Cena de A Casa do Dragão

Créditos da imagem: HBO/Divulgação

Séries e TV

Notícia

A Casa do Dragão não terá cenas de violência sexual, garante roteirista

Sara Hess, que é também produtora, revelou que menção a abuso acontece fora de cena

Omelete
2 min de leitura
02.08.2022, às 21H31
ATUALIZADA EM 03.08.2022, ÀS 10H19
ATUALIZADA EM 03.08.2022, ÀS 10H19

Em resposta às críticas recorrentes às escolhas de Game of Thrones em retratos de violência sexual, representados de forma marcante pelo episódio do estupro de Sansa Stark (Sophie Turner) na quinta temporada, o derivado A Casa do Dragão (ou House of the Dragon) não será cenas de violência sexual. Quem garante isso é a roteirista e produtora executiva Sara Hess.

"Eu gostaria de deixar claro que não exibimos violência sexual na série", afirmou Hess. "Nós lidamos com um caso fora de cena, e mostramos o que acontece depois, bem como o impacto na vítima e na mãe do agressor. Eu acho que o que nossa série faz, e o que eu tenho orgulho que aconteça, é que focamos em como a violência contra mulheres é inerente a um sistema patriarcal".

Hess continuou: "Há muitas produções histórias ou baseadas em momentos da história que romantizam homens poderosos em relacionamentos sexuais e amorosos com mulheres que não estavam na idade de consentimento, ainda que tivessem 'dispostas' a permanecer na relação. Nós colocamos isso na tela e não fugimos ao fato de que nossas protagonistas na primeira metade são coagidas e manipuladas a fazer a vontade de homens adultos".

"Isso não é feito necessariamente por quem chamaríamos de estupradores ou abusadores, mas sim por homens geralmnte bem intencionados que não eram capazes de enxergar que o que faziam era traumático e opressos", acrescentou a produtora. "Porque o sistem em que vivem normaliza isso. É menos óbvio que estupro, mas tão pernicioso quanto, ainda que de maneira distinta".

Situada 200 anos antes dos eventos de Game of ThronesA Casa do Dragão é baseada no livro Fogo & Sangue, de George R. R. Martin. Os showrunners serão Ryan Condal (Colony) e Miguel Sapochnik (Thrones).

O elenco da derivada terá ainda Matt Smith (Morbius), Olivia Cooke (Jogador Nº 1), Paddy Considine (The Outsider), Rhys Ifans (O Espetacular Homem-Aranha), Steve Touissant (Príncipe da Pérsia), Sonoya Mizuno (Devs) e Graham McTavish (Preacher), entre outros.

A Casa do Dragão chega à HBO Max em 21 de agosto de 2022.

Omelete agora tem um canal no Telegram! Participe para receber e debater as principais notícias da cultura pop (t.me/omelete).

Acompanhe a gente também no YouTube: no Omeleteve, com os principais assuntos da cultura pop; Hyperdrive, para as notícias mais quentes do universo geek; e Bentô Omelete, nosso canal de animes, mangás e cultura otaku.

Ao continuar navegando, declaro que estou ciente e concordo com a Política de Privacidade bem como manifesto o consentimento quanto ao fornecimento e tratamento dos dados e cookies para as finalidades ali constantes.