Foto de Vingadores: Ultimato

Créditos da imagem: Vingadores: Ultimato/Marvel Studios/Divulgação

Filmes

Notícia

Vingadores: Ultimato | Diretores explicam a decisão da Viúva Negra

Cuidado com spoilers abaixo

Camila Sousa
02.05.2019
17h54

[Cuidado com spoilers abaixo]

Em entrevista para a EW, os Irmãos Russo falaram sobre a decisão da Viúva Negra em se sacrificar para conseguir a Joia da Alma em Vingadores: Ultimato. Na cena, ela luta contra seu amigo Clint, o Gavião Arqueiro, para decidir quem fará o sacrifício:

“É uma luta para saber quem vai se matar. É um conceito de cena maluco. E como é mostrado no primeiro filme dos Vingadores, ela é uma lutadora melhor do que ele, então quando aparece uma luta entre os dois, ela vence”, diz Joe.

No entanto, alguns fãs na internet ficaram incomodados com a construção da cena, já que Natasha dá a entender que Clint precisa sobreviver por causa de sua família, indicando que a vida dele vale mais do que a dela por causa disso. Outros entederam que a morte da personagem serviria apenas para motivar os personagens masculinos, como acontece com várias personagens mulheres na cultura pop.

“Nós começamos o filme com a família do Gavião Arqueiro. Ela o lembra disso na cena. Os dois têm a mesma missão naquele momento: ‘não vou deixar você se matar’, mas ele tem interesses misturados, o que eu sinto que tira o foco dele e não dela”, completa Joe.

“Para mim é uma das cenas mais tristes do filme, porque realmente coloca duas pessoas em uma ‘escolha de Sophia’, uma posição de ‘você vai deixar seu amigo morrer ou vai se sacrificar?’”, disse Anthony.

Para os diretores, Natasha não está jogando sua vida fora, mas sim tomando uma decisão que coloca o amigo e o universo acima dela. “O tema do filme é: você pode mudar seu destino, mas qual é o custo? Você está disposto a pagar? Pelo lado dos Vingadores a resposta é um grande ‘sim’. Em Guerra Infinita eles dizem que não negociam vidas e havia um desejo de proteção. Aqui há um desejo de se sacrificar para alcançar o objetivo. Acho que é um progresso natural. A primeira coisa que você tenta fazer é proteger todo mundo. Então você percebe que não funciona dessa forma e os heróis verdadeiros tomam à frente dispostos a fazer sacrifícios pelo bem maior”.

Vingadores: Ultimato está em cartaz nos cinemas e já bateu vários recordes de bilheteria - confira os números aqui.