Banner do álbum Michael, de 2010

Créditos da imagem: Sony Music/Divulgação

Música

Notícia

Músicas de Michael Jackson apontadas como falsas são retiradas do streaming

Fãs afirmam que três faixas do álbum póstumo Michael foram cantadas por outra pessoa

Omelete
2 min de leitura
Eduardo Pereira
06.07.2022, às 18H56

Três faixas do álbum póstumo Michael (2010), de Michael Jackson, foram removidas de todos os serviços de streaming onde estavam disponíveis em resposta a uma antiga e recorrente acusação de que teriam tido seus vocais gravados por outro artista, no ligar do Rei do Pop, que morreu em 2009. As informações são da Variety.

Em comunicado lançado pelo espólio de Jackson e pela gravadora Sony Music, os responsáveis pelos direitos do material afirmaram que as músicas "Breaking News", "Monster" e "Keep Your Head Up", foram retiradas em um esforço para "seguir além" da controvérsia, mas reforçou que os vocais não são uma farsa: "Nada deveria ser interpretado nesta ação como algo relacionado à autenticidade das faixas", afirmou a nota.

A acusação de farsa é antiga, e move uma agressiva campanha de fãs que chegou aos tribunais e resultou em um processo vencido pelo espólio de Jackson em 2018. Segundo pronunciamentos oficiais, as três músicas foram gravadas em 2007, com os compositores e produtores Edward Cascio e James Porte, dois anos antes da morte por overdose acidental do cantor.

Segundo os fãs que negam essa versão oficial, as faixas teriam sido cantadas pelo americano Jason Malachi, que chegou a admitir no Facebook ter mesmo substituído o astro nelas (via TMZ). Isso também foi negado por uma fonte oficial; no caso, o agente do cantor.

O Omelete agora tem um canal no Telegram! Participe para receber e debater as principais notícias da cultura pop (t.me/omelete).

Acompanhe a gente também no YouTube: no Omeleteve, com os principais assuntos da cultura pop; Hyperdrive, para as notícias mais quentes do universo geek; e Bentô Omelete, nosso canal de animes, mangás e cultura otaku.

 

Ao continuar navegando, declaro que estou ciente e concordo com a Política de Privacidade bem como manifesto o consentimento quanto ao fornecimento e tratamento dos dados e cookies para as finalidades ali constantes.