Mangás e Animes

Notícia

Sakugan promete aventura e humor na medida certa

Memempu parece ser uma ótima protagonista

Diego Lima
03.08.2021
13h28

Imagine viver em um mundo subterrâneo, convenientemente chamado de Underground. No maior estilo Attack on Titan, os adultos recomendam que ninguém deixe a colônia, porque o labirinto que existe lá fora é perigoso e cheio de monstros. As poucas pessoas com coragem para explorar o desconhecido usam mechas semelhantes aos de Code Geass. E você, a protagonista, tem o espírito de aventura dos caçadores de Hunter x Hunter.

Esse foi o primeiro episódio de Sakugan. Uma história que parece se inspirar um pouco em muitas outras, mas sem que perca uma essência própria. Nitidamente, o espírito de aventura sera constantemente exaltado nesta jornada, que também não omite o lado mais perigoso e brutal de enfrentar criaturas hostis que habitam o desconhecido.

Memempu, a protagonista, é uma jovem genial de nove anos que já fez faculdade e sonha constantemente com uma paisagem que lembra o lançamento de um foguete — algo impossível no subterrâneo. Ela vive junto com Gagumber, o pai dela, que sente muito medo de deixar a filha se tornar uma exploradora (provavelmente, porque ele perdeu uma pessoa querida que seguiu esse sonho).

Memempu em Sakugan.

Memempu, a protagonista de Sakugan.

Crunchyroll

Pode até ser um tipo de conflito familiar clichê para animes que dão importância à relação pai e filha, mas existe uma reviravolta no final do primeiro episódio que surpreenderá muitos espectadores. Aliás, a maneira como o diálogo entre Gagumber e Walsh (pai de Lynda) aborda essa questão foi simplesmente sensacional. Não pense que estamos falando de mais um roteiro com simples frases de efeito e gritos, não. Parece haver muito mais profundidade no texto do que você imagina, e é bem fácil se sentir impactado pelo que estão dizendo.

Em grande parte, isso se deve à direção, que sabe como tornar cada desenvolvimento um pouco mais impactante por meio da trilha sonora e das transições, além da animação, que é brilhante quando está em 2D — as cenas em 3D deixam a desejar, mas o episódio ao qual o Omelete teve acesso por meio da Crunchyroll ainda não estava finalizado.

Muitos mistérios surgem no primeiro episódio de Sakugan. Por que as colônias existem? O que houve com o mundo da superfície? Quem criou os labirintos que existem entre uma colônia e outra? Quem realmente é Urorop, a lendária Marker que teria conseguido criar um mapa completo do underground? Por que ela enviou um presente tão importante para Memempu?

Gagumber, pai da Memempu.

Gagumber, pai da Memempu.

Crunchyroll

Obviamente, todas essas questões serão respondidas conforme a história se desenvolver. Além do suspense, existe também uma clara preocupação com trazer mais leveza ao enredo por meio de um uso inteligente do humor, que cai como uma luva graças à personalidade de Memempu. Só não se deixe enganar: o capítulo de estreia diz, nitidamente, que potenciais fãs devem se preparar para bastante drama também... Aquele final ali doeu. 

Caso você assista ao primeiro episódio quando for lançado, em outubro de 2021, provavelmente, se fará as mesmas perguntas. E, honestamente, é quase impossível não querer saber mais a respeito. Sakugan pode estar relativamente distante, mas com certeza já deixou uma ótima impressão em minha memória. Que venham os próximos.

Ao continuar navegando, declaro que estou ciente e concordo com a Política de Privacidade bem como manifesto o consentimento quanto ao fornecimento e tratamento dos dados para as finalidades ali constantes.