Samba, disco, festa de formatura e um “jogo mortal”: VERIVERY fala do novo álbum

Créditos da imagem: Os sete membros do VERIVERY (Reprodução/Twitter)

Música

Artigo

Samba, disco, festa de formatura e um “jogo mortal”: VERIVERY fala do novo álbum

Grupo de k-pop diz que adoraria se apresentar no Carnaval do Rio e exalta amadurecimento na carreira

Caio Coletti
31.08.2021
15h04

O VERIVERY não sabe parar de crescer. 2021 tem sido um ano espetacular para o septeto de k-pop, que encontrou sucesso sem precedentes com “Get Away” e não esperou nem seis meses para presentear os fãs com a sucessora “Trigger” - que, ao que tudo indica, será um hit ainda maior. Lançado há pouco mais de uma semana, no dia 23, o MV (clipe, no jargão do k-pop) de “Trigger” já atingiu 10 milhões de visualizações no YouTube. Para efeitos de comparação, “Get Away”, no ar desde março, tem 16 milhões.

Na entrevista do grupo ao Omelete, o líder Dongheon disse que a pressão aumenta com o sucesso. Não podemos dizer que não sentimos pressão. Cada álbum nos traz pressão, porque devemos apresentar performances melhores”, comentou.

Mas nós temos superado todas as pressões que encaramos”, rebateu imediatamente o maknae (apelido carinhoso dado ao membro mais novo de um grupo) do VERIVERY,  Kangmin, provocando risos encabulados dos colegas. Ele não está errado.

Amadurecimento e disco music

Por falar em Kangmin, o cantor de 18 anos (completados em janeiro) deve surpreender os fãs durante esta nova fase do VERIVERY. Quem diz isso é Hoyoung, dançarino principal do grupo, que exaltou o amadurecimento do colega em um dos momentos-fofura da entrevista.

O nosso Kangmin amadureceu muito, isso com certeza vai surpreender as pessoas. Todos nós sempre ficamos orgulhosos quando vemos as coisas que ele é capaz de fazer, e acho que os fãs sentirão isso muito também”, comentou Hoyoung, enquanto o maknae era carinhosamente beliscado e abraçado por Yeonho, vocalista principal do VERIVERY.

A nova era do grupo é marcada não só pelo single “Trigger” como também pelo mini-álbum (jargão coreano para o que chamamos de EP no Ocidente) Series ‘O’ [Round 2: Hole], que continua uma narrativa sombria que o VERIVERY vem construindo com as letras e vídeos desta fase da carreira.

No último álbum, nós éramos convidados para uma festa muito estranha. Dessa vez, as coisas se confundem com a aparição de uma entidade, uma presença, que nenhum de nós queria encarar. Ela traz uma imersão em nós mesmos, uma erosão sombria. A história que se segue é como um jogo mortal, em que nosso objetivo é completar uma jornada perigosa”, explicou o membro Minchan. 

Nas fotos conceituais do Round 2: Hole, os membros aparecem trancados em salas brancas individuais, enquanto no clipe lutam contra uma força misteriosa, personificada por um objeto voador metálico. Tudo muito enigmático, como é costume do VERIVERY (vide o pequeno curta de terror que é o clipe de “Tag Tag Tag”), incentivando os fãs a criarem suas teorias sobre a narrativa.

Os membros do VERIVERY nas fotos promocionais do novo disco (Reprodução/Twitter)

Em meio a essa história complexa, no entanto, sobra espaço para a leve e divertida “Prom”. Com sua linha de baixo e seu pacote de cordas inspirados na disco music, a canção é composta por quatro membros do VERIVERY: Dongheon, Yeonho, Gyehyeon e Yongseung. Como o título indica, a letra é inspirada em uma festa de formatura, experiência que - por causa da vida de idols - os membros nunca tiveram.

“Apesar de não termos vivido isso, é um tema muito simbólico, então queremos que os VERRERs [nome dado aos fãs do grupo] evoquem memórias de formatura, ou criem expectativas para o futuro, enquanto estão ouvindo essa música. No processo de escrever ‘Prom’, pensei que a disco music era ideal para inspirar os fãs a dançarem neste verão quente”, definiu Dongheon.

Samba e um retorno aguardado

O VERIVERY durante entrevista ao Omelete (Divulgação)

Outra diferença do novo álbum em relação ao anterior é a participação de Minchan nas atividades do grupo. Durante a promoção de “Get Away”, o VERIVERY apareceu como um sexteto - Minchan, de 22 anos, tirou um hiato de oito meses após sofrer sintomas de ansiedade, obtendo tratamento psicológico, e garante que se sente mais forte agora.

Enquanto eu estava passando um tempo sozinho, senti muita falta do contato com os VERRERs”, confessou ele ao Omelete. “Passei um tempo preocupado com a forma como poderia falar sobre os meus problemas com os fãs, e pude me apresentar em algumas ocasiões especiais. Agora que estou de volta, é bom ver os nossos sete membros reunidos, e espero que recebamos muito amor dos fãs novamente.

Além dos muitos gêneros musicais abordados pelo VERIVERY em seus discos, o grupo costuma explorar novos horizontes com a série VERIground, lançada no YouTube, em que membros (individual ou coletivamente) fazem covers ou performances de dança embaladas por músicas de outros artistas. Já rolou Olivia Rodrigo, Justin Bieber, Baekhyun, Troye Sivan e muito mais - confira na playlist.

O que falta nessa lista? Um bom sambinha, é claro! Perguntado sobre música brasileira, Yeonho se animou com a possibilidade de se apresentar no Carnaval do Rio de Janeiro um dia. É um dos maiores festivais de música do mundo! Seria uma oportunidade incrível. Todos os sete membros dançando um samba, ou tentando...”, brincou.

O líder Dongheon se mostrou fã de outros ritmos nacionais, mas concordou com o colega: Eu acho que a música do Brasil tem um lado meio ‘jazzy’, mas também esse senso de Carnaval. Há canções muito gentis e lindas de bossa nova, mas o VERIVERY ia querer fazer uma música para dançar! Algo mais grandioso, é o nosso estilo”.

O ano que o grupo está tendo em 2021 não o deixa mentir.

Ao continuar navegando, declaro que estou ciente e concordo com a Política de Privacidade bem como manifesto o consentimento quanto ao fornecimento e tratamento dos dados para as finalidades ali constantes.