um valor na casa dos US$ 200 mil por episódio, enquanto Brandon Flynn, Alisha Boe, Justin Prentice, Christian Navarro, Miles Heizer, Devin Druid e Ross Butler esperam receber US$ 150 mil por episódio.  É um aumento considerável em relação aos valores recebidos pelo elenco nas temporadas passadas, que ficavam entre US$ 20 mil e US$ 80 mil por episódio. 

Para o terceiro ano da série, a Netflix planeja produzir 13 episódios, quantia que dificulta um pouco as negociações dos atores com o estúdio - se Minnette aparece em todos os episódios, por exemplo, seu salário é US$ 200 mil x 13, representando US$ 2,6 milhões no orçamento final da série. Ainda assim, o elenco deve conseguir um valor aproximado do valor pretendido, com uma promessa de aumento caso a série ganhe uma 4ª temporada.  

As duas temporadas de 13 Reasons Why estão disponíveis no catálogo da Netflix.