Filmes

Lista

O que são as Joias do Infinito e como derrotar Thanos

Para onde vão as pedras que unem o Universo Cinematográfico da Marvel

Natália Bridi
07.12.2018
12h21

As Joias do Infinito conectam o Universo Cinematográfico da Marvel (MCU) em torno de uma grande trama, cujo ápice passa por Vingadores: Guerra Infinita e deve terminar em Vingadores 4 (estreia prevista para abril de 2019).

Como o Colecionador explica em Guardiões da Galáxia, antes da criação do universo, existiam seis singularidades, que foram transformadas nas Joias do Infinito pelas Entidades Cósmicas (Morte, Entropia, Infinito e Eternidade). Cada pedra representa um aspecto diferente do universo: Espaço, Mente, Realidade, Poder, Alma e Tempo. Como não podem ser manipuladas por seres inferiores, as pedras são colocadas em unidades de contenção. Aquele que possuir as seis joias se torna onipotente e onisciente.

A seguir, catalogamos todas as joias e especulamos quais seriam as formas de derrotar a Manopla que reúne todas as gemas. 

Joia do Espaço

Cor: Azul | Unidade de Contenção Original: Tesseract | Atual localização: Manopla do Infinito de Thanos | Antigos proprietários: Entidades Cósmicas, Odin (até 965), Guardião da Igreja (até 1942), Caveira Vermelha (1942-1945), Howard Stark (1945-1949), S.H.I.E.L.D. (1949-2012), Loki (2012), Odin (até 2017) | Atributos: acesso instantâneo a qualquer local do universo, também usada na criação de armas | Aparições: Thor (2011), Capitão América: O Primeiro Vingador (2011), Vingadores (2012) e Thor: Raganarok (2017), Vingadores: Guerra Infinita (2018)

Joia da Mente

Cor: Amarela | Unidade de Contenção Original: Cetro | Atual localização: Manopla do Infinito de Thanos | Antigos proprietários: Entidades Cósmicas, Thanos (até 2012), Loki (2012), S.H.I.E.L.D. (2012-2014), HYDRA (2014-2015), Vingadores (2015), Ultron (2015), Visão  | Atributos: Manipulação de mentes, desenvolvimento de habilidades especiais e criação de inteligência artificial | Aparições: Vingadores (2012), cena pós-créditos de Capitão América: Soldado Invernal (2014), Vingadores: Era de Ultron (2015), Capitão América: Guerra Civil (2016), Vingadores: Guerra Infinita (2018)

Joia da Realidade

Cor: Vermelha | Unidade de Contenção Original: manifesta-se como éter | Atual localização: Manopla do Infinito de Thanos | Antigos proprietários: Entidades Cósmicas, Malekith (até 2988 AC), Bor (2988 AC), Jane Foster (2013), Malekith (2013), Asgard (2013) | Atributos: Manipulação da realidade, pode ser absorvida pelo corpo de um anfitrião, garantindo força e capacidades quase ilimitadas | Aparições: Thor: O Mundo Sombrio (2013),  Vingadores: Guerra Infinita (2018)

Joia do Poder

Cor: Roxa | Unidade de Contenção Original: Orbe | Atual localização: Manopla do Infinito de Thanos | Antigos proprietários: Entidades Cósmicas, Celestiais (antes do século XX), Star-Lord/Guardiões da Galáxia (2014), Ronan, o Acusador (2014) | Atributos: Usada em todo seu potencial, a joia tem o poder de destruir um planeta inteiro | Aparições: Guardiões da Galáxia (2014), Vingadores: Guerra Infinita (2018)

Joia do Tempo

Cor: Verde | Unidade de Contenção Original: Olho de Agamotto | Atual localização: Manopla do Infinito de Thanos  | Antigos proprietários: Entidades Cósmicas, Agamotto, Anciã (em Kamar-Taj)| Atributos: Agamotto, o primeiro Mago Supremo, criou a unidade que contém o poder de manipulação do tempo da pedra | Aparições: Doutor Estranho (2016) e Thor: Raganarok (2017), Vingadores: Guerra Infinita (2018)

Joia da Alma

Cor: Laranja | Atual localização: Vormir | Atributos: usada em todo seu potencial, tem o poder de criar e controlar todas as formas de vida no universo |  Atual localização: Manopla do Infinito de Thanos | Antigos proprietários: Entidades cósmicas, localizada no planeta Vormir e guardada pelo Caveira Vermelha (transportado para lá depois de segurar a Joia dos Espaço nas mãos)  | Aparições: especulava-se que poderia ser um detalhe na armadura de Heimdall, teoria descartada depois de Thor: Raganarok. Outra possibilidade era que estivesse localizada em Wakanda, outra teoria descartada (entenda). Em Guerra Infinita descobrimos que ela é guardada pelo Caveira Vermelha e que, para consegui-la, é necessário sacrificar o que se mais ama  | Aparição: Vingadores: Guerra Infinita (2018)

Entidades Cósmicas

Morte, Entropia, Infinito e Eternidade são as criadoras das Joias do Infinito. As entidades ainda não foram detalhadas no Universo Cinematográfico da Marvel, mas em Guardiões da Galáxia são representadas no cofre do templo de Morag, onde Peter Quill encontra a Orbe. A ilustração também aparece durante a explicação do Colecionador sobre as pedras. 

A visão de Thor

Em Vingadores: Era de Ultron (2015), Thor vai em busca de respostas para o delírio sombrio que teve depois de ser tocado pela Feiticeira Escarlate. Com a ajuda de Erik Selvig, ele encontra as Águas das Visões, que tem ligação com os Nove Reinos. Lá, Thor vê a destruição de Asgard, as quatro Joias do Infinito já encontradas e o nascimento de Visão. Thor: Ragnarok, porém, resolve esse gancho com uma piada. "Fui procurar as Joias do Infinito, não encontrei nenhuma", diz o herói logo no início do filme. 

Thanos

Depois de estrear na cena pós-créditos de Vingadores (2012), Thanos apareceu brevemente em Guardiões da Galáxia (2014) e na cena pós-créditos de Vingadores: Era de Ultron (2015), sempre envolvido na busca pelas joias, ainda que seus planos não tenham sido detalhados no cinema. O trailer de Guerra Infinita (veja aqui) já mostra Thanos com a manopla (com as joias do Espaço e do Poder) e a cena pós-créditos de Thor: Ragnarok (2017) dava pistas de um dos passos da sua jornada com a nave do Titã Louco cruzando o caminho de Thor, Loki e Cia. E em Vingadores: Guerra Infinita descobrimos que a destruição do seu planeta-natal Titã o levou a querer reunir as Joias do Infinito para "equilibrar o universo". Depois de bem-sucedido, ele se retira com o braço ferido para uma fazenda em um planeta idílico ainda não identificado. 

 

Como derrotar Thanos

Marvel Studios/Reprodução

Após o desfecho de Vingadores: Guerra Infinita muitas teorias surgiram sobre como seria o contra-ataque dos heróis, com viagens no tempo e universo quântico estando entre as principais possibilidades. Nos quadrinhos, Thanos já foi derrotado diversas vezes, muitas sendo vítima do seu ego vilanesco, outras vítima da engenhosidade dos heróis. No arco Thanos War, o titã louco foi derrotado por Capitão Marvel, que usou as suas últimas forças para destruir o cubo cósmico e assim romper a fonte do seu poder. Em outra ocasião, Homem-Aranha conseguiu libertar Adam Warlock da Joia da Alma, que então derrotou o vilão. Já em Desafio Infinito, uma das principais bases de Guerra Infinita, Thanos é derrotado pela própria grandiosidade, já que ele transcende seu corpo físico. Acontece que como seu corpo fica lá com a Manopla, ela é roubada por Nebula, com o próprio Titã se juntando aos Vingadores para derrotá-la. Depois Adam Warlock usa os poderes da Manopla para destruir toda destruição causada por Thanos. É possível que algo similar aconteça em Vingadores 4, mas com outro herói tomando o lugar de Warlock na hora de usar a Manopla para o "bem". Outro elemento que deve ser levado em conta no cinema é o emocional do vilão, que sacrificou sua filha favorita para realizar seu plano e agora deve viver com as consequências das duas escolhas.