James Gunn se diz triste com declaração de Scorsese sobre filmes da Marvel

Créditos da imagem: James Gunn/Gage Skidmore/Flickr

Filmes

Notícia

James Gunn se diz triste com declaração de Scorsese sobre filmes da Marvel

Mesmo chateado, diretor escreveu que não vê a hora de assistir O Irlandês

Itaici Brunetti
04.10.2019
16h14

James Gunn, diretor de Guardiões da Galáxia Esquadrão Suicida, ficou chateado com a declaração de Martin Scorsese, de que a Marvel não faz cinema de verdade. Em seu Twitter, o diretor escreveu:

"Martin Scorsese é um dos meus 5 cineastas vivos favoritos. Fiquei indignado quando as pessoas criticaram 'A Última Tentação de Cristo' sem ter assistido ao filme. Estou triste por ele estar julgando os meus filmes da mesma maneira".

Em outro tuíte, Gunn complementou dizendo que ainda ama o diretor de Taxi Driver e Gangues de Nova York: "Isso é triste. Sempre vou amar o Scorsese e ser grato por sua contribuição ao cinema. Não vejo a hora de assistir 'O Irlandês'", ele completou, se referindo ao próximo filme de Scorsese, que estreia em 27 de novembro na Netflix"

James Gunn está confirmado para dirigir Guardiões da Galáxia vol. 3 e a sequência de Esquadrão Suicida.